Falta de apetite: conheça as principais causas e o que fazer em cada caso

Escrito por
Em 16.07.20

iStock

Não sentir vontade de comer pode estar ligado a diversos motivos, desde emocionais até a doenças crônicas. Sofre com a falta de apetite e não sabe o que fazer para recuperá-lo? Confira as principais causas desse problema, de acordo com uma nutricionista, e dicas do que pode ser feito em cada caso.

Continua após o anúncio

Índice do conteúdo:

Causas da falta de apetite

De acordo com a nutricionista Camille Cesário Reis (CRN 44408), a falta de apetite pode estar ligada a fatores variados. Saiba quais são os mais comuns e como proceder em cada caso:

Anemia ou deficiência de ferro

iStock

Uma das causas da falta de apetite pode ser a anemia ou a deficiência de ferro. A nutricionista explica que “o primeiro ponto para tratá-los é investigar qual o motivo que desencadeou essa condição, podendo ser por consumo insuficiente de nutrientes – como ferro, vitamina B12, ácido fólico -, perda sanguínea ou deficiência na absorção.

O que ser feito: no caso de consumo insuficiente de certos nutrientes, os alimentos ricos em cada um devem ser incluídos na alimentação. Camille explica que há a necessidade de suplementação em algumas situações. Já para dificuldade de absorção, o que deve ser tratado é o intestino, pois é nele que os nutrientes são absorvidos.

Problemas emocionais

iStock

Transtornos emocionais como o estresse, a ansiedade e a depressão podem ser a causa da falta de apetite. A nutricionista alerta que, nesse caso, o diagnóstico deve ser feito a partir da consulta com um psicólogo ou psiquiatra.

O que ser feito: o tratamento principal deve ser acompanhado por um psicólogo ou psiquiatra. Além disso, “a prática de exercícios regulares e o consumo de alimentos ricos em triptofano, como castanhas, banana, canela, feijões, ovos, peixes e cacau, podem auxiliar no tratamento. Outro ponto imprescindível é ter uma boa saúde intestinal, pois o intestino é responsável por produzir grande quantidade de serotonina, o hormônio do bem-estar.”

Transtornos alimentares

iStock

Continua após o anúncio

Uma das características de transtornos alimentares como a anorexia é a falta de apetite.

O que ser feito: para resolver esse problema, é necessário buscar ajuda de um psicólogo e um nutricionista especializado em transtornos alimentares. Camille informa que “em São Paulo, o Hospital das Clínicas tem um ambulatório específico para esse tipo de tratamento chamado Ambulim, em que todo o tratamento é feito de forma gratuita.”

Infecções e inflamações

iStock

Infecções ou inflamações, sejam elas bacterianas, virais ou parasitárias, também podem ser a causa da falta de apetite.

O que ser feito: a nutricionista explica que não há um tratamento universal nesse caso. “É necessário procurar um médico para a realização de exames e a descoberta da causa do problema. Sabendo a causa, o médico indicará o tratamento medicamentoso adequado.”

Doenças crônicas

iStock

Doenças crônicas como o câncer, distúrbios neurológicos, diabetes e insuficiência cardíaca podem apresentar a falta de apetite como um dos sintomas.

O que ser feito: novamente, é necessário fazer exames e ter um diagnóstico específico para cada caso. Assim, o tratamento será direcionado e o apetite será restabelecido.

Consumo de álcool ou dependência química

iStock

O alto consumo de álcool, cigarro e drogas, além de diversas outras complicações de saúde, podem afetar o apetite.

Continua após o anúncio

O que ser feito: segundo Camille, “esse quadro só é revertido com a mudança de hábitos, parando de consumir as substâncias em questão. De qualquer forma, manter uma alimentação equilibrada, consumo de água suficiente e uma rotina bem estabelecida de exercícios podem ajudar a minimizar os efeitos prejudiciais.”

Apesar dessas serem as principais causas da falta de apetite, é importante fazer exames com frequência para obter um real diagnóstico e um tratamento eficaz, acompanhado por um(a) especialista.

Saiba mais sobre a falta de apetite

A falta de apetite pode ser a consequência de alguns hábitos, mas também podem indicar que há algo de errado com o nosso organismo. Confira mais sobre o assunto e veja possíveis maneiras de proceder em cada caso.

Falta de apetite: o que pode ser?

Nesse vídeo, acompanhamos uma conversa sobre a falta de apetite, suas possíveis causas e o que pode ser feito. É importante procurar ajuda e saber que não ter fome ou vontade de comer pode indicar outros problemas de saúde.

Falta de apetite no idoso: como lidar?

A falta de apetite é uma questão frequente entre os idosos. O geriatra Daniel Gomes comenta o assunto e dá dicas do que pode ser feito para que os idosos recuperem o apetite.

Falta de apetite em crianças

Também comum entre crianças, a falta de apetite pode estar ligada a diversos fatores. Veja o que os pais podem fazer para que as crianças comam de maneira saudável e não forçada.

Alimentos que abrem o apetite

Continua após o anúncio

Enquanto alguns alimentos saciam a fome com facilidade, há outros que abrem o nosso apetite. Conheçam quais são e tente incluí-los em sua rotina alimentar.

É importante destacar que a falta de apetite pode estar ligada a diversos fatores, nem sempre óbvios. É preciso ficar atenta, pois pode ser um sinal de que algo não está funcionando bem no seu organismo, e sempre consultar um(a) profissional para tratar o problema. E para estar sempre em dia com a alimentação, confira nossa lista de alimentos antioxidantes.

As informações contidas nesta página têm caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamentos de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas.