Novidade! Baixe nosso app em seu smartphone Android iPhone

Dicas de Mulher Dicas de Saúde

Conheça 8 remédios naturais para aliviar os efeitos da menopausa

Especialista indica chás e vitaminas que ajudam a acabar com as ondas de calor e outros sintomas que incomodam nesta fase

em 08/07/2013

Foto: Thinkstock

A menopausa é um processo natural no organismo feminino, mas pode ser uma fase muito difícil por conta de seus efeitos indesejados.

Ondas de calor, suores noturnos, irritabilidade, insônia e cansaço são apenas alguns dos sintomas sentidos pelas mulheres neste período, que costuma acontecer entre os 45 e 55 anos.

A boa notícia é que há muitos remédios naturais que ajudam a restaurar o equilíbrio hormonal e aliviar os efeitos indesejados da menopausa.

A especialista Michelle Schoffro Cook, nutricionista e doutora em medicina natural tradicional, elaborou uma lista com 8 remédios naturais que prometem afastar de vez esses sintomas. Confira!

1. Maca

Utilizada há milhares de anos por povos nativos do Peru, a maca é uma raiz benéfica a todo o sistema endócrino do organismo. Ela ajuda a equilibrar os hormônios, restaurar glândulas, e melhora a capacidade do corpo em lidar com o estresse de todos os tipos, incluindo alterações hormonais. A dosagem varia de produto para produto, portanto é melhor seguir as instruções da embalagem. A maca pode ser encontrada em pó e em cápsula, basta escolher a sua preferência.

2. Cohosh preto

Cohosh preto é uma erva utilizada há centenas de anos por nativos americanos para tratar desequilíbrios hormonais, como cólicas menstruais e sintomas da menopausa. Hoje, ervanários usam seu extrato para uma grande variedade de sintomas ligados a hormônios, e ela pode ser uma boa solução para as ondas de calor, irritabilidade, alterações de humor e insônia. É possível encontrá-la na forma de chá, extrato ou cápsulas.

3. Óleo Essencial de Sálvia

Devido às suas propriedades estrogênicas, o óleo essencial de sálvia pode ser um bom remédio para ajudar a equilibrar os hormônios e aliviar as ondas de calor da menopausa. O modo de uso mais eficaz é através da inalação, mas você também pode diluir o óleo da sálvia a um óleo de massagem, como o de amêndoas, e massagear o abdômen.

4. Aromaterapia

Se os remédios convencionais não estão surtindo o efeito esperado sobre os incômodos da menopausa, a especialista indica a aromaterapia. Misture a um frasco de 50ml de óleo de amêndoas 8 gotas de cada uma dessas essências: manjericão, louro, hortelã, sálvia e anis estrelado. Esfregue algumas gotas deste remédio no interior dos pulsos e dos braços sempre que sentir ondas de calor, ou até três vezes ao dia.

5. Vitamina C

Ondas de calor também podem ser sinal de que suas glândulas adrenais (glândulas que ficam acima dos rins e ajudam o corpo a lidar com todos os tipos de estresse) estão sobrecarregadas. Para dar uma força a elas, evite a cafeína e aposte na vitamina C. Essa vitamina é essencial na fabricação de hormônios da glândula adrenal – que utiliza mais vitamina C do que qualquer outro órgão do corpo. Lembre-se de que, antes de iniciar qualquer suplementação com vitaminas, é imprescindível consultar um médico. Ele vai indicar a dose certa para o seu caso.

6. Ginseng

O ginseng também estimula as glândulas supra-renais e pode contribuir para a melhora nos sintomas da menopausa. É possível encontrá-lo em lojas de produtos naturais de diferentes formas, como chá ou cápsulas.

7. Trevo vermelho

O trevo vermelho tem o poder de auxiliar no equilíbrio hormonal do corpo graças a substâncias estrogênicas naturais contidas nele, conhecidas como isoflavonas. Elas ajudam a aumentar os níveis de estrogênio no organismo e podem aliviar os efeitos da menopausa. A dose recomendada é de 2 a 3 xícaras do chá da erva por dia.

8. Isoflavonas

Além de encontradas no trevo vermelho, as isoflavonas podem ser obtidas bebendo de 1 a 2 xícaras de leite de soja orgânica por dia, ou tomando a sopa de missô de três a quatro vezes por semana.

Receba nossas melhores dicas diretamente em seu e-mail

Assine nossa newsletter para receber nossas novidades sobre os assuntos do momento.

Nós odiamos spam. Nunca usaremos seu e-mail para outros fins.

Comentários
Dicas relacionadas