Conheça os 10 benefícios do óleo essencial de cravo e seu modo de uso

Escrito por
Atualizado em 07.05.21

iStock

Por
Atualizado em 07.05.21

O óleo essencial de cravo possui diversas propriedades e pode ser usado como um tratamento complementar no cuidado com a saúde física, mental e emocional. Para entender melhor o seu funcionamento, conversamos com a aromaterapeuta Larissa Brito. Então, confira as dicas da profissional.

Publicidade

Óleo essencial de cravo: para que serve e objetivos de uso

Segundo Larissa, “o óleo essencial de cravo, possui propriedades afrodisíacas, antibióticas, analgésicas, anti-histamínicas, anti-inflamatórias, antibacterianas, antiespasmódicas, antifúngicas, antioxidantes, antissépticas, antitumorais, antivirais, carminativas, desinfectantes, energizantes, estimulantes, expectorantes, imunoestimulantes e regenerativas.” Assim como outros óleos essenciais, serve para auxiliar no tratamento de problemas de saúde física, mental e emocional.

10 benefícios do óleo essencial de cravo

iStock

Larissa explicou 10 dos benefícios do óleo essencial de cravo. Confira abaixo:

  • Melhora da saúde das unhas: “pode auxiliar na redução de micoses, contribuindo ainda para o fortalecimento das unhas”, comentou Larissa.
  • Deixa os cabelos mais bonitos: “para os cabelos, pode auxiliar na circulação sanguínea do couro cabeludo, auxiliando no crescimento do cabelo, além de diminuir a queda. Por ser antisséptico, promove maior limpeza e ajuda a deixar os cabelos mais brilhantes”.
  • Contribui para a saúde bucal: Larissa explicou que “por conter propriedades antissépticas, auxilia na prevenção de cáries e ajuda a promover a saúde bucal e no combate ao mau hálito”.
  • Combate aos radicais livres: “sendo um potente antioxidante, o óleo de cravo atua no nosso corpo auxiliando no combate aos radicais livres que nos envelhecem de forma não saudável e causam danos à saúde do nosso organismo”.
  • Apoio ao sistema imunológico: segundo Larissa, o óleo “contém propriedades antibióticas, anti-inflamatórias, antivirais e imunoestimulantes, nos ajudando a ter um corpo mais saudável”.
  • Combate ao desânimo: a aromaterapeuta deixou claro que as propriedades antioxidantes são responsáveis por este benefício, pois o desânimo pode ser resultado do excesso de radicais livres no organismo.
  • Poderoso afrodisíaco: o óleo essencial de cravo também pode ser usado para apimentar a relação. Conforme Larissa, “além do sentido mais comum de substâncias afrodisíacas para um momento íntimo de um casal, essa propriedade promove energia e disposição. Pode ser utilizado, diluído em um óleo vegetal de qualidade, para fazer uma massagem relaxante e aquecedora no seu parceiro(a)”.
  • Eleva a frequência vibracional: “contém uma frequência vibracional e pode ajudar a promover determinadas sensações e percepções em quem os utiliza, elevando assim também a nossa frequência vibracional”.
  • Melhora a autoestima: segundo a aromaterapeuta, “ajuda na busca por realizações pessoais e a afastar o vitimismo, o sentimento de abandono e de auto-traição. Ajuda na cura de feridas resultantes de traumas de abuso e abandono, elevando a autoestima”.
  • Apoio ao metabolismo: “o óleo de cravo dá apoio ao sistema digestivo, hepático, respiratório, circulatório, além de dar suporte ao bom funcionamento do fígado e atuar no metabolismo do nosso corpo”.

Quantos benefícios tem o óleo essencial de cravo, não é mesmo? Agora continue lendo a matéria para saber onde encontrar e como fazer o seu próprio oléo essencial.

Onde você pode comprar óleo essencial de cravo

Que tal comprar o óleo de cravo e incluí-lo em sua rotina? Veja onde encontrá-lo:

  1. Óleo Essencial de Cravo Natural, na Droga Raia.
  2. Óleo Essencial de Cravo Terra Flor, no Submarino.
  3. Óleo Essencial de Cravo Hérbia, no Carrefour.
  4. Óleo Essencial Clove DoTerra, na DoTERRA
  5. Óleo Essencial de Cravo Via Aroma, na Americanas.

Agora você já sabe onde pode encontrar o óleo essencial de cravo, vamos tirar mais algumas dúvidas sobre esse querinho com a aromaterapeuta.

