Transforme sua salada em uma refeição completa

Com os ingredientes corretos você pode ter um prato altamente nutritivo e saudável

Escrito por Gisele Macedo Sá

Quando o assunto é alimentação saudável ou dieta, a primeira coisa em que pensamos é nas saladas. Elas são aliadas ideias para diminuir o peso e ganhar saúde. A base de toda salada são as verduras, porém se você adicionar outros ingredientes pode conseguir uma refeição completa e nutritiva.

A nutricionista Juliana Menezes explica que uma refeição completa deve ter alimentos fontes de todos os grupos alimentares. “São necessários incluir nas saladas os carboidratos, as proteínas, gorduras, vitaminas, minerais e fibras.”

Por exemplo, uma salada de alface, rúcula, cenoura ralada, pedacinhos de batata, frango desfiado e ervilha, temperada com azeite de oliva extra virgem, contém todos os grupos alimentares.

As fibras, vitaminas e minerais ficam por conta da alface, rúcula, cenoura e ervilha. Já o carboidrato é a batata. E o frango, a proteína. A gordura fica por conta do azeite de oliva.

Essa combinação é perfeita para que a salada se torne uma refeição completa. Então o ideal é sempre manter o grupo alimentar, mas não repetir os alimentos, para que a refeição não se torne monótona e logo a pessoa fique enjoada dela. A nutricionista ainda sugere que “o prato deve ser colorido, para garantir mais nutrientes nesta refeição.”

Os vilões das saladas

Muitas vezes alguns ingredientes adicionados às saladas podem transformá-la em um prato mais calórico do que o comum. Para o molho, prefira o azeite extra virgem ou os molhos à base de frutas ou iogurtes. Molhos prontos, ou à base de creme de leite e maionese devem ser evitados, pois contém alto teor calórico.

Já quando for escolher a proteína para a salada, prefira os alimentos menos gordurosos como o frango desfiado, peito de peru, ovos cozidos ou o queijo branco.

Para os carboidratos, se escolher utilizar pães ou massas, prefira as opções integrais, assim demoram mais tempo para serem processados, o que aumenta a sensação de saciedade no nosso organismo.

Para dar mais sabor ao prato, utilize temperos naturais. “A salsinha, o orégano, coentro, a hortelã, cebola ou o manjericão são ótimas opções para acompanhar as saladas”, explica a nutricionista. Tome cuidado com a quantidade de sal, que pode aumentar a pressão arterial.

A nutricionista explica que qualquer alimentação não equilibrada pode fazer mal à saúde. “A falta de algum grupo alimentar pode deixar o organismo carente de nutrientes. O que muitas vezes leva a pessoa a ficar indisposta e sem energia”, finaliza a nutricionista Juliana Menezes.

Assuntos: Alimentação

Dicas pela Web
Comentários