24 receitas de suco verde para adicionar ao seu cardápio

Esse tipo de bebida é indicado para todo mundo, especialmente para quem busca uma reeducação alimentar e melhorar a saúde em geral

Escrito por Tais Romanelli
Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Cada vez mais as pessoas têm se preocupado em seguir hábitos mais saudáveis. E quando o assunto é alimentação, vira e mexe surge uma novidade: é um alimento que faz bem para saúde de forma geral; um chá que ajuda a emagrecer; um ingrediente que deve ser incluído no preparo dos pratos etc.

Tudo isso acaba deixando algumas pessoas na dúvida. Afinal, o que funciona mesmo? O que deve ser incluído no cardápio?

É fato que existem inúmeros alimentos poderosos, é consenso que saúde e boa alimentação caminham juntas. Porém, às vezes, alguns alimentos/ingredientes/bebidas apontados como “milagrosos” – especialmente quando o objetivo é perda de peso – ganham uma fama “exagerada”.

Mas, um tipo de bebida que já faz sucesso há um bom tempo e que, de fato, merece todo destaque é o chamado suco verde. E se você tinha dúvidas sobre isso, vai adorar saber um pouco mais sobre ele e, principalmente, conferir deliciosas receitas para fazer em casa!

Afinal, o que é o suco verde?

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

“O suco verde não é apenas uma moda e nem parte de um tratamento milagroso, ele é uma preparação com propriedades específicas, envolvendo os conceitos da nutrigenômica – que têm como finalidade promover a renovação do funcionamento fisiológico do aparelho digestivo, aumentando a vitalidade e a energia, melhorando a circulação, reforçando as defesas do organismo e retardando o processo de envelhecimento”, destaca Karyna Pugliese, nutricionista da equipe Noiva em Forma.

Leia também: Gelo saborizado deixa as bebidas mais bonitas e gostosas

“Fontes de fibras, vitaminas, minerais, ricos em clorofila, ácidos fenólicos, glicosídeos e flavonóides, os sucos verdes agem como potentes catalisadores da eliminação de toxinas e possuem o objetivo de fornecer ao organismo muitos nutrientes, ativando o metabolismo e auxiliando os órgãos como um todo”, explica a nutricionista Karyna.

Thaianna Velasco, nutricionista funcional da Clínica Helena Costa, no Rio de Janeiro, ressalta que os sucos verdes são aqueles que misturam folhas verde-escuras com frutas e outros alimentos considerados funcionais. “Como esse tipo de suco concentra alimentos de alto valor nutricional, esses alimentos, juntos, formam uma bebida riquíssima em vitaminas, minerais e antioxidantes, capaz de trazer inúmeros benefícios à saúde”, diz.

24 sugestões de suco verde

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Com certeza vale a pena incluir o suco verde na sua dieta e abaixo você confere boas receitas e dicas para isso!

1. Suco verde de couve com limão: ½ limão + 1 folha de couve + 200 ml de água. Coloque o suco do limão juntamente com a folha de couve no liquidificador e vá acrescentando água ao poucos. Quando o suco estiver numa textura e cor uniforme, estará pronto.

2. Suco verde tradicional: 2 laranjas + 3 folhas de couve + 1 pedacinho de gengibre + 1 litro de água. Descasque as laranjas, corte-as em pedaços, tirando as sementes; coloque no liquidificador junto com as folhas de couve bem lavadas e com talo. Acrescente o gengibre e a água. Bata tudo. Coe só se necessário.

Leia também: 10 sucos com poderes medicinais

3. Suco de couve com maçã: 2 maçãs + 2 folhas de couve + ½ limão + 200 ml de água. Corte as maçãs ao meio e retire suas sementes, colocando no liquidificador com os demais ingredientes. Coe só se necessário.

4. Suco verde de abacaxi e pepino: 1 fatia média de abacaxi + 1 folha grande de couve + 1 pedaço pequeno de pepino + 1 fatia fina de gengibre + 200 ml de água de coco (ou água). Coloque todos os itens no liquidificador e depois bata bem para não precisar coar.

5. Suco de maçã verde e couve: 1 maçã verde + 1 folha de couve grande + 1 pedaço pequeno de erva doce fresca + 200 ml de água de coco (ou água). Coloque todos os itens no liquidificador e depois bata bem para não precisar coar.

6. Suco verde diurético (receita da Dra. Karyna Pugliese): 1 folha grande de brócolis + 1/2 limão inteiro (polpa e casca) + 1/2 pepino japonês com casca, cortado em pedaços + 1 talo de salsão + 1 fatia grande de melão + 1 punhado de salsa + 200 ml de água de coco. Bata todos os ingredientes no liquidificador. Beba sem coar.

