Como controlar a raiva: 12 dicas certeiras para lidar com esse sentimento

Escrito por
Atualizado em 14.04.21

iStock

Por
Atualizado em 14.04.21

Quem nunca sentiu raiva ou está mentindo ou não é humano. Inerente à existência humana, a raiva é uma emoção que todas as pessoas, em algum momento da vida, sentem. De acordo com a psicóloga Jaciara Michelle Gaspar (CRP 08/28341), ela pode indicar um desconforto causado por mudanças temporárias ou permanentes no ambiente.

Continua após o anúncio

“Muitas pessoas acreditam que sentir raiva é ‘ruim’, que não faz ‘bem’. Mas, quando falamos em emoções e sentimentos, não existe bom ou ruim, afinal todos são importantes, e o que precisamos aprender é gerenciar as nossas reações em cada situação.” Que tal aprender a lidar melhor com esse sentimento? Confira como controlar a raiva com as dicas da profissional:

1. Como controlar a raiva diante de frustrações

iStock

O autoconhecimento é uma ótima estratégia para lidar com o desconforto das frustrações, assim como a aceitação das situações que as causam. Mudar o que se estava fazendo e/ou de ambiente pode ajudar a diminuir a intensidade da raiva que está sentindo e a reagir de forma mais tranquila e assertiva.

2. Como controlar a raiva dentro de casa ou com a família

Quando ficamos muito tempo confinados em casa é importante proporcionar momentos prazerosos e descontraídos em família. Pode ser assistir a um filme de que todos gostem, investir em jogos que estimulem a interação, uma refeição diferente que todos possam ajudar a preparar e outras atividades criativas que agradem a todos e proporcionem um momento agradável e fora da rotina.

3. Como controlar a raiva em crianças

iStock

Assim como os adultos, as crianças precisam aprender a identificar o que estão sentindo e como se expressar. Estimular os pequenos a falarem sobre os seus sentimentos, emoções e sobre o que aconteceu pode diminuir as chances de se expressem batendo ou gritando. Validar a fala e os sentimentos das crianças é essencial para que aprendam a gerenciar a raiva!

4. Como controlar a raiva do(a) parceiro(a)

O diálogo entre os casais e o respeito pelo espaço individual é essencial para que momentos de conflito sejam resolvidos de maneira assertiva. Sinalizar ao parceiro(a) quando uma situação foi desagradável e expressar sentimentos em conversas empáticas pode facilitar a compreensão e a resolução dos momentos conflituosos. Ter momentos descontraídos e agradáveis para o casal é importante e também pode ajudar.

5. Como controlar a raiva dos amigos

iStock

Os amigos são muito importantes e, para que momentos de raiva não acabem com esses relacionamentos, é preciso praticar o diálogo e o respeito pelo espaço e características pessoais de cada um. Assim como na relação entre casais, vale sinalizar quando uma situação causa desconforto!

Continua após o anúncio

6. Como controlar a raiva no trabalho

Fazer uma (ou algumas) pausas durante a rotina de trabalho pode ajudar a equilibrar a tensão causada pela exigência de produtividade e outras situações comuns no ambiente laboral. Tomar um café/chá ou uma água, conversar com um colega sobre um assunto não relacionado ao trabalho, dividir a atenção e o foco por um momento podem aliviar as emoções quando estiverem à “flor da pele”.

Quando sair da mesa ou conversar não for possível, prestar atenção na sua respiração (inspirar e expirar) e no ambiente é também uma alternativa para tentar ficar mais tranquila.

7. Como controlar a raiva em jogos

iStock

Games são ótimos para incentivar a competitividade e ganhar é o que todos desejam, certo? Mas, assim como na vida real, no jogo, perder também faz parte! O importante é que o jogador aprenda que seu desempenho no jogo não o define e que pode tentar novamente caso não ganhe. Pausar o jogo por um tempo pode aliviar a raiva. Aproveite para fazer outra atividade ou para relaxar.

8. Como controlar a raiva na TPM

As reações emocionais desse período talvez sejam as mais delicadas de aprender a gerenciar, isso porque quem tem útero passa por alterações hormonais intensas durante esses dias. Por isso, aprenda a identificar os sinais do seu corpo, respeite os dias em que não acordar com disposição, programe um momento para relaxar, tomar um chá ou comer sua comida preferida. Lembre-se, também, de fazer um exercício físico que seja agradável para você e que aumente a frequência do seu autocuidado.

9. Como controlar a raiva diante de uma perda

iStock

Todas as perdas, sejam elas reconhecidas ou não socialmente, despertam emoções diversas e que podem ser desagradáveis. O luto é um processo de ressignificação, de adaptação e que precisa ser vivido. Não tente parar o que está sentindo, procure alguém com quem se sinta confortável em falar sobre o assunto! Respeite as suas oscilações de humor, evite comparações e procure ajuda quando sentir necessidade.

10. Como controlar a raiva quando a situação foge do seu controle

Algumas situações não estão sob nosso controle e lidar com isso pode ser desconfortável. Refletir sobre essas situações e sobre qual a importância dessa sensação de controle pode ajudar a gerenciar a raiva. Se sentir no controle pode proporcionar alivio, mas, se te fizer sentir emoções desagradáveis, é possível mudar e aprender a viver sem controlar tudo!

11. Como controlar a raiva devido à sobrecarga de estudos

iStock

O acúmulo de atividades e a exigência de um bom desempenho são frequentes na rotina de muitos de nós Quando se sentir assim, planeje fazer pausas durante as suas tarefas e direcione a sua atenção para a respiração e para o ambiente onde está. Evitar permanecer muitas horas seguidas estudando, mudar o foco para atividades que te façam relaxar e ter uma rotina de sono saudável pode ajudar a melhorar a sua concentração e a gerenciar suas emoções.

Continua após o anúncio

12. Como controlar a raiva com a excessiva exposição à tecnologia e redes sociais

Até mesmo o que gostamos de fazer pode nos deixar irritados e com raiva. As mudanças constantes das informações globais, a exposição nas redes sociais e o cancelamento virtual são práticas comuns atualmente e podem afetar negativamente nossa saúde mental. É importante reconhecer quando o excesso de informações e a exposição descontrolada às redes sociais precisam de moderação e autocontrole.

Calcule quanto tempo do seu dia você dedica às notícias e redes sociais, pratique o gerenciamento do seu tempo, mantenha contato pessoal com a família e amigos, dedique um tempo a outras atividades prazerosas e reflita quando as pessoas ao seu redor comentarem que você está passando tempo demais nas mídias digitais.

Para lidar com a raiva, é preciso aceitar o que está sentindo, identificar as situações e ambientes nos quais ela acontece e desenvolver habilidades para reagir. Se as emoções estão causando prejuízos à sua rotina, é importante procurar ajuda profissional. Que tal conferir também como controlar a ansiedade para ter uma vida mais leve?

Assuntos: Bem-Estar