Dicas de Mulher Dicas de Saúde

Farinha de chia: bons motivos para incluí-la na sua alimentação

Além de apresentar todos os benefícios da semente de chia, ela pode contribuir ainda mais para o aumento da saciedade

em 02/01/2015

Foto: Thinkstock

Foto: Thinkstock

Os alimentos funcionais estão mais “em alta” do que nunca! São aqueles que, além de nutrirem, ajudam a reduzir o risco de determinadas doenças, melhoram a qualidade de vida, enfim, oferecem inúmeros benefícios ao organismo.

Dentro deste contexto, a chia vem se destacando há algum tempo e é comumente usada na dieta de pessoas que se preocupam em seguir uma alimentação saudável. Mas, atualmente, um “derivado” dela tem atraído ainda mais atenções: a farinha de chia.

Talitta Maciel, nutricionista do Espaço Reeducação Alimentar, explica que a farinha de chia é obtida através da moagem das sementes da chia. “Ela é rica em fibras, cerca de 98% da sua composição, é rica em magnésio, fósforo, potássio e cálcio, além de vitaminas do complexo B”, diz.

Benefícios da farinha de chia

Talitta fala sobre as vantagens do consumo da farinha de chia:

  • Ajuda no funcionamento do intestino por ser rica em fibras (cerca de 98% da sua composição);
  • Devido às fibras, proporciona saciedade;
  • Também devido à presença de fibras, ajuda a reduzir a absorção de gorduras e glicose;
  • Pode ser consumida por pessoas com restrições alimentares, como celíacos e vegetarianos;
  • Ajuda no combate à osteoporose, por ser rica em cálcio e outros nutrientes importantes para a saúde óssea;
  • Tem menos calorias que a farinha de trigo;
  • Rica em minerais como magnésio e potássio, melhora a resposta muscular após exercício físico;
  • Seu cálcio é mais biodisponível que o do leite, ou seja, o corpo humano aproveita e absorve melhor o cálcio da chia.

Semente de chia x Farinha de chia

Foto: Thinkstock

Foto: Thinkstock

Talitta explica que a semente de chia apresenta grandes quantidades de proteínas de alto valor biológico, fibras, ômega 3 e antioxidantes. “Possui ação anti-inflamatória e ajuda na absorção de glicose, sendo uma aliada no combate ao diabetes; ajuda na saúde óssea, por ser rica em cálcio biodisponível”, diz.

A farinha de chia, acrescenta a nutricionista, possui as mesmas propriedades que a semente, mas as quantidades de fibras são maiores. Então, além de apresentar todos os benefícios da semente de chia, a farinha pode contribuir ainda mais para o aumento da saciedade e, consequentemente, para o emagrecimento. Ela também garante o bom funcionamento do intestino e aumenta a resposta muscular após o exercício físico.

Sendo assim, pode-se dizer que a farinha de chia é boa indicação para pessoas que estão seguindo dieta para perda de peso, indivíduos com histórico de constipação intestinal e adeptos da prática de exercícios físicos.

Como utilizar a farinha de chia e onde encontrá-la

Talitta explica que a farinha de chia pode ser usada como parte de receitas que contêm a farinha de trigo, enriquecendo-as com nutrientes. Abaixo ela cita algumas sugestões:

  • Massas de pães;
  • Bolos;
  • Tortas;
  • Na salada;
  • No iogurte;
  • Com frutas;
  • Em sucos;
  • No mingau;
  • Misturada com farelo de aveia;
  • Em vitaminas etc.

De acordo com a nutricionista, a sugestão de consumo é de até duas colheres (sopa) por dia.

“Encontramos a farinha de chia em lojas de produtos naturais, supermercados, feiras de produtos orgânicos. Ela ainda pode ser feita de forma caseira, batendo no liquidificador as sementes de chia”, destaca Talitta.

