Dicas de Mulher Dicas de Comportamento

Como fazer artesanato e vender pela internet

Confira ideias do que fazer para comercializar e informações de onde começar vendendo, além de dicas de um especialista

em 13/10/2015

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Atualmente, muitas pessoas buscam na internet possibilidades de empreenderem trabalhando com aquilo que mais gostam. O artesanato, que é uma técnica manual utilizada para produzir objetos feitos a partir de matéria-prima natural, tem passado de geração para geração e há algum tempo encontra mercado fértil nesse meio virtual.

Marcel Spadoto, sócio diretor da Opportunity Consulting, comenta que o artesanato é de suma importância para o Brasil, pois responde pela atividade e sobrevivência de quase 5% da população brasileira, movimentando acima de R$ 50 bilhões por ano, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

A internet, por sua vez, permite que os produtos artesanais sejam divulgados de forma relativamente simples e atinjam os mais variados públicos, independentemente das distâncias geográficas. Por exemplo: se antes você era conhecida por fazer e vender bons produtos apenas na sua cidade, hoje você pode divulgar todo seu trabalho para pessoas de todas as cidades do País (e até fora do Brasil).

Se você tem interesse em atuar nesta área e está buscando ideias do que produzir, vai adorar as sugestões abaixo. Vale lembrar que estes são exemplos do que é possível fazer e vender pela internet, mas as possibilidades são infinitas. E no Youtube mesmo você pode encontrar muitos outros vídeos específicos, de acordo com aquilo que você está procurando fazer.

12 ideias do que fazer para vender

Encontre inspiração para começar seu pequeno negócio baseado em artesanatos:

1. Caixas decoradas em MDF

Caixa MDF quadrada por R$42 no Elo7

Caixa MDF quadrada por R$42 no Elo7

Este é um dos artesanatos mais populares, inclusive na internet. Quem trabalha com caixas decoradas em MDF costuma dizer que este é um trabalho extremamente relaxante e que ainda pode render um bom dinheiro.

É um tipo de produto bastante procurado por ser uma ótima opção para presentear, afinal, um presente artesanal geralmente oferece mais afeto e carinho do que um presente industrializado. Além disso, as caixas têm diversas utilidades e costumam agradar a maioria das pessoas.

Pode ser feita de várias formas e é exatamente a criatividade que transformará sua caixa decorada num produto especial!

Como fazer: Craquelê em Madeira MDF | Caixa de madeira com tecido floral

2. Artigos para bebês

Cesta para bebês por R$58 no Elo7

Cesta para bebês por R$58 no Elo7

São inúmeros os produtos artesanais que podem ser feitos destinados aos cuidados e também à decoração do quarto do bebê: kit higiene, kit berço, toalhas de banho, babador, fraldas, almofadas, bolsas maternidade e muito mais. Isso sem falar de roupinhas, sapatinhos de crochê, faixinhas de cabelo para meninas e mais uma infinidade de opções fofas.

Como fazer: Kit higiene para bebê | Lixeira para quarto de bebê com material reciclável

3. Artigos para casamentos

Placas para cadeiras dos noivos por R$66 no Elo7

Placas para cadeiras dos noivos por R$66 no Elo7

Os artesanatos têm sido usados cada vez mais para personalizar um casamento. A criatividade, o capricho e o bom gosto são fatores fundamentais na hora de produzir estes produtos que terão grande valor sentimental para o casal e demais pessoas envolvidas no evento.

Os artigos que podem ser feitos são incontáveis: convites; plaquinhas para animar a cerimônia e a festa; boneca porta-aliança para daminhas; cabides com iniciais dos noivos; buquê de Santo Antônio; noivinhos de biscuit; kits e caixas para convite dos padrinhos; chinelos personalizado; lembranças em geral etc.

Como fazer: Cabide de noiva personalizada | Noivinhos em biscuit

4. Artigos para festa em geral

Bolo cenográfico Frozen por R$380 no Elo7

Bolo cenográfico Frozen por R$380 no Elo7

Mas não é só no universo dos casamentos que os artesanatos têm grande utilidade. Atualmente, para qualquer festa, as pessoas costumam solicitar artigos como convites personalizados, bolos cenográficos (especialmente em festas infantis), embalagens para docinhos personalizadas, enfeites de mesa e muito mais.