7. Suco verde energizante (receita da Dra. Karyna Pugliese): 1 punhado de agrião + 1 cenoura pequena cortada em pedaços + 1 pedaço (2 cm) de gengibre + 1 colher (chá) de maca peruana + suco de 1 limão + 200 ml de suco de laranja. Bata todos os ingredientes no liquidificador. Beba sem coar.

Leia também: O poder do suco rosa

8. Suco verde desintoxicante (receita da Dra. Karyna Pugliese): 1 folha de couve + 1 maçã média com casca e sem semente, cortada em pedaços + 1 talo de erva doce + 1 punhado de salsinha e hortelã + suco de 1/2 limão + 200 ml de água. Bata todos os ingredientes no liquidificador. Beba sem coar.

9. Suco verde anti-inflamatório (receita da Dra. Karyna Pugliese): 1 xícara de chá de mix de folhas verde-escuras (exceto espinafre cru, pois é rico em oxalato) + 1 xícara (café) de Aloe Vera + 1 maçã com casca + 1 colher (sopa) de semente de linhaça dourada + 1 punhado de hortelã + 1 punhado de alecrim. Bata todos os ingredientes no liquidificador. Beba sem coar.

10. Suco verde de caju: 1 polpa congelada de caju + 1 folha grande de couve + 1 pequeno punhado de salsão + 1 fatia fina de gengibre + 200 ml de água de coco (ou água). Bata bem todos os ingredientes no liquidificador e tente beber sem coar.

11. Suco verde de pera com salsinha (receita da Dra. Carla Cotta): Primeiramente prepare cubos de salsinha (bata 1 molho de salsinha com 500 ml ou mais de água alcalina ou água de coco natural no liquidificador até ficar uma água bem verdinha. Leve sem coar para preencher a forma de gelo e congele por no máximo uma semana). Para o suco use 2 a 3 pedras de cubos de salsinha + 1 pera com casca e sem caroços + 6 folhas de hortelã + 1 lasca de gengibre fresco ou cúrcuma fresca sem casca + 200 ml de água filtrada e alcalina ou água de coco natural. Bata no liquidificador todos os ingredientes até que todos incorporem e tome em seguida.

12. Suco verde com pêssego: 1 polpa congelada de pêssego + 1 folha grande de couve + 1 colher (chá) de salsinha + 1 fatia fina de gengibre + 200 ml de água de coco (ou água). Bata bem todos os ingredientes no liquidificador e tente beber sem coar.

Leia também: Suco de couve: por que acrescentá-lo à sua dieta?

13. Suco verde com acerola: 1 polpa congelada de acerola + 1 folha grande de couve + 1 pedaço pequeno de erva doce fresca + 1 fatia fina de gengibre + 200 ml de água de coco (ou água). Bata bem todos os ingredientes no liquidificador e tente beber sem coar.

14. Suco verde com maracujá e clorofila (receita da Dr. Thaianna Velasco): ½ maracujá + 100ml de água de coco + 1 maçã + clorofila congelada. Bata no liquidificador.

15. Suco verde com melancia e morango (receita da Dr. Thaianna Velasco): 2 ramos de hortelã + 1 fatia de melancia + 4 morangos + 1 pedaço de gengibre (pequeno) + 1 pitada de canela. Bata no liquidificador ou na centrífuga.

16. Suco verde com espinafre e blueberry (receita da Dr. Thaianna Velasco): Cubos (de gelo) de couve e espinafre + 150 ml de água de coco + blueberry + 1 colher de chia. Bata no liquidificador.

17. Suco verde com limão siciliano (receita da Dr. Thaianna Velasco): 2 folhas de couve + 1 maçã + 1 limão siciliano + 1 pedaço pequeno de raiz gengibre. Centrifugar. Acrescentar ao copo depois de pronto uma colher de sopa de linhaça ou farinha de banana verde.

18. Suco verde com kiwi: 1 kiwi + 1 folha grande couve + 1 pedaço pequeno de pepino + 3 folhinhas de hortelã fresca + 200 ml de água de coco (ou água). Bata bem todos os ingredientes no liquidificador e tente beber sem coar.

19. Suco verde com brócolis: suco de 1 limão + 2/3 xícara (chá) de brócolis + 3 folhinhas de hortelã fresca + 200 ml de água de coco (ou água). Bata bem todos os ingredientes no liquidificador e tente beber sem coar.

