Sociedade

A sororidade é um comportamento fundamental para o feminismo

Envato

Atualizado em 01.08.22

Sororidade é uma palavra originária do latim ‘soror’, que significa irmã, e tem sido cada vez mais utilizada por mulheres, principalmente em apoio ao feminismo na desconstrução do machismo. A neuropsicóloga Roberta Brito (CRP: 06/61136) falou sobre o assunto, pontuando equívocos e a importância do termo para o empoderamento feminino. Acompanhe!

Publicidade

O que é sororidade

O conceito está fortemente ligado ao feminismo e representa uma aliança entre as mulheres em oposição à cultura machista. Segundo a psicóloga, essa aliança é baseada na desconstrução da rivalidade, “na empatia, companheirismo e solidariedade em busca de alcançar objetivos em comum”, independentemente de classe social, raça, etnia e religiosidade entre as mulheres.

O uso do termo foi atribuído à escritora feminista Kate Millett, em 1970, quando ela usou a palavra para construir a ideia de união feminina em luta pelos direitos da mulher. Além disso, ele foi inspirado nas mulheres do início do século que, juntas, lutaram contra a violência, opressão e o patriarcado.

“Fomos, ao longo do tempo, conquistando o direito de atitudes simples, anteriormente dada somente ao sexo masculino, como trabalhar fora, votar, divórcio, cargos na política, entre outros”, completou a profissional.

Diferença entre empatia e sororidade

A sororidade está fortemente relacionada ao feminismo e diz respeito à união e à prática de acolhimento, principalmente em oposição à opressão e à violência sofrida pelas mulheres. A empatia “não cabe somente à mulher. É sobre a sociedade perceber que devemos olhar para o outro com respeito, acima de tudo, pois cada pessoa tem o direito de ser quem é e do jeito que quiser”, explica a psicóloga. Assim, exercer a empatia é se colocar no lugar do outro independentemente de gênero.

Por que a sororidade é importante

O propósito da sororidade é justamente quebrar a rivalidade propagada entre mulheres desde a infância, mostrando que isso é uma construção social e promovendo o apoio feminino em defesa de objetivos em comum e desconstrução de preconceitos. “Em todo lugar em que há preconceito, cabe uma luta. Por isso a sororidade é muito importante para fortalecer a luta por mudança de estigmas e ideologias que não fazem sentido”, informou Brito.

Desse modo, a sororidade é necessária para o feminismo por criar uma aliança entre mulheres, promovendo o reconhecimento, o pertencimento e a união de vozes na luta pela igualdade de gênero. Unidas pela mesma causa, é possível combater ações misóginas, o machismo e o patriarcado. “O objetivo é quebrar barreiras, muitas delas impostas por pensamentos machistas enraizados em nossa cultura, outras por questões de classe e de cor. Na verdade, a luta é pela liberdade”, completou a psicóloga.

Equívocos sobre a sororidade

A percepção do termo muitas vezes é equivocada e nem sempre ele pode ser aplicado, principalmente quando acham que sororidade é gostar, se identificar e defender todas as mulheres, mesmo diante de atitudes erradas. É importante deixar claro que a ideia é ouvir, dar voz às mulheres, respeitando a essência de cada uma, porém, também é indispensável ter discernimento do que está certo ou errado.

Para a psicóloga, a sororidade “é um termo relativamente novo, portanto quanto mais for divulgado, mais será absorvido pelo senso comum e todos terão acesso” ao significado correto. Para isso, vale compartilhar informações relevantes sobre o assunto, contestar os equívocos e ter em mente que você não é obrigada a ser a melhor amiga de todas as mulheres. Sororidade é sobre respeitar, não julgar e apoiar coletivamente a luta.

Publicidade

Como praticar a sororidade

Envato

A essência da sororidade é apoiar, ajudar e não julgar outras mulheres. Dessa forma, a seguir, confira algumas atitudes que você pode praticar no dia a dia para fortalecer a união entre mulheres:

  • Acabe com a rivalidade;
  • Apoie outras mulheres;
  • Valorize o trabalho de outras mulheres;
  • Reconheça seu valor;
  • Compartilhe seus conhecimentos;
  • Não faça julgamentos pela vestimenta;
  • Coloque-se no lugar de outras mulheres com empatia.

Como visto, a sororidade é importante para combater o preconceito, machismo, estigmas e ideologias enraizados na sociedade. Portanto, acolher mulheres é essencial para alcançar a independência e liberdade feminina. Aproveite entenda a diferença entre sororidade e dororidade.

Formada em Letras e pós-graduada em Jornalismo Digital. Apaixonada por livros, plantas e animais. Ama viajar e pesquisar sobre outras culturas. Escreve sobre diversos assuntos, especialmente sobre saúde, bem-estar, beleza e comportamento.