6 dicas importantes para cuidar da saúde dos olhos

A intensa concentração exigida ao longo do dia pode causar alguns incômodos aos olhos e é importante saber como protegê-los

Escrito por Carolina Werneck

Foto: Thinkstock

As profissões do mundo moderno tendem a deixar os seres humanos, cada vez mais, em ambientes fechados e de frente a telas de computadores multifuncionais, capazes de controlar tudo o que se fizer necessário. Essa característica tecnológica dos novos tempos, que aparentemente é tão vantajosa, na verdade esconde um problema sério: a intensa concentração exigida ao longo do dia pode causar alguns incômodos aos olhos.

1 – Mantenha distância

Talvez a dica mais importante seja justamente manter os olhos afastados do que lhes é nocivo – as telas iluminadas de computadores, tablets, smartphones e qualquer outro apareto. Quanto mais perto dessas telas você se mantiver, maiores as chances de que sejam causados danos à sua visão.

De acordo com um estudo realizado pelo Council for Research Excellence, pessoas de meia-idade que passam cerca de nove horas e meia por dia em frente a essas telas podem desenvolver a síndrome da visão do computador. Os sintomas do problema incluem visão turva, dores de cabeça, olhos secos e vermelhos, visão dupla e até dor de garganta.

Um artigo publicado na revista Optometry and Vision Science mostrou que usuários de smartphones mantêm os aparelhos, em geral, a 14 polegadas dos olhos, enquanto o recomendado seria pelo menos 16 polegadas.

2 – Pisque

Um ser humano pisca de 15 a 20 vezes em um minuto. No entanto, quando está olhando para uma tela, esse número diminui pela metade – e isso prejudica bastante a visão. Piscar é o que lubrifica seus olhos e evita que a córnea resseque. Por isso, sempre que estiver usando um computador, notebook, tablet ou smartphone, dê um tempo longe do aparelho para que seus olhos possam ser lubrificados naturalmente.

3 – Coma frutos do mar

Segundo um estudo publicado no Archives of Ophthalmology em 2011, ingerir peixes como a cavala, o salmão, a sardinha e a anchova pode ajudar a diminuir os riscos de desenvolver uma doença ocular. A explicação estaria nos ácidos graxos ômega-3, que também auxilia na lubrificação dos olhos.

4 – Coma verduras – quanto mais verde, melhor

Uma pesquisa realizada na University of Georgia in Athens provou que vegetais de folhas verdes são capazes de reduzir os efeitos negativos da exposição excessiva à luminosidade. O motivo para tanto é que – pasme – eles ajudam a absorver parte dessa luz, exatamente como fazem durante o processo de fotossíntese.

5 – Diminua a maquiagem na área dos olhos

Sombras, lápis, rímels e até o curvex podem prejudicar a saúde dos seus olhos. Se possível, utilize-os apenas de vez em quando mas, se for necessário usá-los todos os dias, procure não aplicar produtos na área interna dos olhos, como na linha d’água. Se notar qualquer incômodo ao utilizar um produto específico, suspenda o uso imediatamente. Caso o incômodo persista ainda assim, procure um oftalmologista.

6 – Procure a ajuda de um profissional

Assim como qualquer outra função ou sistema do organismo, a visão também precisa ser acompanhada de perto por um profissional. Visitas regulares ao oftalmologista permitem que alterações nos olhos sejam identificadas e tratadas rapidamente, evitando problemas mais graves.

Para você