Ácido Glicólico: descubra os benefícios do produto para sua pele

O ácido é incolor, sem cheiro, e muito usado em produtos rejuvenescedores

Escrito por Tais Romanelli

Foto: Thinkstock

Para as mulheres mais vaidosas, visitas frequentes ao dermatologista tornam-se quase que obrigatórias com o passar dos anos. Mas, por um ótimo motivo: atualmente existem vários tratamentos e produtos recomendados pelos profissionais, que amenizam ou retardam os sinais do envelhecimento ou, simplesmente, deixam a pele muito mais bonita.

Entre os ácidos usados com frequência e indicados por dermatologistas, o Glicólico tem atraído muito a atenção, por trazer resultados relativamente rápidos e muitos benefícios à pele das mulheres.

O que é o Ácido Glicólico?

De acordo com a dermatologista Renata Fernandes Marques, o Ácido Glicólico é um alfahidroxiácido, derivado da cana de açúcar e de vegetais doces. É um ácido incolor e sem cheiro, muito usado em produtos rejuvenescedores para a pele. “Possui a capacidade de esfoliar a pele, de clareá-la e de estimular síntese de colágeno na derme, evitando ou retardando o seu envelhecimento. Pode tornar a pele mais fina, sedosa, clara e ainda reduzir as cicatrizes de acne”, destaca.

A dermatologista explica que o ácido pode ser usado em forma de peeling ou em produtos que o contenham. “Seu uso correto, além dos benefícios já citados acima, pode tornar a pele mais uniforme, firme, hidratada e brilhante”, acrescenta.

Os benefícios dos produtos demoram a aparecer?

Com tantos benefícios que pode oferecer à pele das mulheres, não resta dúvidas do quanto seu uso é válido, desde que seja recomendado por um(a) dermatologista. Mas, será que os resultados demoram muito a aparecer?

“Os resultados são variáveis e dependem da concentração do Ácido Glicólico no cosmético. Mas, geralmente, podem ser notados a partir do segundo ou terceiro mês de uso. Quando realizado na forma de peeling, onde as concentrações são maiores, os resultados aparecem mais rápido, em semanas”, explica a dermatologista Renata.

Quais produtos contém ácido glicólioco?

Atualmente, existem vários produtos no mercado que contêm Ácido Glicólico em sua composição. “Desde manipulados por médicos, até produtos comercias, vendidos em lojas e farmácias, como, por exemplo, Demelan Creme Clareador, da Glenmark; Derm AHA e Biomedic Pigment Vontrol, da La Roche Posay; linha Normaderm, da Vichy, entre outros”, diz a médica dermatologista.

“O ideal é sempre comprar qualquer produto sob indicação de um dermatologista, que escolherá a melhor opção para cada tipo de pele. No entanto, produtos de linhas comerciais, por apresentarem concentrações mais baixas de acido glicólico, são vendidos sem necessidade de prescrição médica”, explica a dermatologista Renata Marques.

Demelan Creme Clareador 15g por R$54,94 na <a href="http://www.farmadelivery.com.br/demelan-creme-clareador-da-pele-c-15g" target="_blank">Farmadelivery</a>

Sérum Anti-idade La Roche-Posay Derm AHA 30mL por R$145,90 na <a href="http://www.netfarma.com.br/produto/16624/serum-anti-idade-la-roche-posay-derm-aha?gclid=CJz2-a6Q-7kCFSZp7AodJScAbQ" target="_blank"Netfarma</a>

Biomedic Pigment Control Laroche Posay 30ml por R$139,41 na <a href="http://www.panvel.com/panvel/visualizarProduto.do?codigoItem=521330" target="_blank">Panvel</a>

Vichy Normaderm Tri-Activ 50ml por R$67,41 na <a href="http://www.panvel.com/panvel/visualizarProduto.do?codigoItem=573800" target="_blank">Panvel</a>

Clean AHAS  Sabonete de ácido glicólico 190ml por R$94,78 na <a href="http://www.qualityderm.com.br/qualityderm/Portugues/detProduto.php?cod=511" target="_blank">Qualityderm</a>

O uso de fotoprotetores

“Todos os pacientes que estão usando algum ácido devem usar fotoprotetores, pois a pele fica mais sensível à radiação ultravioleta, aumentando a chance de queimaduras e manchas na pele, se esta não estiver protegida adequadamente”, destaca a dermatologista Renata.

Contraindicações

De acordo com a médica, o Ácido Glicólico não deverá ser usado por pessoas com infecção em atividade no local onde será aplicado, em alérgicos ao produto, em peles com feridas abertas ou com queimaduras recentes, e em gestantes.

Agora você já conhece os benefícios que o Ácido Glicólico oferece e, se for o caso, pode consultar seu(ua) dermatologista sobre o uso de produtos que contenham o ácido ou ainda sobre a possibilidade de realizar peelings. Mas lembre-se sempre de seguir as orientações passadas pelo profissional, pois só assim os resultados serão satisfatórios e sua pele ficará realmente mais bonita e rejuvenescida!

Assuntos: Pele

Para você