A dica é usar a criatividade e apostar nos mais variados produtos que complementarão uma festa infantil, um aniversário de 15 anos, um chá de bebê ou chá de cozinha etc.

Como fazer: Bolo fake | Enfeite de mesa com balões

5. Bijuterias

Anel com Resina Turquesa por R$35 no Elo7

Anel com Resina Turquesa por R$35 no Elo7

As bijuterias sempre fizeram muito sucesso e, quando feitas artesanalmente, têm a vantagem de serem mais exclusivas.

Maxicolares, correntinhas, brincos, pulseiras, braceletes são algumas das opções para fazer e vender pela internet. Mais uma vez, a criatividade e o capricho são fatores fundamentais para o sucesso das vendas!

Como fazer: Como fazer bracelete | Maxibrinco Boho

6. Scrapbook

Scrapbook livro de receitas por R$100 no Elo7

Scrapbook livro de receitas por R$100 no Elo7

Este é um tipo de artesanato que faz muito sucesso, ainda que não seja uma novidade. O scrapbook pode ser composto por fitas decorativas, desenhos, enfeites diversos e vários outros elementos a gosto. Por isso, criatividade para criá-lo é mais uma vez palavra-chave.

Ele pode ser feito com o objetivo de reunir fotografias e com espaço para textos curtos sobre cada uma delas, nos mais variados temas (por exemplo: viagem ou família); pode ser feito no estilo de um livro de receitas; como agenda e muito mais.

Como fazer: Álbum de Scrapbook | Página em Scrapbook – Faça você mesmo | Scrapbook álbum viagens | Scrapbook – Tutorial Álbum Canaleta

7. Lembrancinhas diversas

Álcool gel lembrancinha por R$2,90 no Elo7

Álcool gel lembrancinha por R$2,90 no Elo7

Atualmente, lembrancinhas são dadas nos mais vaiados tipos de festa e ocasiões especiais: casamentos, aniversários infantis e de adultos, chás de bebê ou de cozinha, batizado, na maternidade, em eventos corporativos etc. Dessa forma, a procura por produtos diferenciados e bem feitos é grande.

Além disso, uma lembrancinha pode ser dada a alguém ainda como um gesto carinhoso, um presente mesmo.

As opções de lembrancinhas que podem ser feitas são inúmeras: chinelos personalizados, canecas, difusores de aromas, almofadas, sabonetes, ecobags, porta-lápis e muito mais.

Como fazer: Faça sua Lembrancinha de Maternidade Pronvençal | Chinelo de pérolas

8. Roupas

Blusa bordada à mão com pérolas por R$60 no Elo7

Blusa bordada à mão com pérolas por R$60 no Elo7

As peças de roupas artesanais sempre fizeram sucesso, pois permitem uma maior personalização. Muitas, inclusive, ganham um toque especial, como bordados à mão, pinturas etc. É possível trabalhar com vestidos, t-shirts (que estão muito “em alta”), saias, várias peças em crochê e muito mais.

Como fazer: Vestido godê simples | Cropped de crochê | Biquíni de crochê

9. Bolsas, estojos e nécessaires

Bolsa carteiro com desenho de rosas por R$90 no Tanlup

Bolsa carteiro com desenho de rosas por R$90 no Tanlup

Com a produção artesanal, é possível usar a criatividade e trabalhar com uma quantidade incontável de bolsas, estojos e nécessaires: estampas e formatos exclusivos, peças que, além de bonitas, tenham funcionalidade e/ou sejam produzidas especialmente para a pessoa.

Como fazer: Bolsa simples | Como fazer uma bolsa carteira

10. Patchwork

Colcha de casal patchwork por R$149,90 no Elo7

Colcha de casal patchwork por R$149,90 no Elo7

Patchwork é uma técnica muito utilizada no mundo do artesanato, que consiste, de forma resumida, em unir diferentes retalhos, compondo diversas misturas de colorações, formatos e design.

