Vinagre de arroz: 5 razões para usar esse produto diariamente

Escrito por
Em 28.05.20

iStock

O sucesso da culinária japonesa é também um excelente aliado no processo de emagrecimento. De acordo com a nutricionista Laryssa Elenn (CRN-6 19757), as vantagens do vinagre de arroz vão além do tempero para o sushi, uma vez que ele beneficia o coração, é bom para o cabelo e ainda ajuda a prevenir o câncer de pele. Veja mais na matéria:

Continua após o anúncio

Índice do conteúdo:

O que é o vinagre de arroz?

“O vinagre de arroz é de fato preparado a partir da fermentação do arroz. Então, essa versão é leve, é mais adocicada e tem nutrientes consideravelmente importantes”, explica Laryssa. Ainda segundo a nutricionista, para fazer esse produto, é preciso transferir o arroz e a água de seu cozimento para um pote de vidro, de preferência escuro. Em seguida, adicionar 30-60 ml de vinagre e completar com água filtrada.

Depois, cubra o pote com paninho e tampa, coloque em um lugar escuro e aquecido e aguarde três semanas. Para saber se está pronto, cheire e prove. “O vinagre de arroz tem que ser azedo e ácido e não deve ter o gosto do álcool”, esclarece Laryssa. Para finalizar, coe o vinagre com um tecido ou peneira, leve à geladeira por até 2h e ele estará pronto para ser utilizado.

5 benefícios do vinagre de arroz

  1. Auxilia no emagrecimento: de forma geral, os vinagres são pouco calóricos. “Isso significa que você pode reduzir a ingestão calórica trocando o molho da salada, que normalmente tem altos índices de sódio, muitos níveis calóricos e de açúcares, e usar ele [o vinagre de arroz]”, afirma Laryssa. Além disso, essa versão também contribui para a redução do apetite, facilitando a perda de peso.
  2. Melhora a fluidez do sangue: Laryssa menciona um estudo japonês para fundamentar esse benefício. De acordo com a nutricionista, o uso desse ingrediente otimiza o fluxo sanguíneo e, por essa razão, ajuda a prevenir a hipertensão ou beneficia o público que já possui problemas de pressão alta.
  3. Auxilia na prevenção do câncer: outro efeito positivo é a inibição de uma enzima responsável pela formação do ácido hipocloroso, substância altamente tóxica, mutagênica e cancerígena. Por ser um mediador de radicais livres, o vinagre age prevenindo o desenvolvimento do câncer, especialmente o de pele.
  4. É bom para o cabelo: apesar de ser uma ação indireta, o tempero popular da culinária japonesa também pode contribuir com a saúde capilar. “Como no vinagre de arroz tem uma alta concentração de ácido acético, então ele é importante no sistema digestivo. Ou seja, ele aumenta a capacidade de absorção de nutrientes, vitaminas e minerais dos alimentos do plano alimentar”, destaca Laryssa.
  5. Melhora o quadro de resistência à insulina: diabéticos ou pré-diabéticos também podem se beneficiar, pois o vinagre de arroz ajuda a controlar a glicose no sangue.

Apesar de não ser tão conhecida, principalmente se comparada ao popular vinagre de maçã, a versão feita a partir da fermentação do arroz é uma importante aliada da saúde. Portanto, pode ser utilizada nas preparações diárias. Aprenda como fazer isso a seguir!

Recomendações de uso

iStock

Seja para emagrecer ou para aproveitar os demais benefícios do vinagre de arroz, a nutricionista recomenda o uso de até três colheres (sopa) por dia. Esse consumo, por sua vez, pode ser feito ao adicionar o ingrediente nos alimentos do plano alimentar. Veja as recomendações:

  • Principais formas de utilização do vinagre de arroz: além dos benefícios proporcionados à saúde, o ingrediente chave para os sushis também é versátil na cozinha. Segundo Laryssa, ele pode ser combinado com outros ingredientes como cúrcuma, orégano e salsinha no tempero de peixes diversos, principalmente salmão.
  • Malefícios: o uso excessivo pode levar à corrosão dos esmaltes dentários, pois trata-se de um produto mais ácido. Exagerar nas doses diárias também pode causar desconfortos gastrointestinais, perda de densidade óssea e muscular.
  • Contraindicações: a nutricionista lembra que os diabéticos devem usar esse vinagre apenas sob recomendação médica, uma vez que, em excesso, ele pode causar hipoglicemia nesses pacientes. “Ter cuidado com o público que já tem alguma patologia gastroesofágica, como a gastrite, porque esse público tem uma certa sensibilidade para alimentos ácidos”, complementa. Caso você tenha alguma sensibilidade, Laryssa recomenda iniciar com uma dose menor e ir verificando sua tolerância aos poucos.
  • Possíveis substituições: outros tipos de vinagre podem substituir a versão feita com esse grão, como o vinagre de maçã, o balsâmico e até mesmo o vinagre de vinho branco. Para a especialista em nutrição, essas versões não possuem os mesmos benefícios, mas são bem semelhantes.

Agora que você já sabe que o vinagre de arroz traz benefícios para sua saúde e beleza, que tal conferir as vantagens do vinagre de maçã? Assim, você terá duas versões para diversificar a dieta durante a semana.

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Assuntos: Alimentação