Devo contar tudo sobre meu ex para meu namorado atual?

As experiências adquiridas ao longo da vida permitiram que vocês se tornassem quem são hoje, é preciso aprender a conviver com elas

Escrito por Carolina Werneck

Foto: Thinkstock

Imagine que você começa um relacionamento e tudo corre bem, até que seu parceiro começa a te perguntar sobre seus namoros anteriores. Será saudável contar a ele tudo sobre seus ex-namorados?

Incontestável, todo mundo tem passado. Da mesma maneira que seu companheiro provavelmente já se envolveu com outras pessoas, você também tem histórias de relacionamentos amorosos antes de começar a sair com ele. O problema de falar sobre essas relações e revelar os detalhes é que ele pode se sentir enciumado, o que é compreensível. Por outro lado, se você não responder às perguntas que ele te faz a respeito do assunto, ele pode achar que você tem algo a esconder. Difícil decisão, mas temos dicas para te ajudar a driblar o impasse.

Certifique-se de que ele quer saber

É claro que, em um namoro, é comum comentar sobre as experiências vividas por ambos. Você até pode fazer isso, desde que seja com parcimônia e sem exagerar na riqueza de detalhes, para não dar a impressão de que você sente falta do seu ex.

Se perceber que seu namorado insiste para que você aborde o tema, pergunte-lhe diretamente o que ele quer saber, mas esteja preparada: a curiosidade pode parecer exagerada e cabe a você dar uma resposta satisfatória, porém curta, sem detalhes desnecessários.

Se, pelo contrário, seu namorado parece incomodado quando você fala do ex, é preciso se policiar para não faze-lo com frequência. Em alguns casos, convém pedir para que ele abra o jogo com você e diga o que o incomoda quando você toca no assunto.

Deixe clara sua posição com relação ao seu ex

Pode ser que seu parceiro se incomode quando você fala de relacionamentos anteriores simplesmente porque se sente inseguro, com a impressão de que você sente falta ou gostaria de voltar a se relacionar com essas pessoas.

Nesse caso, uma conversa franca é a melhor saída. Deixe claro para ele que você não pretende voltar a sair com seu ex, e que o fato de estar mencionando o nome dele ou alguma situação que viveram juntos não significa que você sente saudades dessa fase.

Ele precisa entender que, se você está com ele agora, não há motivos para se preocupar com o passado.

Não compare

Fica muito complicado fazer o rapaz se sentir seguro se você está o tempo todo comparando-o aos seus ex, principalmente quando você enaltece as qualidades dos outros, salientando os defeitos do parceiro atual. Esse tipo de atitude demonstra uma falta de respeito e consideração muito séria por quem está ao seu lado.

Para entender o que ele sente quando você age dessa forma, troque de lugar. Você não gostaria se ele começasse a comparar seu corpo com o corpo das namoradas que ele já teve, ou afirmar que você não é tão inteligente ou bonita quanto elas. Esse exercício ajuda a ter uma noção mais ampla do quanto essas comparações são ofensivas.

Em geral, o passado deve ser tratado como tal. As experiências adquiridas ao longo da vida permitiram que vocês se tornassem quem são hoje e não será possível ou mesmo saudável tentar apaga-las de uma vez por todas. Quando você citar o nome de seu ex, que seja em um assunto que trará alguma evolução para seu relacionamento atual. Da mesma forma, quando ouvi-lo falar das ex-namoradas, encare com naturalidade, chamando a atenção do gato apenas se ele te desrespeitar de alguma forma.

Talvez aquela história de que “ex bom é ex morto” (no sentido figurado) seja mesmo verdade, mas é sempre melhor olhar de forma madura para essas escolhas que hoje você lamenta.

Assuntos: Namoro, Relacionamentos

Dicas pela Web