Bem-estar

Sexo cachorrinho: 4 variações e dicas para explorar a posição

Dicas de Mulher

Atualizado em 28.05.24
push pixel

O sexo cachorrinho é uma posição sexual também conhecida por outros nomes como, doggy style e “de quatro”. Além de propiciar uma penetração mais profunda, ela cria uma relação de dominação e submissão entre os envolvidos, o que a torna uma das queridinhas por muita gente.

Mas, apesar de ser tradicional e conhecida, o que nem todo mundo sabe é que a posição possui algumas variações que ajudam a esquentar o clima e elevar o prazer. Confira abaixo, diferentes formas de praticar o sexo cachorrinho e dicas de como torná-lo mais quente.

Variações do sexo cachorrinho

Tradicionalmente a posição cachorrinho consiste em uma das parcerias ficar de quatro, enquanto a outra pessoa fica por trás, penetrando a vagina ou anus. Porém, se você quer fugir da mesmice, teste as variações abaixo:

Rosto na cama

Nessa versão, a pessoa que está sendo penetrada encosta o rosto na cama e joga os braços para frente o que, consequentemente, tornará o tronco mais inclinado e o bumbum mais empinado. Esta angulação permite uma penetração mais profunda, maior sensação de submissão para a pessoa de quatro e prazer visual para quem está penetrando.

Publicidade

Um dos parceiros em pé

Aqui a parceria que está na função de penetração fica em pé, garantindo melhor apoio e, consequentemente mais firmeza para realizar movimentos rápidos e penetração mais profunda. Portanto a dica é explorar as beiradas da cama e das demais superfícies de apoio.

Cachorrinho em pé

Essa aqui possui dois níveis de dificuldade. Para as pessoas mais flexíveis, a dica é ficar em pé com as pernas esticadas e o tronco inclinado para frente, apoiando as duas mãos no chão. Por trás, também em pé, a pessoa que irá penetrar fica encarregada dos movimentos. Se você preferir experimentar o nível fácil da variação, a dica é encontrar uma superfície um pouco mais alta para apoiar o antebraço e diminuir a inclinação do tronco.

Cachorrinho preguiçoso

Aqui, a parceria que é penetrada deita-se na cama, de bruços e com algum travesseiro abaixo da barriga. Enquanto isso, a outra pessoa fica por trás, entre as pernas da parceria que está deitada, realizando a penetração. Essa variação pode ser muito prazerosa para mulheres, visto que a posição proporciona maior contato com o corpo da parceria e, ainda, contribui para que ocorra um estímulo do clitóris que fica em contacto com a superfície de apoio.

Para quem prefere uma penetração menos profunda, a dica é manter as pernas um pouco mais fechadas. Se ainda assim achar que há um desconforto, a melhor opção é mudar de posição.

4 dicas para um sexo cachorrinho quente

Agora que você já sabe do que se trata essa posição, vamos às dicas de como apimentá-la, garantindo mais prazer.

  1. Preliminares: antes de ir colocando a posição cachorrinho em prática, é preciso mandar ver nas preliminares. Aquele beijo na boca que desce pelo corpo, uma pegada mais firme, a respiração ofegante no ouvido da parceria ou aquele ousado dirty talk. Todas essas são opções de como elevar o tesão entre quatro paredes. Afinal, quanto mais excitados vocês estiverem, mais gostoso será o momento da penetração.
  2. Estímulos externos: não adianta ficar num eterno põe e tira sem utilizar outros estímulos que dão prazer. Se você é a pessoa que está penetrando, use as mãos para estimular outras zonas erógenas do corpo da sua parceria ou, ainda, para dar aqueles tapinhas safados e puxões de cabelo (lembre-se de sempre se certificar de que a outra pessoa está confortável com a situação). Caso você esteja utilizando as mãos para apoio, explore o prazer sonoro e mande ver nos gemidos.
  3. Inclua brinquedos: essa dica é para apimentar qualquer posição. Seja utilizando os sex toys mais convencionais, como venda e algema, ou recorrendo aos plugs e vibradores, não deixe de explorar esses apetrechos de prazer. Eles podem tirar qualquer relação da rotina.
  4. Se entregue: em toda relação o que contribui para que o clima seja mais prazeroso é que as pessoas envolvidas se entreguem. Entenda os seus limites e observe quais são os da sua parceria. Não se prenda a julgamentos e medos.

Na hora da intimidade vale tudo para fugir da rotina, Inclusive, apostar nas suas fantasias sexuais. Seguindo as dicas acima, você transformará uma prática comum em algo que trará ainda mais prazer e tesão à relação. Não deixe de descobrir o que te da prazer.

Publicidade