20 receitas de cocada de dar água na boca

Doce típico brasileiro, possui provável origem africana e é presença constante em mesas por todo o país

Escrito por Ana Kordelos
Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

A deliciosa cocada, doce típico brasileiro, é um dos pratos favoritos na hora de adoçar o paladar. De procedência incerta, possui relatos de ter sua origem na África, onde à noite, após o trabalho pesado, os escravos se reuniam e faziam um doce a partir das raspas de coco e açúcar mascavo, cozinhando-o até o ponto de enrolar.

Presença constante também em época de festa junina, este fosse possui versatilidade e pode ser encontrado em versões variadas, seja com coco “branco“ ou queimado, com amendoim, castanha, abóbora ou gergelim, este doce conquista até os mais exigentes paladares.

Fonte de renda extra de muitas donas de casa, o doce foi adaptado com o tempo, introduzindo ingredientes queridos como o leite condensado e a manteiga, conferindo mais sabor ao prato. Antes vendida em tabuleiros pelas ruas, a cocada já adquiriu ares gourmet e pode ser encontrada inclusive em padarias, restaurantes e nos mais variados estabelecimento.

Se você deseja conhecer outras variações deste doce típico, confira abaixo sugestões de saborosas receitas e escolha a sua favorita:

Cocadas de corte

Foto: Reprodução / S.O.S. Vegan

Foto: Reprodução / S.O.S. Vegan

1. Cocada queimada: receita vegana, utiliza água ou leite vegetal como substituto do leite tradicional. De fácil preparo, a autora alerta para a atenção necessária em relação ao ponto da cocada, cuidando para que a mesma não se torne uma farinha.

2. Cocada de leite condensado: utilizando apenas três ingredientes, a autora reproduz esta deliciosa e bela receita. Aqui, o destaque fica por conta do uso do leite condensado, o qual garante doçura e permite o prato alcançar o ponto de corte ao ser cozido.

3. Cocada branca: nesta versão da tradicional cocada branca, a receita leva leite em adição a leite condensado, com o intuito de deixar o prato macio, porém ideal para ser cortado em tabuleiro.

4. Cocada rápida: aqui a receita é fácil e prática. Levando apenas quatro ingredientes, o leite de coco é o grande diferencial. Após cozinhar os ingredientes, deve-se espalhá-lo em uma assadeira untada e levar ao freezer para facilitar o corte.

Foto: Reprodução / Pitadinha

Foto: Reprodução / Pitadinha


5. Cocada diferente: utilizando apenas coco, leite e manteiga, a receita leva este nome devido a sua textura, Não é dura igual a cocada de tabuleiro, mas também não é mole o suficiente para ser saboreada com uma colher. O resultado? Um cremosidade e sabor sem igual.

6. Cocada de leite ninho: nesta versão inusitada, além do tradicional leite ser utilizado, a receita ainda leva uma lata do leite em pó, resultando em uma deliciosa cocada com ares de doce de leite ninho. Vale a pena experimentar!

7. Cocada de leite condensado e chocolate: aqui, além dos ingredientes comuns necessários para este receita, ainda há a adição de chocolate em pó, adicionando mais sabor ao doce. Ideal para os chocólatras de plantão.

8. Cocada fácil e light: se você se assusta com a quantidade de açúcar utilizado nas versões tradicionais desta receita, aqui está uma versão light, onde o prato é adocicado com mel e extrato de baunilha, além claro do coco, ingrediente naturalmente doce.

Cocadas cremosas

Foto: Reprodução / Aqui na Cozinha

Foto: Reprodução / Aqui na Cozinha

9. Cocada cremosa: uma das versões mais amadas deste prato, a cocada é mais cremosa, sem aqueles aspecto seco ou de farinha como algumas outras receitas. Fácil e prática, fica pronta em cerca de 20 minutos.

10. Cocada queimada cremosa: receita vegana, utiliza apenas coco ralado natural e açúcar mascavo. Após cozinhá-los no fogo, deixe esfriar em um prato e aproveita o delicioso doce cremoso por dentro e com uma “casquinha’ por fora.

11. Cocada cremosa gratinada: receita com ares gourmet, é ideal para ser servida junto à um vinho tinto. Ela é levada ao forno, o que garante uma camada cremosa na parte inferior e uma camada de coco crocante por cima.

12. Cocada mole com chocolate: ótima opção para ser servida em festas juninas, esta receita pode ser servida em colheres, deixando a apresentação ainda mais divertida. Para deixá-la ainda mais saborosa, chocolate amargo derretido faz a diferença.

13. Cocada cremosa de maracujá: combinação deliciosa, utilizar maracujá na cocada pode agradar – e muito quem a prova. Para adicionar este ingrediente, basta bater e coar duas polpas de maracujá. Fácil e natural

Foto: Reprodução / Gastrolândia

Foto: Reprodução / Gastrolândia

14. Cocada com cravo: ao adicionar cravo na cocada, esta ganha ares invernal e se ganha sabor típico de festas juninas. O cravo ainda é rio em vitamina C e auxilia na prevenção das gripes e resfriados, comuns nesta época mais fria.

15. Cocada de ovo: esta cocada utiliza o ovo como ingrediente inusitado, mas não menos saboroso. Usando somente suas gemas, o prato vaia o forno e possui uma cremosidade sem igual.

16. Cocada branca de colher: apesar de muito comparada ao beijinho, o diferencial da cocada nesta receita é a utilização de leite e açúcar, enquanto a receita de beijinho só leva leite condensado. Extremamente rápida, é ideal para aqueles momentos em que bate a vontade de comer um doce.

17. Cocada de panela: outra versão que utiliza gemas, esta é executada toda na panela. Ao atingir o ponto, basta desligar o fogo e servir. A autora ainda sugere utilizar a cocada para receber bolos e tortas, ou ainda ser servida com sorvete.

Foto: Reprodução / Mel e Pimenta

Foto: Reprodução / Mel e Pimenta

18. Cocada de forno: aqui as gemas são o ingrediente principal e em maior número Estas devem ser batidas na batedeira até dobrar de volume. Serão elas que garantiram a cremosidade no momento que o prato seja levado ao forno.

19. Pudim de cocada: outra apresentação digna de pâtisserie, este pudim de cocada leva alguns dos ingrediente tradicionais deste prato: essência de baunilha, coco ralado, água, leite condensado e gemas. O destaque está na montagem do prato, no qual é utilizado lascas de coco ralado em formato de flor.

20. Cocada funcional de maracujá e chia: nesta receita, o maracujá adiciona sabor à cocada e juntamente com a chia, deia o prato ainda mais nutritivo e funcional. A chia é um ingrediente rico em ômega-3, cálcio, ferro e fibras, além de ser uma grande aliada à dieta.

Opção ideal para matar a vontade de comer doce, a cocada figura como guloseima popular nos lares brasileiros. Seja na sua versão de corte, mais durinha, ou para saboreá-la na colher, com toda a sua cremosidade, a cocada com certeza vai agradar a quem se dispuser a prová-la. Aposte!

Para você