4 dúvidas sobre o cisto de Gartner e como tratá-lo

Escrito por
Em 30.04.22

Envato

O cisto de Gartner é pouco comum, mas pode aparecer na vagina e causar dor e desconforto para a mulher. Para falar sobre o assunto, a ginecologista e obstetra Dra Ana Paula Mondragon (CRM 134071-SP), da clínica Premium Life, explicou o que é, como tratar e respondeu as principais dúvidas sobre o tópico. Confira!

Publicidade

O que é o cisto de Gartner?

Segundo a ginecologista, o cisto de Gartner é um cisto vaginal que ocorre devido a uma má formação durante a vida fetal. “Durante a gestação, há um canal chamado ducto de Wolff, responsável pela formação do sistema reprodutor e urinário e que deve desaparecer até o nascimento”.

Entretanto, “em alguns casos, este canal persiste e pode criar um acúmulo de líquido, gerando o cisto de Gartner.” A profissional explicou que o cisto “se localiza na região anterior ou lateral da vagina. Apesar disso, não é grave, mas pode ser incômodo e até doloroso”, completou.

3 sintomas mais comuns do cisto de Gartner

cisto de gartner

Twenty20

O cisto de Gartner pode apresentar alguns sintomas desconfortáveis para a mulher. Sendo assim, confira os principais sintomas citados pela médica:

  • Caroço em região genital;
  • Desconforto e dor durante a relação sexual;
  • Dor abdominal.

Se apresentar os sintomas mencionados acima, é importante consultar um ginecologista para avaliar o quadro. A seguir, veja como funciona o tratamento.

Como tratar o cisto de Gartner

De acordo com a Dra. Ana Paula, o tratamento consiste na “aspiração do conteúdo do cisto para melhorar os sintomas. Mas, quando associado à infecção, é indicado o uso de antibióticos. Contudo, o tratamento curativo baseia-se na cirurgia para extrair o cisto”.

Dúvidas sobre o cisto de Gartner respondidas pela ginecologista

cisto de gartner

Canva

Como o cisto de Gartner é diagnosticado?

Publicidade

Ana Paula Mondragon (ANM): o diagnóstico baseia-se no exame clínico com a observação de uma lesão cística que provém da parede vaginal. Porém, o diagnóstico definitivo ocorre a partir do exame histológico.

Qual a média de tamanho que o cisto pode chegar?

ANM: o tamanho do cisto é variável, mas a maioria oscila entre 2-4 cm.

Pode estourar? Se sim, o que acontece?

ANM: o cisto de Gartner não vai estourar, pois, é um tumor, então ele pode drenar sozinho e, se isso acontecer, o líquido sairá e o local irá desinflamar. Agora, caso seja necessário realizar drenagem devido ao incômodo sentido pela paciente, é inserida uma agulha para drenar o líquido. Mas o ideal é realizar a cirurgia e retirar todo o cisto.

O cisto de Gartner pode ter algum efeito na criança?

ANM: como o cisto de Gartner tem origem na má formação da região genital, pode ser observado na infância, onde se nota uma tumoração na região vulvar – que pode causar incomodo. Então, é necessário levar a criança a um especialista para acompanhamento e possível tratamento.

É sempre importante frisar que se a mulher apresentar sintomas ou observar qualquer anormalidade na região íntima, ela deve consultar um ginecologista. Dessa forma, esse profissional pode avaliar e indicar o melhor tratamento. Aproveite e saiba mais sobre a bartolinite, outro tipo de cisto que pode causar dor e desconforto na região vaginal.

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.