6 pensamentos ultrapassados sobre homens e mulheres

Os paradigmas históricos que separavam homens e mulheres estão cada vez menos rígidos - e ambos os gêneros podem, hoje, chutar para longe alguns deles

Escrito por Carolina Werneck

Foto: Thinkstock

A linha que divide homens de mulheres está cada vez mais tênue. Após as inúmeras conquistas do movimento feminista, as mulheres podem sentir-se como parte ativa da sociedade, com livre – ou quase livre – participação nos mais diversos âmbitos, sejam acadêmicos, profissionais, políticos ou até mesmo econômicos. Embora ainda haja muitos tabus a serem quebrados, já é possível afirmar que homens e mulheres estão cada vez mais parecidos.

E isso não se aplica somente às questões oficiais; o fato é que ambos os sexos hoje já possuem “permissão” social para cruzar determinadas fronteiras e quebrar determinados paradigmas que, historicamente, costumavam reger as relações entre eles. Por isso, confira abaixo seis mitos sobre homens e mulheres que ficaram para trás – e assegure-se de não estar sendo, você mesma, uma agente do machismo velado.

1 – Mulheres não pagam a conta

Antigamente, quando não era comum que as mulheres trabalhassem, tornava-se aceitável e até mesmo lógico que apenas os homens arcassem com as despesas – fossem da casa, do restaurante ou das roupas. Mas os tempos mudaram e, atualmente, essa máxima não pode ser levada tão a sério. Dividir a conta ou mesmo paga-la por inteiro, de vez em quando, demonstra parceria e companheirismo.

2 – Homens não ajudam nas tarefas domésticas

Mais uma vez, um paradigma de caráter histórico. Quando as mulheres não trabalhavam fora, elas se encarregavam de todos os afazeres domésticos enquanto seus maridos iam para o trabalho. No entanto, com a mudança de comportamento decorrente do trabalho feminino, os homens precisam entender que as tarefas do lar são de responsabilidade de ambos.

3 – Mulheres se cuidam para impressionar os homens

Se você é mulher, sabe o quanto essa afirmação está equivocada. Mulheres se cuidam por elas mesmas, porque gostam de se sentir bonitas, elegantes ou na moda. A vida feminina não se resume a agradar o sexo oposto, como acontecia há alguns anos, e a mulher moderna está mais preocupada em ficar bem consigo mesma.

4 – Homens têm medo de compromisso

Muitas mulheres podem concordar com essa frase, apenas para justificar as pisadas na bola de um ou outro homem que conheceram. A verdade é que há homens que desejam encontrar a mulher certa para se comprometerem, assim como há homens que não querem mais que uma noite com você. Se o cara não quis assumir nada contigo, não significa que ele tenha medo de compromisso, nem significa que ele seja um cafajeste; pode ser que você, simplesmente, não seja o que ele procura.

5 – Mulheres não são divertidas

Pode ser que, num passado não muito distante, os homens preferissem permanecer entre os seus porque a mulherada era meio parada, não sabia falar de futebol, carros ou qualquer outra coisa que não fossem as tarefas de casa, roupas e sapatos. Mas essa realidade mudou – e os homens sabem disso. Basta observar o comportamento deles: muitos não abrem mão de dividir a mesa do bar com amigas de verdade, que têm os mesmos interesses que eles e são capazes de tornar qualquer noite muito mais divertida.

6 – Homens querem sexo sempre, não importa quando, onde ou como

É claro que eles apreciam demais a arte do sexo e, como provam diversas pesquisas, pensam nisso muito mais que as mulheres, mas isso não quer dizer que eles queiram sexo em qualquer circunstância. O raciocínio que nos leva a crer nessa afirmação não apenas está errado, como também coloca sobre nossos companheiros uma enorme pressão.

Se o cara não quer transar com uma mulher, logo surgem comentários desnecessários, que colocam em cheque a virilidade e até mesmo a opção sexual dele. Não é assim que funciona, claro. Quando alguém não quer fazer sexo com você, pode ser um dia ruim, uma fase ruim, pode ser que vocês estejam em um local inadequado e, infelizmente, pode ser que, para ele, você seja a pessoa errada.

Assuntos: Poder

Para você