20. Suco verde com maracujá: 1 maracujá + 1 folha grande de couve + 1 pedaço pequeno de pepino + 1 fatia fina de gengibre + 200 ml de água de coco (ou água). Faça primeiro um suco com a água de coco (ou água) e o maracujá, depois bata com os demais ingredientes e tente beber sem coar.

21. Suco verde com melão: 1 fatia média de melão + 2/3 xícara (chá) de agrião + 1 pedaço pequeno de erva doce fresca + 1 fatia fina de gengibre + 200 ml de água de coco (ou água). Bata bem todos os ingredientes no liquidificador e tente beber sem coar.

22. Suco de maçã com pepino: 1 maçã + 1 folha de couve + 1/2 pepino japonês + 1 fatia fina de gengibre + 1 colher (chá) de chia + 400 ml de água de coco. Bata bem todos os ingredientes no liquidificador e tente beber sem coar.

23. Suco verde desintoxicante com melancia: 2 fatias grossas de melancia + 1 maço pequeno de salsinha + 2 maçãs + 2 talos de salsão com as folhas + 3 talos de erva doce + 1 cenoura + 2 laranjas + 2 folhas de couve +1 pepino inteiro. Bata bem todos os ingredientes no liquidificador. Coe só se necessário.

24. Suco verde com frutas vermelhas: 1 folha de couve + 1 xícara e meia de frutas vermelhas (morango, framboesa, amora) + 150 ml de suco de laranja + 1 punhado de folhas de hortelã. Bata bem todos os ingredientes no liquidificador. Beba sem coar.

Vale destacar que essas são apenas algumas das muitas receitas de suco verde que você pode fazer! Escolhendo bons ingredientes é possível criar sucos deliciosos e supersaudáveis!

Benefícios do suco verde

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Carla Cotta, nutricionista funcional da Clínica Essendi no Rio de Janeiro, explica que as vitaminas e minerais presentes na combinação de frutas e vegetais verde-escuros proporcionam saciedade e vitalidade. “O benefício está relacionado ao potencial alcalino dos vegetais verde-escuros e às vitaminas e minerais como magnésio e cálcio, presentes nas frutas e vegetais, com excelente ‘biodisponibilidade’ para nutrição celular”, diz.

Karyna destaca como principais benefícios do suco verde:

  • É detoxificante;
  • É antioxidante;
  • É anti-inflamatório;
  • É termogênico;
  • Fortalece o sistema imunológico;
  • Auxilia no tratamento da anemia;
  • Auxilia o sistema cardiovascular;
  • Auxilia o processo de emagrecimento;
  • Promove funcionamento intestinal;
  • É rejuvenescedor;
  • É hidratante;
  • É energético e tonificante;
  • Previne doenças.

O que não pode faltar na receita?

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Thaianna destaca que o suco verde precisa conter folhas verde-escuras como, por exemplo, couve, salsa, espinafre, clorofila, hortelã.

Karyna fala abaixo sobre “superalimentos” que fazem toda a diferença no suco verde:

Folhas Verdes: possuem magnésio, mineral, têm participação na contração e relaxamento muscular, funcionamento de certas enzimas do organismo, produção e transporte de energia e produção de proteínas e auxiliam no aumento do hormônio adiponectina responsável pela saciedade. “Possuem ferro não heme, que faz transporte de oxigênio e regulação do crescimento e diferenciação celular. Nitrato que ativam a contratabilidade gástrica e relaxamento muscular, possui ação antioxidante, auxilia na fluidificação do sangue e agregação plaqueta ria, auxilia na purificação e função do fígado”, acrescenta a nutricionista Karyna.

Gengibre: Raiz usada na culinária e na medicina, é reconhecida por ser um alimento termogênico, capaz de acelerar o metabolismo e favorecer a queima de gordura corporal. “Possui ação bactericida, desintoxicante, melhorando o desempenho do sistema digestivo, respiratório e circulatório. O gengibre também ameniza náuseas. Age diretamente no fígado auxiliando na limpeza e metabolização dos nutrientes”, acrescenta Karyna.

Maçã: Fruta rica em pectina que auxilia na saciedade, gelificação intragástrica e equilibra colesterol. “Possui ainda inulina, um potente parabiótico (alimento para as boas bactérias do intestino)”, diz a nutricionista Karyna.

Limão: Excelente fonte de vitamina C, auxilia a manter o pH gástrico evitando a acidez metabólica, “além de ter uma ação antioxidante potente, que fortalece o sistema imunológico, retarda o envelhecimento precoce, bloqueia radicais livres, oferecendo assim proteção contra o câncer e demais doenças”, explica Karyna.

