7 benefícios do HIIT que vão te convencer a começar essa atividade

O treinamento intervalado de alta intensidade queima muitas calorias, combate o envelhecimento e faz bem à saúde

Escrito por Mariana Bueno

Foto: iStock

Praticar atividades físicas faz bem ao corpo e à saúde. Por isso cada pessoa, à sua maneira e dentro dos seus limites, deve se exercitar. Mas nem sempre é possível, especialmente pela falta de tempo, o que faz com que muitos acabem no sedentarismo.

Uma modalidade que pode ser interessante para quem tem uma vida mais corrida e ocupada é o sistema HIIT (sigla em inglês para o “Treinamento intervalado de alta intensidade”), que oferece muitos benefícios em pouco tempo de prática.

Como o próprio nome sugere, o HIIT se caracteriza por exercícios de alta intensidade praticados em períodos bem curtos, intercalados por momentos de repouso e recuperação. As sequências são repetidas por cerca de 20 a 30 minutos.

Além de ser útil para quem tem pouco tempo para se exercitar, os treinos HIIT são uma das melhores formas de atividade cardiovascular. Conheça os demais benefícios deste tipo de treino:

1. Queima gordura mesmo quando você para de treinar

Foto: iStock

Isto acontece devido ao excesso de consumo de oxigênio pós-exercício, que, no caso do HIIT, faz a queima ser até nove vezes mais rápida. A forma como essa prática aumenta o metabolismo faz queimar até 50% mais de gordura do que um treino cardio regular, mesmo que os exercícios sejam feitos por longos períodos de tempo.

Leia também: Treino HIIT combina aeróbicos curtos e intensos para emagrecimento

2. Desenvolve mais músculos e mantém a massa muscular melhor

Foto: iStock

Ao mesmo tempo que estimulam a queima e o uso de gorduras e calorias, os exercícios HIIT também produzem hormônios de construção muscular, ajudando a desenvolver massa magra. Esses exercícios são melhores para isso do que os regulares, pois exercícios prolongados podem acabar “queimando músculo” para ser usado pelo corpo como combustível.

3. Melhora a circulações do sangue e sintomas de diabetes tipo 2

Foto: iStock

Estudos demonstraram que treinamentos intensos com intervalos, como o HIIT, ajudam o fluxo sanguíneo e a dilatação dos vasos sanguíneos. Os efeitos foram ainda melhores com pessoas que sofrem com diabetes tipo 2. Os pesquisadores perceberam que os que fazem treinos HIIT têm melhores níveis de glicose que os sedentários e também que os que fazem outros tipos de exercícios.

4. Fortalece a atividade cardiovascular e aumentar a resistência

Foto: iStock

Ao trabalhar a frequência cardíaca e o consumo de oxigênio durante os treinos HIIT, ocorre um fortalecimento do coração e uma melhoria da atividade cardiovascular e da ingestão de oxigênio. Isso aumenta a resistência geral e a capacidade de treino, fazendo com que, ao longo do tempo, seja necessário menos tempo de recuperação.

5. Previne o envelhecimento e fará você viver mais tempo

Foto: iStock

Pesquisas recentes sugeriram que os exercícios HIIT podem reverter sinais de envelhecimento celular, o que acontece através da melhoria na produção e síntese de proteínas que, por sua vez, também ajudam a combater sinais de envelhecimento.

6. Melhora as tensões do Parkinson

Foto: iStock

Estudos da Universidade do Alabama mostraram que o HIIT pode melhorar as funções motoras, a qualidade de vida e o humor dos portadores de Parkinson. Isso ainda precisa ser pesquisado de forma mais profunda, mas já foi possível notar melhorias no controle, equilíbrio e sensação de bem-estar dos pacientes, em comparação com pacientes de idade similar que não realizaram treinamento de alta intensidade.

Leia também: 12 dicas para se manter motivada na academia

7. Expande seus limites

Foto: iStock

Cada vez que você se exercita com um treino HIIT, você está aumentando seu limite físico, mesmo que por apenas alguns momentos. Por causa disso, seus exercícios nunca ficam cansativos ou chatos e, sem perceber, irá aumentar sua resistência e melhorar sua saúde em pouco tempo.

O mais importante antes de começar a praticar é consultar um médico, especialmente se você nunca fez nenhum treinamento de alta intensidade antes. Se estiver liberado, busque um personal para te orientar, pois alguns exercícios são complicados e não devem ser feitos sem acompanhamento profissional.

Assuntos: Bem-Estar

Para você