Meditação: quais os benefícios e como começar a praticar

Escrito por Roberta Reis

Foto: iStock

Esvaziar a mente. Estar presente. Cessar os pensamentos. Estas são algumas das definições de meditação, prática que tem origem nas culturas asiáticas e se difunde cada vez mais no mundo inteiro.

Se na teoria a palavra meditar pode ganhar diversos significados, na prática o objetivo é sempre o mesmo: encontrar o equilíbrio mental.

Saiba mais sobre a prática da meditação e como você pode incluí-la na sua rotina!

Principais benefícios da meditação

Foto: iStock

Se você ainda não se convenceu a dar uma chance para a meditação, confira os benefícios que a prática pode trazer:

  • Redução dos níveis de estresse;
  • Aumento da capacidade de concentração;
  • Melhora na memorização;
  • Estimula a criatividade;
  • Melhora no sono;
  • Melhora do sistema cardiovascular.

Estes são apenas alguns dos benefícios da meditação. Ela ainda ajuda na disposição física e emocional, autoconhecimento e muito mais, dependendo do quanto você praticar e do que você está buscando.

Leia também: Mindfulness: conheça os benefícios da técnica que alivia a ansiedade

Como meditar?

Foto: iStock

Veja algumas dicas para começar a praticar meditação hoje mesmo!

1. Escolha um lugar tranquilo

Um local sem distrações, onde você se sinta a vontade e que ninguém interrompa é essencial, pelo menos no começo. Depois que pegar o jeito, você poderá meditar em qualquer lugar, até mesmo no trabalho ou numa sala de espera.

2. Defina uma posição confortável

A posição ideal é sentada no chão, com as pernas cruzadas e a coluna ereta, mas se estiver desconfortável, você pode usar uma almofada ou escorar as costas na parede. Apoie as mãos sobre os joelhos e, se sentir bem com isso, feche os olhos. Lembre-se que o importante é estar confortável para que consiga se concentrar.

3. Use um som para ajudar

No início, é normal se distrair com qualquer barulho. Para ajudar na concentração, escolha um mantra ou som ambiente, como de chuva ou da natureza.

4. Observe sua respiração

Essa é a parte mais importante. Apesar de existirem técnicas para meditar, a essência da prática é prestar atenção em cada parte do processo respiratório.

Leia também: 13 coisas que você pode fazer para se tornar uma pessoa mais consciente

Lembrando sempre que a meditação é um momento relaxante, então não se apegue demais às regras. Cada um descobre aos poucos como prefere meditar.

Tipos de meditação

Foto: iStock

Por ainda estar se popularizando no Brasil, muitas pessoas pensam que não sabem meditar ou dizem “meditação não é pra mim”, mas existem diversas técnicas fáceis que, com apenas alguns minutos do seu dia, te trarão resultados incríveis. Conheça quais são os tipos de meditação mais comuns e escolha o que mais tem a ver com você:

  • Mindfulness: a palavra que significa “atenção plena” dá nome à técnica de meditação que consiste em prestar atenção no que está acontecendo. Tire um tempo e preste atenção na sua respiração, cada etapa dela, depois passe para os sons, lembre como é o ambiente onde está e assim por diante.
  • Respiração em quatro tempos: esta técnica é muito simples e facilita a concentração, já que você precisa focar em dividir a respiração em quatro tempos. Conte até quatro enquanto inspira, depois retenha o ar por quatro segundos. Expire em outros quatro e retenha os pulmões sem ar por mais quatro segundos. Continue assim até terminar o tempo que você separou para a meditação.
  • Zazen: de origem budista, a técnica Zazen consiste focar a respiração no abdômen e “se livrar” dos pensamentos. Cada vez que um vier, você toma conhecimento dele e o deixa passar.

Estas são só algumas técnicas, mas existe uma infinidade de opções. Com uma rápida pesquisa, você encontra alguma em que se encaixe.

10 apps para ajudar na sua meditação

Foto: iStock

Apesar da meditação ser muito antiga, hoje em dia podemos contar com a tecnologia para tornar mais fácil a prática no nosso dia a dia. São diversos os apps voltados para a prática da meditação, que ajudam quem está começando e até os praticantes avançados. Confira algumas opções:

  1. Medite-se: o app 100% brasileiro traz meditações narradas pelo terapeuta Tadashi Kadomoto com o intuito de desmistificar a prática. É possível baixar áudios para ouvir offline. Disponível para Android e iOS.
  2. Medita!: outra opção de app gratuito e em português, o Medita! Tem 65 meditações guiadas dividida em oito temas. Grátis para Android e iOS.
  3. 5 minutos: com esse app, não ter tempo não é desculpa. Criado pela ONG Mãos sem fronteiras, a proposta é tirar 5 minutinhos para relaxar em meio à correria. Disponível para Android e iOS.
  4. Lojong: ótimo para quem quer aprender e evoluir as técnicas de meditação de forma leve e divertida. Disponível para Android e iOS.
  5. Headspace: com um apelo visual divertido, o Headspace traz meditações guiadas que vão evoluindo. As dez primeiras são gratuitas e depois o conteúdo passa a ser pago. Disponível em inglês para Android e iOS.
  6. Zen: aplicativo todo em português com mantras, reflexões, sons da natureza e meditações guiadas. Parte do conteúdo é gratuito, mas a versão completa é paga. Disponível para Android e iOS.
  7. Trixie: conta com meditações guiadas, criadas por especialistas em mindfulness. Conta com inteligência virtual para encontrar as melhores opções para você. Disponível para Android e iOS.
  8. Insight Timer: este app funciona como uma rede social de meditação. Existem diversos tipos de meditações guiadas, para tempos diferentes e, ao final, você pode ver quantas pessoas estavam meditando ao mesmo tempo em que você. Disponível gratuitamente para Android e iOS.
  9. Calm: o app é em inglês e conta com meditações avulsas que podem te ajudar em momentos específicos, como naquelas horas mais tensas. Disponível para Android e iOS.
  10. Vivo meditação: o app da operadora Vivo oferece um período de degustação e depois você passa a pagar mensalidade. Ótimo para quem quer aprender. Está disponível para iOS e Android.

Com a correria do dia a dia, tirar um tempinho para meditar é essencial para a saúde física e mental. Inclua a meditação na sua rotina e viva os benefícios.

Leia também: 15 pequenos hábitos que podem fazer uma grande diferença na sua vida

Assuntos: Bem-Estar

Para você