Farinha de trigo x Farinha de chia

Foto: Thinkstock

Foto: Thinkstock

Confira as comparações de valores nutricionais entre a farinha de trigo e a farinha de chia:

Farinha de trigo (100 g)

Valor energético: 360 kcal

Carboidratos: 75,1 g

Fibras: 2,3 g

Proteínas: 9,8 g

Lipídeos: 1,4 g

Ômega 3: X

Ômega 6: X

Magnésio: 31 mg

Cálcio: 18 mg

Sódio: 1 mg

Fósforo: 115 mg

Potássio: 151 mg

Farinha de chia (100 g)

Valor energético: 186 kcal

Carboidratos: 52,9 g

Fibras: 51,8 g

Proteínas: 29,3 g

Lipídeos: 7 g

Ômega 3: 4,2 g

Ômega 6: 1,4 g

Magnésio: 570 mg

Cálcio: 890 mg

Sódio: 1,1 mg

Fósforo: 1130 mg

Potássio: 1070 mg

Receitas com farinha de chia para você experimentar

Foto: Thinkstock

Foto: Thinkstock

Confira algumas receitas que ficam ótimas com a farinha de chia:

1. Bolo de chia, aveia e castanha

Ingredientes

  • 2 colheres (sopa) de chia em grãos
  • ½ xícara (chá) de farinha de chia
  • ½ xícara (chá) de aveia em flocos
  • 2 xícaras (chá) de açúcar mascavo
  • 1 ½ xícara (chá) de farinha de trigo
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó
  • ½ xícara (chá) de castanha do Pará moída
  • ½ xícara de uvas passas
  • 2 colheres (sopa) de óleo de girassol
  • 1 ½ xícara (chá) de água fervente
  • 2 ovos
  • 1 pitada de sal marinho

Modo de preparo

  1. Despeje a água fervente sobre a aveia e a chia em grãos.
  2. Acrescente óleo, misture e deixe descansar por 20 minutos.
  3. Adicione o açúcar mascavo e os ovos.
  4. Junte a farinha de trigo, a farinha de chia, o sal, o fermento e, por último, a castanha-do-pará. Misture bem, despeje em uma forma redonda com furo central e untada.
  5. Leve para assar em forno a 180ºC por aproximadamente 40 minutos.
  6. Já com a massa na forma, antes de assar, salpique castanha do Pará para decorar.
  7. Como cobertura use calda de Agave.

2. Cocada com maracujá e chia

Ingredientes

  • 250 gramas de coco natural ralado
  • 1 colher de sobremesa de farinha de chia
  • Polpa de 2 maracujás
  • 1/3 de xícara de chá de açúcar demerara
  • 1/3 de leite de coco

Modo de preparo

  1. Em uma panela coloque o coco ralado, a polpa do maracujá, o açúcar e a farinha de chia.
  2. Leve ao fogo até ferver, misturando bem.
  3. Reduza o fogo até que o suco comece a secar e vá mexendo para não queimar o fundo.
  4. Quando chegar a esse ponto, com um pouco de caldo ainda, adicione o leite de coco, mexa e retire do fogo.
  5. Sirva frio.

Bolo integral com chia

Ingredientes

  • 2 maçãs com casca
  • 1 xícara de farinha de chia
  • 1 colher de sopa de essência de baunilha
  • 3 ovos
  • 1 ½ xícara de açúcar
  • 2/3 xícara de óleo
  • 1 xícara de farinha integral
  • 1 xícara de aveia em flocos
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó
  • 1 colher (sopa) de canela em pó
  • 1/2 xícara de nozes picadas
  • 3/4 xícara de leite
  • ½ xícara de uva passas

Modo de preparo

  1. Lave as maçãs, descasque-as e pique-as. (Reserve as cascas).
  2. Leve ao liquidificador os ovos, o açúcar, o óleo e as cascas das maçãs.
  3. Em uma tigela, misture a farinha integral, a aveia e a farinha de chia.
  4. Adicione as maçãs picadas, as nozes, as uvas passas e a canela.
  5. Despeje o conteúdo batido no liquidificador e a essência de baunilha.
  6. Mexa bem e adicione o fermento delicadamente.
  7. Leve o bolo ao forno pré-aquecido a 180 graus por 40 minutos.

Agora você já tem ótimos motivos para incluir a farinha de chia na sua alimentação. Lembre-se: além dessas receitas, ela é uma boa opção para substituir a farinha de trigo em muitas outras preparações. Use a criatividade e crie vários pratos funcionais!

Comentários
Dicas relacionadas