5 benefícios do chá de alfavaca e como deixá-lo mais saboroso

Escrito por
Em 25.08.21

iStock

Por                                
Em 25.08.21

A alfavaca (Ocimum gratissimum) é uma planta herbácea muito confundida com o manjericão. Ela é originaria da Ásia tropical e no Brasil passou a ser usada como tempero natural na preparação de pratos culinários e também para fazer chá. Para saber mais sobre o chá de alfavaca, a nutricionista Joice Oliveira (CRN/RJ 09100489), citou seus benefícios e deu dicas de como deixá-lo mais gostoso. Acompanhe a matéria!

Publicidade

Benefícios do chá de alfavaca que você não sabia

Segundo a nutricionista, a alfavaca “tem diversos benefícios medicinais: pode ser usada na forma de óleo essencial, na forma de extrato seco e também é possível fazer chá.” A seguir você confere os principais benefícios do chá de alfavaca citados pela profissional:

  • Dietas antioxidantes: segundo Joice, “o chá de alfavaca pode ser usado para complementar dietas antioxidantes, pois tem a função de prevenir o envelhecimento precoce das células”;
  • Trata vermes do intestino: Joice informou que o chá de alfavaca “pode ser usado para auxiliar no tratamento de vermes do intestino, já que ele tem ação anti-helmíntica e ajuda a combater esses parasitas”;
  • Possui propriedades diaforéticas: por ter propriedades diaforéticas, o chá de alfavaca auxilia na produção de suor, ou seja, a bebida aumenta a transpiração e pode ajudar a diminuir a retenção de líquido. Além do mais, a nutricionista disse que o chá de alfavaca “pode ser tomado antes do treino em jejum para aumentar a transpiração durante a atividade física”;
  • Melhora a digestão: o chá também atua como estimulante digestivo e antiespasmódico gástrico, pois auxilia na digestão dos alimentos. Além disso, a nutricionista informou que a bebida ajuda a combater a prisão de ventre;
  • Efeito laxativo: a alfavaca possui outro benefício significativo, o chá feito com a planta pode melhorar a constipação e auxiliar na melhoria do trânsito intestinal. “O chá possui propriedades laxativas, então, além de hidratar, ele ajuda a soltar o intestino”, informou Joice.

A nutricionista alertou que o chá de alfavaca pode causar palpitações e aumentar a produção de suor. Portanto, não é indicada para hipertensos, gestantes e crianças.

Alfavaca X manjericão

iStock

A alfavaca é facilmente confundida com o manjericão por pertencerem ao mesmo gênero. “A alfavaca pertence ao gênero de planta Ocimum gratissimum, por isso gera confusão em algumas pessoas. O manjericão é do mesmo gênero, porém, é de outra espécie e se chama Ocimum basilicum L”, explicou a nutricionista.

Como fazer chá de alfavaca

A profissional orientou que se você quiser usar o caule e folhas para preparar o chá, “é interessante ferver essas partes com a água, isso chama-se decocção.” Agora se você preferir fazer a bebida somente com as folhinhas, não é necessário fervê-las, basta seguir o passo a passo abaixo:

  1. Ferva 300ml de água e, quando começar a borbulhar, desligue o fogo;
  2. Depois, acrescente um punhado de folhas de alfavaca na água;
  3. Deixe repousar por 15 minutos;
  4. Em seguida, é só coar e o chá estará pronto para consumir.

Você pode deixar o chá mais saboroso, basta acrescentar uma casca de limão ou um pedacinho de gengibre. Além disso, a nutricionista recomendou consumi-lo logo após a preparação. “ Assim o chá não perde os polifenóis, substâncias que ajudam no detox.”

As propriedades das ervas tem sido aproveitadas desde as civilizações antigas e, assim como o chá de alfavaca, existem outros tipos da bebida benéficos para a saúde. Por isso, saiba mais sobre o chá de inhame e como ele contribui para o bom funcionamento do corpo!

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.