Camuflagem de estrias: como funciona e principais técnicas

Escrito por
Em 06.09.21

iStock

Por                                
Em 06.09.21

As estrias são as grandes vilãs entre as mulheres, podem causar constrangimento e até problemas de autoestima. Entretanto, existem técnicas como a camuflagem de estrias que podem reduzir a aparência delas. Confira a seguir a explicação da dermatologista Dra. Gláucia Wedy (CRM 164495), da clínica Carvalho Concept, sobre os tipos de camuflagens, cuidados e riscos de cada método.

Publicidade

Índice do conteúdo:

O que é camuflagem de estrias?

Segundo a dermatologista, as estrias surgem devido ao estiramento da pele causado pela gravidez, ganho de peso, predisposição genética, hidratação da pele e dieta. Dra. Gláucia explicou que “as estrias ocorrem na pele, tanto de homens quanto de mulheres, e se formam pelo rompimento das fibras elásticas e de colágeno. A camuflagem é um método para minimizar a aparência dessas estrias”. Para a profissional “o ideal é sempre promover o crescimento do colágeno na região, dando mais sustentabilidade à pele”.

Métodos de camuflagem de estrias

A seguir, conheça quais são os principais métodos de camuflagem de estrias citados pela profissional e como cada um deles funciona:

Tatuagem estética

iStock

Esse método tem como objetivo pigmentar a estria com um tom de tinta mais próximo ao tom da pele da pessoa. Segundo a dermatologista, “o procedimento cobre linhas brancas, roxas ou avermelhadas e deve ser realizado por um profissional capacitado, pois caso a cor da tinta difira da cor da pele do paciente, uma mancha permanente ficará na região tatuada”.

Além disso, Gláucia fez o alerta de que “inconvenientes existem, então caso a pessoa se exponha ao sol, a área tatuada não irá bronzear e ficará evidente”. Como o procedimento é semelhante à tatuagem comum, a dermatologista informou que ele só poderá ser removido por laser.

Microagulhamento

iStock

Segundo Gláucia, “essa técnica é promove a produção de colágeno na estria, assim, ela ficará menos profunda e menos alargada”. Esse procedimento traz ótimos resultados em poucas sessões, mas a quantidade vai depender da resposta individual do paciente, como o tipo de estrias, características da pele e idade.

Cada sessão dura de 30 minutos a 1 hora e pode ser feita com aparelhos como o roller e o MMP. É importante não se expor ao sol após cada sessão por cerca de cinco dias.

Publicidade

Laser

iStock

A Dra. Gláucia informou que alguns tipos de lasers como o fracionado, o ablativo (CO2) ou não ablativo (erbium1540), podem ser utilizados para promover a produção de colágeno nas estrias. “O laser ablativo penetra na pele atingindo camadas mais profundas, já o não ablativo é mais suave e a paciente não precisa interromper a sua rotina”, explicou a Dra.

A médica informou que “o ideal é não se expor ao sol durante o tratamento” e que número de sessões e duração da técnica também dependerá de cada paciente e da resposta à produção do colágeno.

Peeling de ácido retinoico

iStock

Esse procedimento é feito pela aplicação de um medicamento tópico para promover a produção de colágeno nas estrias e estimular o preenchimento das camadas da pele. “A escolha nas concentrações da medicação deve seguir sob a orientação de um dermatologista, pois altas concentrações devem ser aplicadas em consultório”, alertou a Dra. Gláucia. O tempo de aplicação da técnica dependerá das características das estrias e “o ideal é não se expor ao sol durante o tratamento”.

A Dra. Gláucia ressaltou que “fatores como idade, fototipo de pele (cor da pele), história prévias de cicatrização alterada, uso de medicamentos devem ser avaliados e considerados para a melhor escolha do tratamento”. Dessa forma, é imprescindível consultar um dermatologista para verificar se o método de camuflagem de estrias é aplicável para o seu caso.

Saiba mais sobre a camuflagem de estrias

A seguir, confira vídeos com mais informações sobre a técnica e relato de experiências de pessoas que fizeram o procedimento:

Técnica de camuflagem de estrias por microagulhamento

Nesse vídeo, o profissional Heitor Cruz mostra como é feito o procedimento de microagulhamento com roller e dermapen. Além disso, ele fala sobre a importância do profissional dominar a técnica para evitar danos à pele da paciente. Assista ao vídeo para saber mais!

Camuflagem de estrias com tatuagem estética

Publicidade

Acompanhe nesse vídeo como é feita a camuflagem com a técnica da pigmentação da cor da pele. A youtuber Taiane Araújo também conta algumas dicas dos cuidados necessários pós-procedimento para alcançar resultados satisfatórios.

Resultado após um mês da camuflagem de estrias

Nesse vídeo, confira o resultado após um mês do procedimento de tatuagem estética para camuflar estrias. Assista ao vídeo para saber mais detalhes da experiência da youtuber Taiane Araújo!

Vale ressaltar a importância de realizar qualquer técnica de camuflagem de estrias com um profissional que domine a técnica. Assim, o procedimento será seguro e você terá bons resultados! Aproveite e saiba mais sobre óleo para estrias para manter pele hidratada.

Assuntos: Corpo