Androginia: tudo o que você precisa saber e inspirações incríveis

Escrito por
Em 25.05.20

Ruby Rose

A androginia é a mistura de referências e formas de se expressar tidas como femininas e masculinas. Essa mescla de estilos pode causar confusão com outros termos como homossexualidade, pessoas sem gênero, genderfluid e muitos outros. Continue conosco e saiba mais sobre o assunto, descubra se você se identifica como andrógina e confira belas referências de moda desse estilo. Vem ver!

Continua após o anúncio

Índice do conteúdo:

O que é androginia

A origem da palavra soma andro (homem) e ginia (mulher), indicando a junção das características dos dois sexos. Na mitologia grega, os andróginos eram criaturas que reuniam um corpo masculino e um feminino. Por serem muito poderosos, Zeus os cortou ao meio, transformando a criatura em duas. Após a separação, homens e mulheres passaram a procurar sua metade, e assim eles explicam a atração por sexos opostos.

Porém, a androginia está muito atrelada à identificação e forma de expressão, além de ser um fenômeno cultural. Com a entrada da mulher no mercado de trabalho, questões e funções tidas como masculinas ou femininas passaram a ser questionadas e a própria mulher começou a quebrar alguns estigmas, com a utilização de peças de roupas, cortes de cabelo e assumindo funções até então masculinas.

Nos anos 70 e 80, a androginia ganhou mais força com os movimentos de contracultura do rock – principalmente o Glam Rock -, que utilizaram muito a mescla de características masculinas e femininas. Alguns dos grandes nomes da época são David Bowie, Iggy Pop e, no Brasil, Ney Matogrosso.

A androginia pode ser confundida com orientação sexual ou com o gênero não binário, mas ela apenas diz respeito ao interesse por características tanto femininas quanto masculinas, funcionando como forma de expressão e identificação. Assim, você pode ser uma mulher heterossexual, mas se expressar como uma pessoa andrógina, somando características masculinas às femininas.

Experiências com a androginia

Com tantos nomes e categorias para nos enquadrarmos, pode ficar um pouco difícil entender como queremos nos expressar. Veja vídeos com relatos incríveis de pessoas que se descobriram andróginas e entenda se é o seu caso também.

Como é ser andrógino

Nesse vídeo, você vai entender um pouco mais sobre a androginia e outras questões de gênero, além de saber como é, para Cup, ser uma pessoa andrógina e como ele se expressa.

Continua após o anúncio

Questões sobre androginia e mulheres andróginas

Por que ser andrógina e não um homem trans? Esse e outros questionamentos você confere nesse vídeo. Além de falar sobre a pressão por definição de quem você é, ela nos conta sobre como é ser mulher e andrógina.

Androginia não tem relação como homossexualidade

Nesse vídeo, Guilherme conta sobre sua experiência enquanto homem heterossexual e andrógino, comentando sobre suas decisões e vivências em locais públicos e privados.

Como se reconhecer andrógino

Henrique nos conta como foi seu processo de descoberta como homem homossexual andrógino e como isso interferiu em sua vida. Ele fala também sobre como foi importante encontrar referências em outras pessoas que eram semelhantes a ele.

A confusão e vontade de se definir pode ser muito grande, mas, buscando referências e estudando sobre o assunto, todas essas pessoas puderam se reconhecer andróginas. O autoconhecimento é sempre a melhor resposta!

Androginia na moda

A moda reflete muito do que acontece no mundo, e não poderia ser diferente com a androginia. Após mulheres, principalmente as sufragistas, começarem a fazer uso de calças, por volta do final do século XIX e início do século XX, Coco Chanel passou a utilizar a peça também, além de criar outros itens inspirados no guarda-roupas masculino.

Mais tarde, nos anos 60 e 70, com influência do movimento hippie, a moda lançou as batas e calças boca de sino que eram usadas por ambos os sexos. Assim como nos anos 80 e 90, em que o look com camiseta, calça jeans e camisa xadrez era usado por homens e mulheres, inspirados pelo Glam Rock e Grunge.

Continua após o anúncio

O estilo andrógino sempre aparece em importantes movimentos que vão contra o que é dado como tradicional e correto, sendo utilizado como protesto, além de ser uma forma de expressão muito bacana. A verdade é que é muito divertido poder brincar com os universos masculino e feminino. Os looks ficam muito criativos e cheios de personalidade.

15 looks andróginos para aproveitar o melhor dos dois mundos

Confira looks andróginos megadescolados e se inspire para adotar o estilo andrógino em sua vida. Com certeza, seu visual só tem a ganhar!

1. Os terninhos são uma grande aposta para os looks andróginos

2. Antes tidas como masculinas, as peças de alfaiataria são muito neutras

3. Deixam o look megaestiloso

4. Você pode mesclar elementos masculinos e femininos

5. Fica belíssimo!

6. A bota com a camisa ficou um arraso!

7. Esse modelo de couro deu ainda mais personalidade para o look

8. Os looks andróginos são queridinhos na moda

Cara Delevingne

Continua após o anúncio

9. E podem expressar quem você é

10. O street style também tem peças ótimas para os andróginos

11. Não é mesmo?

12. Misturando o melhor do masculino e feminino

13. Só poderia resultar em looks incríveis

14. Assim como a calça marca o look das mulheres, a saia representa muito para os homens

15. E revela o que há de melhor em você!

Para além da identificação com a androginia, você pode se beneficiar desse estilo incrível que une inúmeras tendências e representatividade. Monte já seu look com um lindo suspensório feminino!

Assuntos: Estilo