Creme para rosácea: 7 melhores produtos e cuidados no tratamento da doença

Escrito por
Atualizado em 27.09.21

iStock

Por
Atualizado em 27.09.21

O creme para rosácea é um aliado para cuidar e prevenir a doença, mas o produto precisa ter formulações específicas. Para ficar por dentro do assunto, a dermatologista e tricologista Joana D’Arc Diniz (CRM: 67786-8 RJ), Diretora Científica da Sociedade Brasileira de Medicina Estética e da Sociedade Brasileira do Cabelo (RJ), falou mais sobre o tema. Acompanhe!

Publicidade

Índice do conteúdo:

O que é rosácea e como identificar a doença

“É uma doença benigna, vascular inflamatória crônica, com períodos de remissão ou piora. Também chamada erroneamente de “acne rosácea”, pois a acne é uma doença da glândula sebácea, totalmente diferente da rosácea. Ocorre, principalmente, em adultos entre 30 e 50 anos de idade. É mais frequente em mulheres, porém atinge muitos homens e, neles, o quadro tende a ser mais grave, evoluindo continuamente com rinofima (aumento gradual do nariz por espessamento e dilatação folículos). Além disso, raramente ocorre em negros. Mas a origem da rosácea ainda não é conhecida. No entanto, há uma predisposição individual, genética também, intimamente relacionada ao estresse”, aponta Joana.

De acordo com a dermatologista, a doença afeta, principalmente, a região central da face. A pele com rosácea é sensível, geralmente mais seca, que começa a ficar vermelha facilmente. Esse tipo de pele acaba tendo mais irritabilidade a ácidos e produtos no geral. É preciso ficar de olho, pois aos poucos, a vermelhidão, chamada de eritema, tende a ficar permanente, com a presença de vasos finos (telangiectasias). Percebe-se, também, pápulas e pústulas que lembram a acne, sendo possível aparecer edemas e nódulos.

Quanto ao diagnóstico, para poder indicar determinado creme para rosácea, Joana ressalta: “A história do paciente em relação ao aparecimento e a presença de eritemas (vermelhidões) e telangiectasias, acompanhadas de pápulas e pústulas (existe evidência de contaminação por bactéria e fungo que estão presentes na nossa pele) ajudam a fechar o diagnóstico. Existe uma relação de piora com ingestão de bebida alcoólica. O exame físico do paciente no período de exacerbação do quadro é muito importante”.

7 cuidados essenciais para peles com rosácea

A pele com rosácea precisa de muita atenção na hora da escolha dos produtos. Portanto, uma avaliação com um dermatologista é superimportante.

“A pele com rosácea é uma pele mais sensível e hiperreativa a várias substâncias de uso químico ou físico, como sabonetes, abrasivos, produtos com base alcoólica (adstringentes e loções alcoólicas) e peelings. Toda irritação à pele sensível gera uma reação inflamatória que exacerba muito o quadro inicial. Por isso, a prescrição médica é fundamental para a escolha do veículo adequado, bem como a concentração das substâncias empregadas. Isso vale inclusive para os protetores solares”, complementa. Veja, a seguir, os principais cuidados prescritos pela dermatologista!

  • Evite fragrâncias e alguns conservantes nas formulações: isso porque as fragrâncias e alguns conservantes são altamente alergênicos. Joana comenta que, o mais comumente empregado nos cosméticos é o parabeno. Além disso, ingredientes como o mentol, o óleo de eucalipto e a hortelã-pimenta são apontados como inimigos, ainda que promovam ação refrescante, não são indicados no creme para rosácea, pois podem gerar a sensação de queimação e, algumas vezes, coceira.
  • Evite o uso de determinados ácidos: “os ácidos também intensificam as irritações à pele. Por isso, oácido salicílico (muito empregado para peles com acne), o ácido retinóico e seus derivados (empregados para renovação celular) podem irritar e ressecar, agravando os sintomas clássicos da doença, como a vermelhidão”, explica Joana.
  • Use sabonetes e protetores específicos: na rotina, use sabonetes suaves para limpeza de pele, sem ingredientes abrasivos. Já o protetor solar deve ter uma proteção elevada contra UVA e UVB, com um veículo adequado à pele do paciente. Joana cita preferencialmente os mais fluídos e de toque seco.
  • Aposte em produtos com ingredientes calmantes e anti-inflamatórios: “todos os ingredientes calmantes e anti-inflamatórios podem ser usados nesse tipo de pele. Produtos que contenham compostos como: alantoína, conhecido por ser um anti-inflamatório e cicatrizante tópico, melhorando a umectação da pele; bisabolol, substância extraída da camomila e responsável pelo efeito calmante; niacinamida, ajuda a aumentar a síntese de ceramidas naturais da pele; e o extrato de aveia (Avena Sativa), que possui propriedades calmante, hidratante e emoliente”, indica a dermatologista.
  • Inclua o ácido hialurônico na sua rotina: Joana comenta que um dos seus queridinhos é o ácido hialurônico. Esse componente deixa a pele hidratada e ajuda a manter a umidade! Como não amar? Inclusive para as peles com rosácea, ele auxilia na prevenção do envelhecimento da pele. No entanto, a formulação deve ser pensada de modo personalizado, trazendo concentrações mais baixas, mas que serão efetivas com o uso regular.
  • Invista nos lasers de baixa potência: em alguns casos, a dermatologista esclarece que poderá ser prescrito tratamentos de lasers ou luzes de baixa potência, como a luz pulsada.
  • Para rejuvenescimento, uma opção é o ácido glicólico: “dou preferência ao ácido glicólico, que costuma ser melhor tolerado em cremes ou, até mesmo, em peeling”, conclui.

