Moda e Beleza

Dermatologista esclarece as principais dúvidas sobre cravos no rosto

Canva

Atualizado em 19.10.23

Que atire a primeira pedra quem nunca se pegou olhando para o espelho e com os dedos prontos para espremer aquele cravinho chato no rosto! Incômodas, essas “marquinhas” na pele vão muito além de uma questão estética e envolvem acima de tudo a saúde. A seguir, você confere a explicação de uma especialista e dicas para cuidar e evitar esses inimigos da skincare.

O que são os cravos no rosto?

De acordo com a médica dermatologista Priscila Pavezzi (CRM29231/RQE 21814), os cravos ou comedões são lesões que caracterizam a acne não inflamatória. “O aumento da proliferação de ceratinócitos (células da camada superficial da pele) e a diminuição da descamação da pele formam pequenas bolinhas cheias de sebo e queratina”, explica.

Também segundo a especialista, essas bolinhas acabam funcionando como uma “rolha” e obstruem a saída das glândulas sebáceas, os poros. Quando os poros estão dilatados e essa “rolha” de queratina e sebo entra em contato com o ar ocorre oxidação dessas substâncias que somado a outras impurezas como a poluição, resto de maquiagem dão a aparência preta ao cravo – comedão aberto.

Cravos brancos x cravos pretos

Não importa a cor, os cravos são algo que costumam incomodar as pessoas, que fazem de tudo para se livrar dessas bolinhas. Mas você sabe a diferença entre cravos brancos e cravos pretos? Não? Então, confira a explicação dada pela doutora:

  • Cravos pretos: quando os polos estão dilatados e a “rolha” de queratina entra em contato com o ar ocorre a oxidação dessas substâncias. Somando a isso, outras impurezas, como poluição, resto de maquiagem e entre outras dão a aparência preta ao cravo.
  • Cravos brancos: já esse tipo de cravo ocorre quando a pele cobre a saída da glândula sebácea, formando os comedões fechados, ou popularmente conhecidos como cravos brancos.

Difícil encontrar quem esteja livre dos indesejados cravos, não é mesmo? A dica é sempre observar o tipo que mais aparece na sua pele e consultar um especialista para que você possa fazer o tratamento adequado e correto!

Publicidade

O que provoca cravos no rosto?

Segundo a dermatologista, o que provoca os cravos no rosto é a “hiperqueratinização da pele – aumento da proliferação dos ceratinócitos mais diminuição da descamação – com subsequente obstrução do folículo associado ao excesso de produção de sebo”.

Outros fatores de proliferações dos cravinhos são: higiene incorreta da pele; uso de determinados cosméticos e certos medicamentos; doenças associadas ao aumento dos hormônios androgênicos e até mesmo o uso de tiaras pode contribuir!

Como evitar cravos no rosto?

Envato

A prevenção é sempre o melhor caminho! Alguns cuidados diários ajudam bastante a evitar os cravos no rosto, como por exemplo lavar bem a pele e usar com cosméticos adequados ao seu tipo de pele. Já outros tratamentos, com peelings podem ser feitos sempre que necessários com a consulta de um especialista de confiança e certificado. Confira as dicas dadas por Priscila Pavezzi para evitar os cravinhos!

  • Higienizar a pele com gel de limpeza adequado e suave;
  • Uso de cosméticos tópicos que ajudem no controle da oleosidade;
  • Medicamentos tópicos de uso domiciliar que melhorem a hiperproliferação celular e a descamação da pele, como os ácidos retinóicos;
  • Uso de protetor solar com ação antioleosidade;
  • Remover maquiagem adequadamente especialmente antes de dormir;
  • Evitar cosméticos que piorem a obstrução folicular;
  • Tratamentos com peelings superficiais ou laser esporadicamente.

Em resumo, a principal dica é manter uma rotina diária de cuidados com o rosto e sempre com produtos que sejam adequados para o seu tipo de pele!

Como remover os cravos do rosto?

Se você segue todas as dicas anteriores e ainda assim, os cravos insistem em aparecer, então está na hora de marcar uma consulta com um especialista para saber o melhor procedimento para remover esses comedões. Você pode optar por uma limpeza de pele com bons produtos e nunca (jamais!) espremer em casa, ok?

Publicidade

Limpeza de pele

De acordo com Priscila, os cravos podem ser extraídos manualmente ou com o auxílio de instrumentos apropriados, através da limpeza de pele com profissional capacitado. “Nesse procedimento utiliza-se um vapor aquecido e substâncias emolientes que favorecem a abertura momentânea dos poros e extração menos agressiva dos comedões. Após, outros produtos são aplicados para minimizar a vermelhidão e hidratar adequadamente a pele”, enfatiza.

Pode espremer cravos no rosto?

Não! A dermatologista explica que fazer isso em casa pode levar à inflamação e infecção e evoluir com manchas hipercrômicas e até mesmo cicatrizes. “Além disso, é importante diferenciar os comedões das lesões inflamatórias de acne, que não devem ser manipuladas”, afirma

Ainda de acordo com a profissional, se os comedões não forem extraídos, a obstrução que causam na saída da glândula sebácea pode levar ao acúmulo de secreção e inflamação das glândulas, “formando as pápulas avermelhadas e pústulas da acne inflamatória”.

Ou seja, em hipótese alguma esprema em casa. A tentação pode ser grande, mas acredite, as consequências podem ser muito piores do que você imagina!

Mitos e verdades sobre cravos no rosto

Canva

Quando se trata de saúde, muitas verdades e mitos permeiam os assuntos. Claro que os cravos não fogem da regra. Você provavelmente já ouviu falar que eles são bichinhos, certo? Mas não são! Esse e outros mitos foram esclarecidos pela doutora, confira:

É verdade que o cravo é um “bicho”?

Mito: mas algumas bactérias podem se aproveitar da situação e inflamar os cravos, como o Propionibacterium acnes.

Publicidade

Lavar o rosto muitas vezes evita cravos?

Mito: a higiene do rosto é importante para controle da oleosidade, mas isoladamente não evita cravos. Da mesma maneira que lavar o rosto muitas vezes também não vai ocasionar “rebote” e piorar a oleosidade.

Cravo só aparece em pele oleosa?

Mito: a oleosidade contribui para o surgimento dos cravos e espinhas, mas mesmo a pele seca pode apresentar cravos.

Comer chocolate aumenta os cravos?

Verdade: não só o chocolate em excesso, mas todos os alimentos com alto índice glicêmico podem contribuir para a acne comedogênica.

O uso de adesivos removedores de cravo resolve o problema?

Mito: na maioria das vezes os adesivos não conseguem remover os comedões, especialmente os fechados.

As fakenews sempre existiram, então é bom estar sempre bem-informado e procurar a palavra e a explicação de especialistas de confiança da área. Afinal, saúde é algo muito importante!

Com cuidados específicos, você consegue diminuir a presença de cravos na pele, mas lembre-se sempre de consultar um profissional da área, hein. E se você que mais conteúdo com informações e dicas sobre o assunto, aproveite para conferir como tirar cravos do nariz.

Jornalista e redatora. Amante de gatos, livros, moda e receitinhas.