Pholia Negra e Pholia Magra: as novas cápsulas emagrecedoras

Segundo estudos, elas ajudam a eliminar peso e diminuem a gordura da barriga

Por Gisele Macedo Sá
Atualizado em 29/10/2013 15:04

pholia negra e pholia magra Pholia Negra e Pholia Magra: as novas cápsulas emagrecedoras

Quando o assunto é emagrecer é sempre bom contar com uma ajuda. Segundo a nutricionista funcional Hellen Fernandes, consultora da Galgani Farmácia de Manipulação (BH) as cápsulas fitoterápicas de Pholia Negra e Pholia Magra ajudam a eliminar aqueles quilos a mais que insistem em aparecer na balança.

A especialista explica que a Pholia Negra é feita do extrato concentrado da planta indígena Ilex P. “Ela age no organismo com o retardo do esvaziamento gástrico. O que aumenta a plenitude gástrica”, conta. Ou seja, o uso do auxiliar natural faz com que a comida leve mais tempo para ser digerida, aumentando a sensação de saciedade no nosso organismo.

Segundo a especialista, a substância também diminui a formação da gordura visceral, aquela que se acumula no abdômen (nas vísceras como pâncreas, intestino e fígado) e que é considerada a grande vilã nos casos de doenças cardiovasculares.

A eficácia da Pholia Negra foi comprovada por um estudo feito pelo Departamento de Patologia da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Universidade de São Paulo (USP). O resultado mostrou que a substância pode reduzir o sobrepeso em mais de 10% e a manutenção do peso chega a durar 12 meses.

Já a Pholia Magra é uma erva brasileira, conhecida como Ecalyculata vell. “Sua ação tem atividade inibidora do apetite e contribui para uma maior queima de gorduras localizadas, principalmente do abdômen”, explica a nutricionista. A substância também é considerada diurética e conhecida como ‘seca barriga’.

“O uso da Pholia Magra pode evitar o depósito de gorduras na parede das artérias coronárias, o que diminui os riscos de problemas cardíacos relacionados com o sobrepeso”, completa.

As duas substâncias são administradas em cápsulas e podem ser utilizadas ao mesmo tempo. A especialista recomenda que o paciente use de 50 a 250mg por dia da Pholia Negra. Já a indicação para o uso da Pholia Magra varia entre 150 e 300 mg diariamente.

“O tratamento deve ser realizado por 30 dias. Depois, é feita uma pausa de 30 a 60 dias, e aí ele pode ser retomado”, explica. Indica-se também que antes de iniciar o uso dos fitoterápicos a pessoa receba orientação de um profissional médico ou nutricionista, para evitar contra indicações ou alergias.

As cápsulas são encontradas em farmácias de manipulação e custam em média R$ 75,00 (30 cápsulas de Pholia Negra) e R$ 35,00 (30 cápsulas de Pholia Magra). Porém, um alerta. Para que o auxiliar natural seja eficaz, o paciente deve manter uma dieta equilibrada e praticar atividades físicas.