10 inimigos da coluna saudável

Saiba quais dos seus hábitos diários podem te render dores nas costas

Escrito por Carolina Werneck

Foto: Thinkstock

A coluna vertebral é o que sustenta o corpo humano. Toda essa responsabilidade demanda um grande esforço desse conjunto de ossos, localizado na região das costas. Embora causas genéticas sejam frequentemente relacionadas às dores nas costas, especialistas afirmam que a maioria delas poderia ser evitada com uma simples mudança de hábitos nocivos.

Descubra abaixo quais são os principais vilões de uma coluna saudável.

1 – Mochila

Mal necessário, o acessório é a principal causa de dores nas costas em crianças e adolescentes. Tiras de sustentação inadequadas ou frouxas e peso em excesso podem ocasionar lesões graves, como estiramentos, além de prejudicar a postura, a longo prazo. O peso não pode ultrapassar 10% do peso da criança e as tiras devem manter a mochila bem junto ao corpo.

2 – Sapato

Quando se fala em dores nas costas, os primeiros condenados são os saltos altos mas, de acordo com especialistas, os saltos baixos demais também são inadequados. O calçado ideal tem salto médio e mantém o pé bem firme dentro dele.

3 – Genética

Nos casos de hérnia de disco e degeneração da coluna, cerca de 70% das incidências possuem causas genéticas.

4 – Obesidade

De acordo com especialistas, dois quilos a mais no peso corporal significam 50% maior chance de desenvolver problemas relacionados à coluna.

5 – Sedentarismo

Praticar exercícios físicos, além de necessário para o bom andamento das funções do organismo, também é importante para manter a coluna saudável. Práticas como o alongamento, por exemplo, são uma boa forma de manter o problema afastado, principalmente para quem trabalha muitas horas sentado.

6 – Idade

Com o passar dos anos a superfície das articulações pode se desgastar, ocasionando o que se conhece por artrose. Essa doença dificulta a movimentação do tronco e causa fortes dores n região da coluna.

7 – Comprimento desigual das pernas

É muito raro encontrar pessoas que sejam completamente simétricas. No entanto, algumas possuem diferenças maiores que outras entre os dois lados do corpo. De acordo com especialistas, uma pessoa com mais de 30 milímetros de diferença na altura das pernas é bastante propensa a desenvolver dores nas costas, já que o corpo se inclina automaticamente para um dos lados, na tentativa de compensar a diferença.

Para corrigir o problema é necessário o uso de palmilhas especiais. Antes de usá-las, consulte um ortopedista.

8 – Exercício mal feito

Assim como o sedentarismo, a atividade física praticada de maneira incorreta também pode ocasionar dores. Por isso, antes de iniciar um exercício, procure sempre a orientação de um profissional.

9 – Gravidez

Além da influência óbvia do peso da barriga durante o período gestacional, as dores nas costas de que se queixam as grávidas podem ter causas hormonais. Invista em exercícios físicos para combater o desconforto.

10 – Estresse

Comum à maioria dos seres humanos atualmente, o estresse tenciona os músculos do corpo, o que acaba comprimindo os discos da coluna. A dor pode ser evitada através de alongamentos e sessões de relaxamento para aliviar o estresse.

Procure corrigir a postura sempre que se lembrar, durante o dia. Esse hábito ajuda a aliviar a pressão em cima das articulações. Em caso de dores recorrentes, procure um médico. Ele vai saber qual a melhor atitude a tomar para que você se veja livre do incômodo das dores na coluna.

Dicas pela Web