Dicas para cuidar da barriga pós-parto sem prejudicar a autoestima

Escrito por
Em 09.08.21

iStock

Por                                
Em 09.08.21

A barriga pós-parto é um assunto que pode preocupar algumas grávidas, já que as mudanças físicas também mexem muito com a autoestima da mulher. Além disso, o emocional também fica abalado e lidar com a flacidez da barriga e um corpo diferente do normal pode prejudicar a qualidade de vida. Veja a seguir o que a dermatologista Aline Somacal (CRM 25661 / RQE 18026) e a ginecologista Karina Tafner (CRM-SP 118066) explicaram sobre o assunto.

Publicidade

Principais dúvidas sobre barriga pós-parto respondidas

iStock

Confira abaixo as dúvidas mais frequentes sobre a barriga pós-parto esclarecidas pelas profissionais:

1. Por que a barriga fica preta após o parto?

Aline Somacal (AS): “esse escurecimento da pele surge durante a gravidez, é um achado normal e costuma diminuir gradualmente após o parto”. Isso é resultado dos hormônios da gravidez e na maioria das gestantes ocorre o escurecimento de algumas regiões da pele como nas mamas, axilas, região genital e principalmente na linha nigra do abdome (uma linha vertical que cruza todo o abdome, passando pelo umbigo).

2. Como fica o útero depois do parto?

Karina Tafner (KT): o útero é um órgão muscular que começa a diminuir o seu tamanho logo após a saída do bebê. Segundo a ginecologista, “a contração do útero se deve a uma redução no tamanho das células musculares uterinas e contração dos vasos sanguíneos”.

3. Quanto tempo demora para a barriga voltar ao normal depois do parto?

AS: “após mais ou menos 6 semanas, a barriga costuma voltar ao normal”. Entretanto, vale lembrar que esse tempo varia para cada mulher! Além disso, algumas alterações podem persistir como a flacidez da pele, a gordura localizada, a diástase do músculo reto abdominal e as estrias.

Publicidade

4. Quanto tempo leva para a barriga desinchar após a cesárea?

KT: a ginecologia explicou que a barriga após a cesárea também costuma voltar ao normal após mais ou menos 6 semanas, pois todas as células do corpo que se “incharam” durante a gravidez começam a liberar o fluido extra, que é eliminado pela urina, secreções vaginais e suor.

Se informar e conhecer o próprio corpo é a melhor maneira de cuidar da barriga pós-parto. Fique de olho, mas não fique se comparando com outras experiências!

O que fazer para a barriga voltar ao normal após o parto

Alguns hábitos podem facilitar o processo para a barriga voltar ao normal. A seguir, confira as dicas que vão te ajudar a cuidar do seu corpo:

Pratique atividades físicas

iStock

A prática de exercícios físicos com orientação de um profissional durante a gestação e após o parto podem ajudar o abdome a recuperar o trofismo da musculatura, além de melhor a flacidez da pele. Mas nada de fazer dietas radicais que podem privar seu corpo e o bebê de calorias e nutrientes essenciais, principalmente se você estiver amamentando. A Dra. Karina afirmou que “mães que amamentam exclusivamente por mais de 3 meses tendem a perder mais peso do que aquelas que não amamentam”.

Respeite o tempo do seu corpo

Segundo Aline, “o escurecimento da pele da linha nigra do abdome é normal, fisiológico e tende a regredir ao longo das semanas após o parto”. Então, dê tempo ao tempo! Se não houver regressão, consulte uma dermatologista para auxiliar no tratamento com o uso de cremes clareadores ou procedimentos como peelings e lasers.

O uso de cintas modeladoras

iStock

Segundo a ginecologista Karina, as cintas podem ser úteis para ajudar na sustentação do abdome nos primeiros dias pós-parto, mas elas não auxiliam na redução da barriga como muitos acreditam. Utilizar uma faixa abdominal ou cinta após o parto é muito comum, mas use apenas se estiver confortável, não é nada obrigatório.

Cuide da hidratação da pele

A dermatologista Aline contou que a velha e clássica dica de usar óleo de amêndoas não tem benefício comprovado cientificamente e não costuma ser indicado pelos profissionais. Além disso, ela recomendou o uso de um bom creme hidratante na pele, pois ele já é o suficiente!

Publicidade

Consuma boas quantidades de água

iStock

Lembre-se de beber muita água, porque isso pode ajudar a eliminar a retenção de líquidos. Além disso, para as mamães que estão amamentando, essa dica é ainda mais importante. Se cuide!

Busque um profissional

Durante toda a gravidez, o acompanhamento profissional é muito importante e durante o puerpério não é diferente! Para um tratamento individual, tire todas as dúvidas com sua ginecologista e busque uma dermatologista para investir nos cuidados com a pele. A informação será sua melhor amiga nesse momento!

Seguindo as orientações profissionais não têm erro, sua barriga voltará ao normal de forma saudável e natural!

Diástase abdominal

Segundo a ginecologista Karina “a diástase do músculo reto abdominal é uma condição em que esses músculos são afastados e separados por uma distância anormal entre eles, causando uma protuberância do conteúdo abdominal.” A diástase pode ser congênita, mas é mais comumente adquirida durante a gravidez e quando há ganho de peso excessivo.

A ginecologista contou que os sintomas incluem dor e desconforto abdominal, problemas musculoesqueléticos e uroginecológicos, além de imagem corporal negativa e comprometimento da qualidade de vida. Se for uma diástase sintomática o tratamento consiste em fisioterapia, mas em casos mais casos a cirurgia pode ser considerada.

Os melhores cremes para flacidez para te ajudar nos cuidados com a pele

Acompanhe abaixo algumas sugestões de produtos que podem ser úteis para a manutenção da sua barriga:

  • Creme Firmador Nivea – $: produto acessível que possui ação firmadora e é muito hidratante. Além disso, é ideal para peles secas;
  • Creme Antiestrias Hidramais – $$: esse creme estimula a biossíntese de colágeno na derme e tem efeito firmador. Ele possui um ótimo custo-benefício e é ideal para quem quer prevenir e amenizar as estrias;
  • Creme para massagem Hidramais – $$: possui efeito firmador e hidratante que auxilia na produção natural de colágeno da pele. Também tem um preço acessível, ótimo para quem não quer gastar muito;
  • Creme Firmador Corporal Be Belle – $$$: com uma faixa de preço intermediária, o produto promove firmeza, hidratação, tonificação e enrijecimento da pele. Além disso, a marca promete que os resultados aparecem logos nas primeiras aplicações;
  • Creme firmador corporal Clarins Lift Fermete – $$$$: é indicado para todos os tipos de pele e melhora o tônus hidratando muito bem a derme. Apesar do custo mais elevado, a longo prazo o produto pode ter um ótimo custo-benefício;

Mamãe, respeite sua individualidade e cuide do seu corpo com carinho. E lembre-se: a barriga pós-parto perfeita é a que carregou por muitos meses o seu bebê, independente de como ela for! Aproveite e leia sobre a calcinha pós-parto para uma fase mais tranquila!

Assuntos: Gravidez