A técnica permite mil e uma possibilidades, como a criação de colchas, bolsas, lixeira para carro, jogo de cama e muito mais.

Como fazer: Patchwork Descomplicado | Como montar uma colcha de Patchwork

11. Pinturas

Pintura em tela por R$430 no Elo7

Pintura em tela por R$430 no Elo7

Gosta de pintar? Então você pode mostrar todo seu talento e sua criatividade através de pinturas em quadros dos mais variados tipos, panos de pratos, entre outras opções de produtos.

Como fazer: Pintura em tecido para iniciantes | Pintura em tela – quadro universo

12. Artigos para pets

Cama para cachorro por R$71 no Elo7

Cama para cachorro por R$71 no Elo7

Atualmente, os artigos para cachorros e gatos têm ganhado bastante destaque. De forma artesanal é possível criar muitos produtos bacanas: bandanas, gravatas, coleiras com detalhes (como strass, por exemplo), caminhas, coleiras personalizada para identificar o animal, roupinhas etc.

Como fazer: Caminha de cachorro | Como fazer coleira de cachorro

Onde e como vender

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Existem diferentes maneiras de se vender artesanato pela internet. Confira abaixo as principais sugestões:

Elo7

Este é o maior site de compra e venda de produtos artesanais e personalizados do Brasil. De acordo com informações do próprio site, são mais de 4 milhões de pessoas que o visitam todos os meses.

Para vender pelo Elo7 é preciso criar sua loja no site:

  1. Entre no site www.elo7.com.br e clique em “Quero vender”;
  2. Preencha todas as informações;
  3. Após se cadastrar você receberá um e-mail com informações importantes sobre o site;
  4. Volte para o site, preencha os dados de usuário e senha.
  5. Pela sua loja virtual, você poderá administrar pedidos, cadastrar produtos, saber sobre sua conta, personalizar sua loja, cadastrar clientes etc.
  6. A partir daí você poderá cadastrar seus produtos sempre que quiser, incluindo fotos, descrição do produto, opção de frete etc.
  7. Terá ainda a possibilidade de comprar a conta PRO, caso prefira, que oferece mais vantagens.

No vídeo abaixo você confere um guia básico de como abrir sua loja no Elo7:

Tanlup

O Tanlup também permite que você crie uma loja só sua, para divulgação de produtos que você faz (e também, customiza, garimpa ou revende). Para criar, é gratuito, mas, caso prefira, você pode adquirir um plano pago depois, que promete mais vantagens.

Acesse o site www.tanlup.com e clique em Criar Loja (parte superior da página) e esclareça todas as dúvidas.

Redes sociais

Atualmente, as redes sociais – como Facebook, Instagram etc. – são muito utilizadas para divulgar e vender produtos. Permitem que você divulgue seu trabalho para um número enorme de pessoas, independentemente do local onde moram.

O Facebook tem a opção de criação de Fan Page, pela qual você poderá interagir com seus seguidores, expor os seus itens e criar campanhas para alcançar pessoas com interesses comuns.

Saiba como criar a sua Fan Page neste link.

O Instagram e o Pinterest são redes sociais que utilizam as imagens para promoção dos produtos. Nelas você pode criar uma conta específica para a venda dos seus produtos, compartilhando fotos em boa qualidade, descrições e valores.

Após o contato com o cliente, você terá que definir uma forma de pagamento e envio do produto.

Uma forma bem conhecida é se cadastrar no PagSeguro, onde você pode receber pagamentos por cartão de crédito, boleto bancário e transferência online. É cobrado um percentual da compra que varia de acordo com o método de pagamento.

Há também a possibilidade do Bcash, que funciona praticamente da mesma maneira que o PagSeguro.

Quando o assunto é a entrega do produto, é fundamental cumprir prazos e enviar o item de forma segura, para que ele chegue em perfeito estado ao cliente. Os Correios são o meio mais utilizado para isso. Há um limite de 30kg por envio e de dimensões.

E-commerce próprio

Você pode criar seu próprio e-commerce para vender seus produtos na internet com toda praticidade. Um dos primeiros passos será definir a plataforma: gratuita, de código fonte aberto ou paga.