Suco verde: coar ou não coar?

A nutricionista Thaianna explica que, para se aproveitar todos os benefícios do suco verde e ainda diminuir o índice glicêmico, o ideal é que ele não seja coado. ”Porém, pessoas com o intestino com tendência a ser solto podem diminuir a quantidade de fibras coando o suco”, diz.

Uma dica importante é sempre bater bem os ingredientes no liquidificador para não ter a necessidade de coar o suco.

Como consumir o suco verde?

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Karyna explica que um copo de 300 ml de suco verde é uma quantidade satisfatória para ser consumida por dia. “O consumo deve ocorrer até 10 minutos após o preparo e, preferencialmente, em jejum. Dessa forma, possui menor chance de oxidar e estimula a decodificação do fígado, eliminando as toxinas e excessos acumulados, ajudando a acelerar o metabolismo e preparando o organismo para receber os nutrientes do dia. Depois é recomendado aguardar entre 15 a 30 minutos para a próxima refeição”, diz.

Thaianna destaca que em jejum e pela manhã é o melhor horário para se tomar o suco verde. Mas isso não quer dizer que ele não possa ser tomado em outro horário. “Em jejum, os benefícios são apenas potencializados”, diz.

A nutricionista Thaianna destaca que não se deve tomar o suco verde junto com as principais refeições. “Isso porque, durante a alimentação, precisamos de acidez para uma boa digestão e o suco verde é altamente alcalino, alterando a acidez necessária para esse momento”, explica.

Para quem é indicado o suco verde?

Thaianna explica que o suco verde é indicado para todas as pessoas, principalmente para quem busca uma reeducação alimentar e melhorar a saúde intestinal e a saúde em geral.

A nutricionista Carla ressalta que esse tipo de suco é indicado para saúde óssea, vitalidade, em alguns casos de anemia e no processo de destoxificação – já que a couve e outros vegetais verde-escuros favorecem a eliminação de toxinas no fígado principalmente.

Dicas para facilitar o preparo e consumo do suco verde

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Com a correria do dia a dia muita gente comenta que não tem tempo para preparar seu suco verde. Porém, algumas dicas podem ajudar neste sentido. Confira:

1. Faça o suco verde congelado

Karyna destaca que o suco verde congelado é um facilitador para quem deseja consumi-lo, mas não tem tempo de prepará-lo diariamente. “O ideal seria prepará-lo a cada três dias”, diz. Anote a receita:

  • 1 maço de folhas de couve manteiga
  • 3 maçãs
  • 1 abacaxi inteiro (sem casca)
  • 1 gengibre inteiro pequeno (sem casca)
  • 3 talos de salsão ou erva doce
  • 1 maço de salsas
  • 1 maço de hortelãs
  • Água mineral o quanto baste.

Modo de preparo: bata tudo no liquidificador até formar uma pasta grossa, coloque em forminhas de gelo ou direto em garrafas de 200 ml e congele rapidamente para não oxidar. Retire na noite anterior mantendo em geladeira. No dia seguinte adicione 150 ml de água ou água de coco.

2. Faça gelos de couve

Quando você compra um maço de couves, geralmente não o usa por inteiro. Uma dica ótima para conservar as folhas e também para facilitar o preparo dos seus sucos é transformá-las em gelo.

Coloque as folhas no liquidificador com uma quantidade pequena de água (somente para conseguir bater). Transfira o conteúdo para a bandeja de gelo. Depois, é só usar as pedrinhas de gelo de couve para fazer seu suco verde.

3. Corte os alimentos na noite anterior

Para agilizar o preparo do suco, você pode deixar frutas e legumes já higienizados e cortados em cubinhos na geladeira na noite anterior.

Mas, o ideal, de acordo com a nutricionista Carla, para que se evite perda de vitaminas, como a vitamina C que é muito sensível, é que o preparo seja feito na hora do consumo, evitando também a oxidação de nutrientes. “Os métodos que preservam mais os nutrientes são os que usam prensagem a frio. Dica: usar água alcalina, preferencialmente, para preparar os cubinhos de couve ou vegetais verde-escuros e deixar congelado por no máximo uma semana”, finaliza.

Por fim, uma dica preciosa é sempre variar a receita! Experimente várias combinações de suco verde até mesmo para não enjoar e conseguir manter uma rotina de tomá-lo. Troque as frutas, acrescente água de coco em uma ou outra receita, experimente acrescentar especiarias… Tudo é válido!

Assuntos: Emagrecer

Dicas pela Web
Comentários