Os cuidados para quem tem a doença incluem também o uso de creme para rosácea. Usar produtinhos pensados para o seu tipo de pele, para acalmar e mantê-la hidratada é um dos segredos.

7 melhores cremes e outros produtos para rosácea

Que tal conhecer os produtos para rosácea que vão ajudar muito a sua pele? Na sequência, a dermatologista listou algumas opções para você incluir na sua rotina. Confira!

1. Cetaphil Sabonete de Limpeza Suave – $

Publicidade

Sabonete com glicerina na fórmula, que ajuda na limpeza eficaz, mas sem ressecar a pele seca e sensível, como bem aponta a dermatologista: “indicado para peles sensíveis, por ser hipoalergênico e sem fragrância. Recomendo usá-lo para lavar o rosto pela manhã e à noite”.

2. Creme Nutrel Suavizante Balm Profuse – $$

Com sua fórmula ultraleve, esse creme para rosácea garante uma hidratação sem pesar e tem uma fórmula bem pensada! “Um hidratante que contém prebiótico, tem ação calmante e anti-vermelhidão para peles sensíveis e sensibilizadas. Ele contém ácido hialurônico e avenantramidas, o que melhora a hidratação da pele, protege a barreira cutânea, evitando assim, a desidratação da pele”, explica Joana.

3. Toleriane Sensitive Creme – $$$

Um produto sem álcool e sem fragrância que evita a vermelhidão da pele e contém água termal de La Roche Posay. “É um creme hidratante para peles sensíveis; tem ceramidas, glicerina e água termal, que ajuda a acalmar a pele além de hidratar”, aponta a médica.

4. Água termal La Roche Posay – $$$

A água termal é muito recomendada para pele sensibilizada, pois é perfeita para acalmar a pele e reduzir a irritação. “Pacientes com rosácea podem usar e abusar de água termal, sempre antes dos cremes”, complementa.

5. Photoage Mineral Color Base Facial Dermage FPS 50 – $$$

Um protetor com cor e textura fluida que não pesa ao longo dia. O melhor é que a sua formulação não agride a pele sensível ou com rosácea. “Indico Photoage Mineral Fluido FPS 50 com cor de base, que é ótimo para peles sensíveis e não provoca reações adversas”, como assina Joana.

6. Creme Superlatif Revitalizante 2 Anna Pegova – $$$$

Publicidade

Com ativos excelentes, esse creme promove uma renovação e revitalização da pele. “Tem ácido glicólico, ceramidas e vitamina E. Para uso noturno”, indica a dermatologista.

7. Sérum Retinol B3 La Roche Posay – $$$$

Um verdadeiro combo, com associações de ativos e ação antirrugas. “Esse produto novo tem retinol de liberação rápida e de liberação lenta, além de ácido hialurônico e água termal. Por isso, pode ser indicado para peles sensíveis. Tem sido bem tolerado por peles sensíveis e mesmo as peles mais secas, devido à sua ação hidratante”, explica.

Se você está buscando um creme para rosácea com resultados para a sua pele, vai perceber que o ácido hialurônico é um ingrediente frequente nas formulações. Saiba mais sobre os efeitos maravilhosos que ele pode promover no seu skincare!