5 opções de chá laxante para acabar com a prisão de ventre

Escrito por
Em 25.04.22

Envato

A constipação intestinal é muito comum em mulheres. O problema que gera grande desconforto pode ocorrer devido a uma série de fatores, tanto fisiológicos quanto comportamentais e precisa de tratamento. No entanto, em situações emergenciais, algumas opções naturais podem ajudar. A seguir, confira algumas opções de chá laxante indicados pela nutricionista Paloma Moreira da Silva (CRN 04/21100734).

Publicidade

1. Chá laxante de ameixa seca

chá laxante

Envato

Rica em vitamina A e C que ajudam a fortalecer o sistema imunológico, a ameixa seca também é famosa por auxiliar no bom funcionamento do sistema digestório.

Segundo a nutricionista Paloma, o chá da fruta “possui um laxante natural, o sorbitol, facilitando a eliminação das fezes”, além de possuir também fibras que “facilitam a absorção de água do trato digestivo”

A profissional afirma que a bebida pode ser “usada para tratar constipação em adultos e em bebê”, mas ressalta ser sempre válido consultar um pediatra. Além disso, Paloma pontua que “o exagero pode causar diarreia e perda de líquidos e minerais”.

Como preparar

Ingredientes

  • 3 ameixas secas
  • 1 xícara de água

Modo de preparo

  1. Em uma panela, coloque a água e as ameixas e deixe ferver durante cerca de 5 minutos;
  2. Deixe a bebida amornar e consuma durante o dia.

2. Chá laxante de psyllium

Envato

Muito utilizado em medicamentos que auxiliam no combate ao colesterol alto e na prisão de ventre o psyllium é um excelente laxante natural.

Paloma explica que a semente é “é uma fibra solúvel que possui efeito laxante e estimula os movimentos intestinais”. Além disso, ele melhora absorção de água pelo intestino “facilitando a formação do bolo fecal”.

Publicidade

A nutricionista atenta apenas para a utilização do produto em excesso: “pode causar estufamento e excesso de gases”.

Como preparar

Ingredientes

  • 5g de psyllium em pó
  • 240 ml de água

Modo de preparo

  1. Em um copo com água em temperatura ambiente, misture o psyllium mexendo bem para dissolvê-lo;
  2. Beba a infusão fria imediatamente após fazer a mistura.

3. Chá laxante de sene

chá laxante

Envato

Muito conhecido por sua propriedade laxativa o chá de sene ou sena é constantemente utilizado para auxiliar na constipação e problemas gastrointestinais.

A nutricionista Paloma conta ainda que além de melhorar a constipação amolecendo as fezes o chá “é antioxidante e tem ação contra os radicais livres”.

Contudo, a ingestão da bebida requer cuidados. Em excesso e com frequência o chá pode causas danos ao organismo, como esclarece Paloma: “a erva pode causar diarreia, baixa de potássio no sangue, provocando fraqueza muscular e alterações nos batimentos cardíacos, desidratação e alteração na flora intestinal”.

Como preparar

Ingredientes

  • 250 ml de água fervente
  • 1 a 2 g de sopa de folhas de sene

Modo de preparo

  1. Em uma xícara coloque as folhas e a água fervente;
  2. Deixe a infusão descansar por cerca de 5 minutos;
  3. Coe e espere amornar para ingerir.

4. Chá de gengibre laxante

Envato

Publicidade

Com propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias o chá de gengibre é famoso por auxiliar em resfriados e dores de garganta, mas você sabia que ele também é ótimo para o sistema digestório?

A bebida auxilia no bom funcionamento do fígado e do intestino e “facilita os movimentos peristálticos, as contrações intestinais quem movem as fezes”, esclarece Paloma.

Apesar dos inúmeros benefícios, também é preciso tomar cuidado com a ingestão desse chá, pois o excesso pode causar arritmias, tonturas e cólicas.

Como preparar

Ingredientes

  • 2 cm de gengibre fresco
  • 200 ml de água

Modo de preparo

  1. Em uma panela adicione a água e o gengibre e deixe ferver por cerca de 10 minutos;
  2. Desligue o fogo, tampe a panela e deixe amornar;
  3. Coe e beba ainda morno.

5. Chá laxante de erva-doce

chá laxante

Envato

Também conhecida como anis-verde, a erva-doce é famosa pelos seus benefícios. Segundo Paloma, além de ter efeito diurético e ação calmante, a planta “estimula os movimentos que o intestino realiza para o funcionamento adequado do trânsito intestinal”.

A nutricionista pontua que a bebida pode ser consumida por bebês e crianças, sempre de acordo com a indicação de um pediatra. Além disso, ressalta para os cuidados com a ingestão, visto que “em excesso, pode causar náuseas, sonolência e vomito”.

Como preparar

Ingredientes

  • 1 colher de café de sementes de erva-doce
  • 1 xícara de água fervente

Modo de preparo

Publicidade

  1. Em uma xícara adicione a água fervente e as sementes de erva-doce;
  2. Tampe o recipiente e deixe a bebida descansar por 10 minutos;
  3. Coe o chá e beba ainda morno.

Apesar de os chás serem aliados incríveis para o alívio da constipação, a nutricionista salienta que nenhum deles deve ser usado com frequência, uma vez que pode “ser prejudicial à flora intestinal e causar perda de minerais”.

Paloma pontua também que o chá é “indicado para combater de forma natural a prisão de ventre, melhorando o trânsito intestinal”, contudo para quem sofre com constipação é fundamental “dar atenção à quantidade de água ingerida, pois é preciso estar bem hidratado, e ter uma alimentação equilibrada e principalmente rica em fibra”.

Soluções naturais para problemas digestivos são ótimas, mas procure um especialista que possa te auxiliar de maneira correta se o problema ocorrer de maneira constante. E se quiser ter um panorama mais amplo sobre prisão de ventre, clique no link e confira uma matéria completa sobre o assunto!

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Assuntos: Bem-Estar