Mas há muito outros pontos a serem planejados. De forma resumida, pode-se dizer que toda loja virtual passará pelos seguintes processos: receber o pedido de venda que foi gerado na plataforma; verificar os pagamentos; separar as mercadorias; embalar as mercadorias; emitir as notas fiscais eletrônicas e etiquetas; despachar as mercadorias; fazer o acompanhamento da entrega do pedido, mantendo o cliente informado.

Nesta cartilha, disponível no site do Sebrae, é possível encontrar as informações necessárias para você abrir sua loja virtual e iniciar o seu comércio eletrônico.

Mercado Livre

O Mercado Livre é um site bastante conhecido e uma boa ferramenta para vender seus produtos. Você precisará se cadastrar, completar todas as informações sobre o produto que irá vender , inclusive o preço, e colocar boas fotos dele.

Não existe tarifa para anunciar, mas, para os tipos de anúncios Clássico e Premium, você pagará uma tarifa somente após concretizar a venda do produto. (Já para o anúncio Grátis não há nenhuma).

Para receber pela venda, você tem a possibilidade de usar o MercadoPago, plataforma oficial de pagamentos do Mercado Livre, através da qual o pagamento poderá ser parcelado com cartão de crédito ou à vista no boleto, e você poderá retirar o dinheiro para a sua conta bancária.

Você pode ainda receber por conta própria. Neste caso, o Mercado Livre alerta para algumas medidas de segurança antes de entregar o produto: conte todo o dinheiro e tenha certeza de que é verdadeiro; no caso de cheques, confirme se tem fundos; se for uma transferência, confirme com o banco se realmente foi creditado.

Na hora de entregar o produto, o Mercado Livre tem um convênio com os Correios para que você possa fazer envios a preços competitivos, com rastreamento e seguro no caso de algum problema. Você pode optar entre Frete grátis (você paga o envio e os seus compradores saberão que você oferece frete grátis) ou Frete por conta do comprador.

Se preferir entregar por conta própria, a orientação do site é se atentar a algumas dicas: sempre confirmar se o dinheiro está aprovado na sua conta antes de enviar o produto; enviar o produto em nome do comprador para ter certeza de que ele o receberá diretamente; sempre guardar o comprovante de entrega do envio ou da empresa de transporte na qual foi registrado o endereço e a data de envio.

7 dicas de um especialista para seu negócio de artesanato

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Quer empreender vendendo artesanato pela internet? A orientação de Marcel Spadoto, sócio diretor da Opportunity Consulting, é formalizar o negócio. “É importante a formalização, para evitar problemas com o fisco! Também, a formalização traz uma série de benefícios, tais como: aposentadoria, entre outros”, diz.

Para faturamento até R$ 60.000,00 por ano, destaca Spadoto, o MEI (Micro Empreendedor Individual) é a melhor alternativa, pois o custo é muito baixo. Para o MEI não é necessário ter contador. Acessando o portal do Governo é possível ter as informações necessárias.

“Para se vender é vital emitir Nota fiscal, e se a venda é pela internet e utilizando redes sociais, é mais importante ainda. Recomendo a formalização desde que se entenda que é um negócio, não mais um hobby!”, acrescenta Spadoto.

Neste contexto, Spadoto destaca alguns pontos de atenção para quem quer empreender com esse tipo de negócio:

  1. Formalização da empresa;
  2. Construção de um site bem amigável e bonito;
  3. Ter parcerias com empresas de meios de pagamentos, para ter a facilidade de venda e também segurança nas operações;
  4. Ter atenção com a logística, pois o produto deve ser entregue rápido e em excelente estado (muitas vezes ele pode ser muito frágil);
  5. Ter produtos mais padronizados, pois a grande diversidade pode ocasionar problemas de produção e demora;
  6. Ter parcerias que podem levar fluxo de pessoas para o seu site;
  7. Investir nas mídias sociais, principalmente no Facebook, para promover e vender.

Agora você já sabe que, com criatividade, força de vontade, organização e responsabilidade, é possível ter muito sucesso com a venda de artesanato pela internet. Bom trabalho!

Comentários
Dicas relacionadas