10 benefícios do caqui, uma fruta adocicada e com potencial energético

Escrito por
Atualizado em 05.10.20

iStock

Por
Atualizado em 05.10.20

Que tal descobrir os benefícios do caqui? Essa fruta é bastante energética e uma excelente alternativa para você incluir na sua alimentação, principalmente aliando à rotina de exercícios. Confira, a seguir, tudo sobre ela, além de receitinhas e dicas!

Publicidade

Índice do conteúdo:

10 benefícios do caqui que contribuem para uma alimentação saudável

Consultamos a nutricionista Mariana Ferrari (CRN: 19521), da BP – A Beneficência Portuguesa de São Paulo, que apontou os quatro principais tipos de caqui: fuyu, caracterizado por ser maior e mais firme, rama forte cuja textura é mais gelatinosa; chocolate, que é firme e crocante; e o taubaté, que é grande e tema sabor mais adstringente. Veja, na sequência, os benefícios do caqui!

  • Ajuda a repor energia: é uma fruta rica em carboidratos, pois uma unidade pequena, ou 2/3 de um caqui grande, fornece cerca de 71 calorias e 19 gramas de carboidratos, tornando-se bastante energética. Por isso, é uma boa opção para reposição de energia após atividades físicas ou para aumento do consumo calórico.
  • Boa quantidade de fibras: essas fibras auxiliam no funcionamento intestinal, trazendo saciedade e reduzindo a absorção de gorduras no intestino.
  • Ótima opção de sobremesa nutritiva: de paladar adocicado, é uma opção de sobremesa natural.
  • Alimento leve e de fácil digestão: por conter poucas gorduras e proteínas.
  • Interessante para gestantes e lactentes: pelo potencial energético e nutritivo.
  • Possui vitamina C: propriedade importante para a cicatrização e integridade da pele, com efeito antioxidante e ação que contribui para a imunidade.
  • Auxilia nos processos de visão: por conta dos carotenoides presentes no caqui.
  • Ajuda a proteger o organismo: também por conta dos carotenoides que, mais do que serem responsáveis pela cor característica da fruta, trazem outros benefícios.
  • Colabora na prevenção de doenças crônicas: mais um benefício derivado dos carotenoides.
  • Possui propriedades essenciais para o organismo: devido à presença de cálcio, magnésio, zinco e micronutrientes.

Como se vê, o caqui é uma fruta para você incluir no seu dia a dia, seja para fornecer energia e nutrientes ou para substituir um doce em uma sobremesa, por exemplo. A seguir, veja a melhor forma de consumir para ter os benefícios do caqui:

Como consumir o caqui e o que prestar atenção

De acordo com Mariana Ferrari, o caqui deve ser consumido preferencialmente in natura. Ele tem uma safra curta, sua época é de março a meados de junho. Além disso, na hora de escolher as frutas, verduras e legumes, fique de olho na sazonalidade desses alimentos, pois isso contribui para uma alimentação completa e variada.

“O seu consumo, como de todas as frutas, está ligado a hábitos de vida saudáveis, prevenção de doenças crônicas como obesidade, doenças cardiovasculares e manutenção do peso adequado”, aponta a nutricionista.

No entanto, ela esclarece que, pelo teor de açúcares, o caqui pode trazer aumento da glicemia. Assim, o consumo deve ser moderado, principalmente para diabéticos. Pensando nesse grupo, uma alternativa para incluí-lo na alimentação e ter os benefícios do caqui, é associá-lo a outras fontes de fibras, como castanhas, chia, linhaça, gergelim ou como sobremesa após uma refeição de poucos carboidratos e rica em fibras.

7 receitas com caqui para aproveitar a safra dessa fruta

Além do caqui in natura, separamos algumas receitas para você saborear e aproveitar muito a safra dessa fruta repleta de sabor. Confira:

1. Suco de caqui

Opção refrescante, que você faz rapidinho no liquidificador, adicionando quatro caquis, água e bastante gelo. A vantagem de ser uma fruta adocicada é que você nem precisa adicionar açúcar para deixar o suco delicioso!

Publicidade

2. Smoothie de caqui

Smoothie para fazer a qualquer hora do dia! Você vai precisar de três caquis maduros, uma maçã, 100 ml de leite de coco, ou água de coco, e uma xícara de gelo. Experimente!

3. Licor de caqui

Agora uma opção para momentos especiais, que é o licor de caqui feito diretamente da fruta. É muito fácil de fazer: adicione alguma bebida como cachaça, vodka, ou rum, e açúcar.

4. Geleia de caqui

Aprenda a fazer a geleia de caqui que, além de ter uma coloração linda, fica muito gostosa, e é perfeita para comer com uma torradinha ou para servir como recheio.

5. Pudim de caqui

Pudim de caqui de travessa, que é superfácil de fazer e não vai ao forno. Além disso, tem uma calda caramelizada brilhante e apetitosa.

6. Bolo de caqui

Um bolo com decoração rústica e sabor impressionante! Ótimo para acompanhar um chá, pois leva especiarias, como noz-moscada, cravo, canela e gengibre.

Publicidade

7. Doce de caqui fit

Docinho fit que fica com uma consistência de geleia e pedaços de caqui. É muito prático e uma alternativa quando bate aquela vontade de doce.

Lembre-se de que, apesar do caqui ser muito benéfico, você deve prezar pelos alimentos orgânicos, por serem livres de agrotóxicos. Para saber mais sobre, acompanhe a matéria que traz diversas dicas e instruções para quando você for escolher frutas, legumes e verduras para comprar.

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Assuntos: Alimentação