Como usar e outras dúvidas comuns

iStock

Você tem dúvidas sobre o óleo essencial de cravo? Pois fique tranquila! A aromaterapeuta Larissa Brito respondeu algumas perguntas sobre o assunto.

Publicidade

1. Existem problemas ou contraindicações?

Larissa Brito (LB): “O óleo de cravo deve ser utilizado sempre diluído em óleo vegetal quando aplicado na pele e deve seguir diluição adequada para peles sensíveis como de crianças e idosos, muitas vezes utilizando uma fração de gota na aplicação. Se utilizado sem diluição correta pode causar irritação na pele e se utilizado em doses excessivas pode causar intoxicação. É contraindicado para gestantes. Pode ser utilizado durante o trabalho de parto ativo, porém, com bastante cautela e por um profissional que conheça o uso dos óleos. Isso, porque o óleo de cravo pode auxiliar no momento de dor final do parto, mas também contém propriedades anticoagulantes, o que pode não ser positivo em determinados partos”.

2. Como usar o óleo essencial de cravo?

LB: “A forma aromática é a mais difundida e vai atuar de um jeito bem interessante em questões emocionais. Isso porque nosso sistema olfativo está ligado diretamente ao sistema límbico que é responsável por nossas memórias e emoções. No caso do óleo de cravo, a inalação deste pode auxiliar nas questões emocionais e vibracionais. Pode ser difundido no ar ou através de um colar difusor, por exemplo. O uso tópico para esse óleo deve ser feito sempre com diluição em óleo vegetal, isso por ele conter substâncias que podem irritar a pele se utilizado em alta concentração. O óleo de cravo pode ser utilizado diluído em óleo vegetal em massagem relaxante e aquecedora, bem como para aliviar dores e inflamações”.

3. Pode ingerir o óleo de cravo?

LB: “A ingestão deste óleo essencial deve ser feita com o cuidado e a certeza de que você está utilizando um óleo 100% puro e com autorização das organizações nacionais responsáveis para o uso deste como flavorizante. O óleo de cravo dá um toque todo especial em receitas doces como mousse, shakes ou bolos. Pode ainda ser um ingrediente especial para molho de salada ou um risoto. Lembrando que para essas indicações você utilizará uma gota ou menos para uma receita inteira por conta da alta concentração do óleo essencial”.

4. Pode ser usado todos os dias?

LB: “Sim. No entanto, a frequência do uso dependerá da finalidade para a qual você estiver usando aquele óleo. Na aromaterapia, é possível afirmar que MENOS é sempre MAIS. Isso porque os óleos essenciais são compostos naturais altamente concentrados. Ou seja, em uma gota, ou menos, você já encontrará as propriedades de que precisa para alcançar seus objetivos. A melhor forma de uso para obter bons resultados a curto e longo prazo com os óleos essenciais é usar em poucas quantidades com frequência. O que não exclui, por exemplo, um uso pontual de um óleo essencial para uma questão imediata”.

Larissa ressaltou que “o aromaterapeuta não tem o intuito de diagnosticar qualquer tipo de doença, e os óleos essenciais não têm o objetivo de tratá-las ou curá-las. Eles serão um suporte ao funcionamento do seu organismo, auxiliando em seu bom funcionamento. Por isso é interessante que você seja acompanhado por um profissional da saúde que trabalha na mesma linha de cuidados que você deseja para seu corpo.”

Como fazer óleo essencial de cravo

Se você está pensando em fazer seu próprio óleo essencial de cravo, não deixe de conferir os vídeos abaixo:

Publicidade

Como fazer óleo de cravo-da-índia com óleo de coco

Feito no vapor com apenas dois ingredientes, essa receitinha é supersimples! Lembre-se de armazenar seu óleo em local escuro por 7 dias para liberar todas as suas propriedades. Veja o vídeo para mais informações.

Como fazer óleo essencial de cravo com óleo de soja

Apesar de não precisar aquecer, essa receita leva mais tempo para ficar pronto. Depois de misturar o óleo de soja e os cravos-da-índia será necessário guardar o recipiente em local escuro por 15 a 30 dias.

Como fazer óleo essencial de cravo para os cabelos

Assista ao vídeo para aprender como fazer essa receitinha e veja como passar nos cabelos. Anote todas as informações.

O que achou do óleo essencial de cravo? Imaginava que ele tivesse tantos benefícios e pudesse ser feito em casa? Aproveite e venha ler também nossa matéria sobre o óleo de melaleuca.

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.

Assuntos: Bem-Estar, Cosméticos