Chá de jasmim: benefícios, como fazer e contraindicações

Escrito por
Em 14.08.20

iStock

O jasmim é uma flor muito aromática e, além disso, o seu chá também pode ser muito benéfico para a saúde. O chá de jasmim é utilizado há muitos anos pela medicina chinesa e ayurvédica e pode te ajudar muito. Saiba quais são seus benefícios, como prepará-lo e também as contraindicações e efeitos colaterais. Leia a matéria e confira!

Continua após o anúncio

Índice do conteúdo:

Benefícios do chá de jasmim

iStock

O chá de jasmim pode ser muito benéfico para o organismo. A seguir, listamos seus principais benefícios, com as indicações da nutricionista Camille Cesário Reis (CRN 3 – 44408). Acompanhe:

  • Possui efeito calmante, graças aos estímulos sedativos das flores de jasmim;
  • Por serem calmantes, também podem ser usadas para o tratamento de estresse e ansiedade;
  • É analgésico, pois contém ácido salicílico, que alivia dores de cabeça;
  • Aumenta a imunidade;
  • É antioxidante, por isso previne o envelhecimento precoce e o surgimento de doenças crônicas;
  • Auxilia o controle do colesterol e a redução do risco de doenças cardíacas, pois é rico em polifenóis;
  • Melhora a circulação sanguínea.

Apesar dos benefícios, é preciso ter cautela no consumo, como qualquer outro chá. Então, continue lendo para aprender como fazer e também as contraindicações para consumir com responsabilidade.

Como fazer chá de jasmim

  1. Coloque 250 ml de água para ferver;
  2. Quando começar a entrar em ebulição, apague o fogo;
  3. Adicione 1 colher (chá) de flores de jasmim;
  4. Abafe por 10 minutos, coe e consuma sem adoçar.

Tome de 15 a 20 minutos antes de dormir, caso deseje efeito calmante. Já para o efeito analgésico, tome assim que a dor surgir. As quantidades são individuais e devem seguir a orientação da prescrição, afirma Camille.

O chá de jasmim também pode ser combinado com o chá verde, com camomila, com gengibre, entre outras ervas e especiarias.

Efeitos colaterais do chá de jasmim

Existe o mito de que um chá não pode fazer mal porque é natural, mas pode ser muito perigoso se consumido em excesso. Camille alerta que o chá de jasmim pode provocar reações alérgicas, desconforto intestinal e contrações prematuras em gestantes. Por isso, a nutricionista afirma que esse chá não é indicado durante a gravidez.

Além disso, também é contraindicado para lactantes. Crianças, idosos e pessoas com doenças crônicas devem consultar um nutricionista ou médico antes de fazer o uso. Camille também alerta que é necessário ter prescrição nutricional ou médica para consumir qualquer chá a longo prazo.

O chá de jasmim pode ser muito benéfico, mas deve ser consumido com cautela. E se você gosta de conhecer mais sobre chás, aprenda mais sobre o chá de orégano e continue se informando sobre métodos naturais de cura.

Continua após o anúncio

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.