Dicas para mandar fazer roupa na costureira

Saiba quais são os principais passos a serem adotados para mandar fazer uma roupa na costureira e obter um resultado satisfatório

Por Selena Escher

dicas para mandar fazer roupa na costureira Dicas para mandar fazer roupa na costureira

Nossas avós e mães são de tempos em que as opções de lojas de moda disponíveis eram reduzidas. Logo, replicar modelitos de personalidades e peças de grife como, por exemplo, vestidos de festa (normalmente caros e de difícil caimento), tornou-se uma saída ainda utilizada na atualidade.

Quem nunca se apaixonou por determinada peça de roupa exposta em uma revista ou até nas páginas da internet e não a encontrou para comprar? E mais: Que mulher nunca se encantou por certa peça caríssima de uma loja, e não a comprou?

Pois bem. Em casos como estes, uma das soluções é “mandar fazer”. Assim, alguns passos devem ser adotados para um resultado de sucesso. Que tal buscar por uma boa costureira para confeccionar sua peça dos sonhos sob medida e menos custosa? Acompanhe algumas dicas valiosas para auxiliar neste processo:

1) Encontre o modelo ideal: Busque por imagens de inspiração para exemplificar o modelo que deseja, e apresentar para a costureira. Vale também desenhar e, caso domine o assunto, pontuar detalhes técnicos da peça. Do contrário, opte por uma foto ou até mesmo, se possível, por levar o modelo da peça que lhe agrada.

2) Busque por uma boa profissional: Caso já possua uma costureira de confiança, ótimo. Porém, se não a possui ou nunca utilizou deste serviço, procure por recomendações boca a boca entre amigas, lojas conhecidas ou internet. Em seguida, agende uma visita e analise as roupas por ela confeccionadas. – Algumas dispõem de imagens de suas clientes vestindo suas criações. Observe o caimento e acabamento das peças, para então fechar negócio.

3) Escolha o tecido: Ao visitar a costureira e optar por seu trabalho, consulte-a sobre qual tecido comprar, assim como metragem. – Esta, definida de acordo com o modelo escolhido e suas medidas tiradas pela profissional. Além do mais, peça sugestões sobre quais lojas possuem maior variedade e melhor preço. Lojas de tecido não aceitam devoluções, por isso, atenção à escolha.

4) Finalizando o processo: Após a compra do tecido e demais materiais necessários, vá até a costureira, cheque se haverão provas, e atenção: Quando precisar da roupa para uma ocasião especial, atente-se para a data de entrega, computando que provas poderão ser necessárias, e mais, essas profissionais costumam ter muito serviço em determinadas épocas do ano, como nos meses de maio, quando muitos casamentos são realizados, e de dezembro a fevereiro, época de férias, Natal, Ano Novo e formaturas. Logo, programe-se e adiante-se.