Tipos de macarrão: o que você precisa saber para fazer a massa perfeita

Escrito por
Em 23.07.19

iStock

Quem é que não gosta de reunir a família ao redor da mesa com uma saborosa e suculenta macarronada? O prato é tradicional nos almoços e querido no mundo todo. Mas, para deixar todo mundo com ainda mais água na boca, existem alguns segredinhos.

Continua após o anúncio

No mercado há diversos tipos de macarrão e, se você combinar com o molho certo, ele vai ficar ainda mais irresistível! Descubra aqui os vários tipos de massa e qual o molho para fazer a combinação perfeita.

Variedades de macarrão

Nas prateleiras do supermercado você vai encontrar uma variedade enorme de massas de macarrão. Com ovos, sêmola, integral, grano duro… mas você sabe qual a diferença entre cada umas delas? Todas elas são massas secas, ou seja, passam por um processo de secagem para serem comercializadas. É esse processamento que as difere da massa fresca, que é feita com os mesmos ingredientes, porém, sem passar pelo processo industrial. Conheça aqui os tipos de massa seca disponíveis e saiba escolher o seu!

Massa comum

É a receita mais simples, feita de trigo, água e sal, e é a mais barata dos supermercados.

Massa com ovos

Além dos mesmos ingredientes do macarrão comum, esta leva ovo durante o preparo, o que confere um aspecto mais amarelado à massa. Além de ser mais nutritiva devido à presença do ovo, ela não gruda e faz com que o macarrão não quebre com facilidade.

Leia também: 13 receitas de bife à parmegiana com cara de prato de restaurante

Massa com trigo grano duro

Essa massa é preparada com farinha de trigo grano durum, o que faz com que a massa fique mais soltinha. A utilização deste trigo mais específico torna o produto mais caro que o macarrão comum, mas também mais saboroso e nutritivo, sendo ideal para os paladares exigentes.

Continua após o anúncio

Massa integral

Preparada com farinha integral e rica em fibras, é a massa mais procurada por adeptos de uma alimentação saudável e por pessoas com restrições alimentares. Mesmo assim, o macarrão pode ser usado em qualquer tipo de receita, assim como a massa comum.

Massa de sêmola

Essa é uma massa preparada com um trigo nobre chamado semolina, denominado tipo 1. Tem coloração mais clara e consistência macia. Tem o valor um pouco mais elevado que a massa comum.

Massa caseira

Você pode juntar a família no domingo e fazer o seu próprio macarrão! Assim, você vai ter uma massa fresquinha que com certeza vai agradar a todos. A vantagem desse tipo de massa é que ela absorve melhor o molho e fica muito mais saborosa!

Escolha a massa ideal e reúna a família ao redor da mesa para saborear esse prato tão amado por todos!

Leia também: 29 receitas de carbonara para os apaixonados por massas

Tipos de massas de macarrão

Escolhida a massa, agora é hora de escolher o formato do macarrão. As massas estão divididas em curtas, longas ou para sopa e cada uma delas vai bem com um tipo específico de molho. Conheça alguns dos formatos existentes no mercado e qual o melhor molho para ornar com o prato.

Massas curtas

São consideradas massas curtas aquelas que possuem menos de 10 centímetros de comprimento. Conheça os tipos no infográfico e como servir os principais:

Continua após o anúncio

  • Farfalle ou gravata: esse é aquele macarrão que tem o formato de gravatinha – ou borboleta – que você já deve ter visto no supermercado. A massa pode ser usada no preparo de pratos quentes ou frios, como em saladas de macarrão – uma ótima pedida para o verão – em sopas e com molhos enriquecidos com diversos ingredientes.
  • Fusilli ou parafuso: o macarrão parafuso é um dos tipos mais conhecidos entre as massas curtas. Seu formato faz com que o molho tenha melhor aderência e vai muito bem quando servido com molhos mais consistentes, como o à bolonhesa, quanto com molhos mais leves, como o sugo.
  • Penne:o penne é outro tipo de macarrão bem conhecido e que não decepciona. A massa fica deliciosa com molhos mais simples, como o sugo, bechamel e até mesmo ao alho e óleo.
  • Rigatoni: o rigatoni é um macarrão em formato de tubo – a diferença entre ele e o penne, além do comprimento, é a extremidade cortada em formato reto. Por ser bem aberto, ele é muito bom para ser recheado e vai bem com molhos cremosos e encorpados, como os à base de queijo.

As massas curtas podem ser utilizadas em pratos quentes ou frios e combinam com molhos mais cremosos e encorpados e até molhos com pedaços, como o ragu. Dá água na boca só de imaginar!

Massas longas

Saiba quais os tipos de massa longa que existem e quais molhos utilizar com as mais populares:

Leia também: 31 receitas de uma panela só para quem odeia lavar louça

  • Espaguete: essa é a mais popular das massas e dispensa apresentações. Ele pode ser encontrado nos tamanhos 8 e 9, que diferencia a espessura dos fios. Vai bem com quase todos os tipos de molhos e fica uma delícia com molho pesto, carbonara, bolonhesa, ao sugo ou com frutos do mar. Outra opção deliciosa com essa massa é fazer ao alho e óleo. Experimente!
  • Linguine: o linguine é um primo do macarrão espaguete, mas se difere por seu formato fino e achatado. Ele combina com molhos mais líquidos e encorpados, porém não tão cremosos, como o pesto, ao sugo, bolonhesa e preparações à base de frutos do mar.
  • Talharim e fettuccine: o talharim e o fettuccine são duas massas facilmente confundidas. Na hora de comprar, repare no tamanho de cada uma: enquanto o talharim tem fios de até um centímetro, o fettuccine tem tiras um pouco mais largas.

    As duas são massas versáteis e combinam tanto com molhos mais simples quanto com os mais elaborados. Experimente prepará-los com receitas que levam carne, como o ragu, molho ao sugo, molho branco, Alfredo ou carbonara.

  • Cabelo de anjo: o capellini, mais conhecido como cabelo de anjo, é uma massa longa mais usada para o preparo de sopas. Mas, o fio, por sua aparência fina e delicada, também é utilizado na decoração de doces.
  • As massas longas vão muito bem com molhos de textura mais fluída por envolverem melhor a massa e virem junto quando você gira o garfo no prato, como manda a tradição italiana.

    Macarrão para sopa

    Um macarrão bem escolhido pode deixar a sopa mais aconchegante. Veja os tipos e as características dos dois mais queridinhos:

    • Macarrão de letrinha: para as crianças que dão trabalho para comer, que tal transformar a hora da refeição em um momento de brincadeira e aprendizado? O macarrão de letrinha é perfeito para o preparo de sopas e faz sucesso entre os pequenos!
    • Conchinha: o macarrão de conchinha faz parte das massas curtas e como o próprio nome diz tem o formato de pequenas conchas. Sua abertura no centro o torna ideal para ser consumido com molhos cremosos e com sopas.

    Não tem erro na hora de escolher o macarrão para sopa, pois eles são aqueles bem menores que os demais. Outros formatos são o de argolinha, estrelinha e o fideli.

    Continua após o anúncio

    Agora que você já conhece os diferentes tipos de macarrão e a combinação ideal para cada um deles, confira aqui 122 receitas de molhos caseiros para turbinar os seus pratos e deixar as refeições mais deliciosas! Mão na massa e bom apetite!

    Assuntos: Alimentação

    Para você