Conheça os prós e contras da taninoplastia e saiba como fazer em casa

Escrito por                    
Em 15.05.22

Natália issa

Por                                
Em 15.05.22

A taninoplastia capilar é opção para alisar o cabelo, substituindo alguns tipos de alisamento definitivo que podem danificar os fios. Para saber mais, veja o que a cabeleireira e terapeuta capilar Eva Motta, do Evolution Hair, explica sobre o assunto!

Publicidade

O que é taninoplastia

De acordo com a cabeleireira, a taninoplastia “é um procedimento que transforma (alisa) a fibra capilar sem agressão ao fio e sem impermeabilizar, proporcionando um liso mais natural”. Ou seja, “mesmo após o processo o cabelo pode ser hidratado, nutrido e reconstruído, pois os ativos continuam a penetrar na fibra capilar”, explicou.

A taninoplastia é indicada para quem deseja um alisamento natural e sem agressão aos fios. Além disso, “a taninoplastia não possui formol em sua composição e tem como principal ativo o ácido tanino, um composto de origem vegetal retirado de várias árvores”.

A profissional comentou que a durabilidade da técnica varia de acordo com cada tipo de cabelo, quantidade de lavagem e região onde mora. Mas em geral, pode durar de 3 a 6 meses.

Prós e contras da taninoplastia

Envato

Prós

  • Não impermeabiliza os fios: segundo Eva, “a taninoplastia não impermeabiliza os fios, permitindo que após o procedimento o cabelo continue absorvendo os tratamentos”;
  • Alisamento natural: segundo a cabeleireira, a técnica “alisa a fibra capilar, proporcionando um liso bem mais natural”;
  • Não possui formol: o produto utilizado para fazer a taninoplastia não contém formol e nem derivados em sua composição. De acordo com Eva, “o seu principal ativo um composto vegetal retirado de várias árvores”. Ou seja, é um tratamento natural e que não causa danos à fibra capilar;
  • Trata enquanto alisa: “além de promover alisamento natural, também trata o cabelo e resgata a hidratação, fortalece e reestrutura os fios”, comentou a cabeleireira;
  • Elimina o frizz: conforme informou a cabeleireira, além de promover um aspecto natural e deixar os cabelos macios e maleáveis, “o procedimento recupera a fibra capilar e ajuda a eliminar o frizz”.

Contras

  • Risco de amarelar o cabelo loiro: a especialista alertou que em cabelos loiros, “pode deixar o cabelo amarelado, sendo importante se atentar ao tempo de ação do produto (somente 40 minutos) e a temperatura da chapinha (deve estar em 180°C)”;
  • Pode desbotar a coloração: de acordo com a profissional, o procedimento pode desbotar a coloração. Então, “é necessário dar um tempo de pelo menos 15 dias entre a tintura e a taninoplastia”;
  • Não é um método definitivo: a técnica não é definitiva e “dura de 3 a 6 meses, dependendo dos cuidados e do tipo de cabelo. Além disso, conforme os fios forem crescendo, é preciso retocar a raiz”;
  • Duração do procedimento: outra desvantagem da técnica é a duração do procedimento, que demora pelo menos 3 horas para realizá-lo;
  • Pode não ser indicado para gestantes: Eva alertou que “embora não tenha derivados de formol, é recomendado solicitar a aprovação do médico antes de realizar o procedimento”. Você pode “fotografar o rótulo do produto para mostrar para o seu médico”.

Agora que você já sabe quais as vantagens e desvantagens da técnica, veja a seguir como a taninoplastia é feita.

Como fazer a taninoplastia

Envato

Antes de realizar qualquer procedimento no cabelo, é importante saber como funciona. Então, confira o passo a passo da taninoplastia, explicado pela cabeleireira:

  1. Primeiramente, lave os cabelos até sentir o couro cabeludo limpo. Evite esfregar muito forte, para não causar nenhuma ferida;
  2. Seque os cabelos totalmente e passe o produto. Lembre de evitar encostar no couro cabeludo;
  3. Depois disso, aguarde de 40 minutos a 1 hora e, em seguida, enxágue os cabelos totalmente. Se certifique de não deixar resíduos;
  4. Logo após, escove bem os cabelos e pranche mechas finas, de 15 a 20 vezes;
  5. Depois desse processo, enxágue os cabelos o cabelo novamente. Aproveite para aplicar uma máscara hidratante;
  6. Por fim, seque o cabelo. Se ainda houver alguma ondas nos fios, passe novamente a chapinha.

Eva comentou que é importante seguir alguns cuidados, como “usar shampoo sem sal ou shampoo pós-químico”. Além de “hidratar e usar leave-in antes de secar com o secador, para ativar o brilho”.

Publicidade

Os melhores produtos à base de tanino

Quer conhecer produtos à base de tanino para fazer o procedimento em casa? É só conferir as indicações abaixo, conforme a opinião de usuárias que testaram os produtos. Veja só:

1. Escova Orgânica Tanino Prohall Burix One – $$$

Se você busca um produto capaz de alisar os fios e ao mesmo tempo tratá-los, a escova orgânica da Prohall Burix One atende esse requisito. O produto contém ácido tanino, biotina, buriti e lumini system. Ou seja, esses componentes selam as cutículas capilares, promovem maciez, brilho e alisamento duradouro.

“É um produto fácil de usar, pois não deixa meu cabelo duro depois de escovar e na hora de pranchar ele não fica duro. É bem fácil de trabalhar com ele, não solta cheiro forte e não arde os olhos. Então, isso é um ponto muito interessante para quem está fazendo sozinho” – Jana Nogueira

2. Neolizz Alisante de Chuveiro Shampoo e Condicionador – $$$$

Segundo a Neolizz, esse alisante de chuveiro pode ser usado em todos os tipos de cabelo, incluindo tingidos. A marca conta com o ácido tanino em sua fórmula e óleos naturais. O produto é fácil de usar e deixa um liso bem natual. A Neolizz só orienta seguir todas as recomendações do rótulo da embalagem e usar uma prancha profissional.

“Meu cabelo ficou macio, muito macio e sem frizz. Ficou lindo e com um brilho maravilhoso. Ele estava ondulado e agora está lisinho. Adorei, comprem sem medo!” – Debynha Belha

3. Progressiva Tanino 100% Orgânica Natuplus Prolisse – $$$$

A progressiva de tanino da Natuplus é composta por cinco agentes poderosos: colágeno, D-pantenol, óleo de coco, óleo de oliva e tanino. Esses ativos promovem fios brilhosos, macios e um liso perfeito e atuam no cabelo tratando e reconstruindo os fios. Além disso, a marca garante que o produto é compatível com químicas e não amarela os fios.

“O resultado é esse cabelo que vocês estão vendo agora: totalmente soltinho, levinho, não está nada pesado e a raiz está comportadinha. Esse resultado que vocês estão vendo agora é de um cabelo seco! Eu amei, eu estou apaixonada por essa progressiva!” – Cheia de Truques

4. Kit Taninoplastia Salvatore Blue Gold – $$$$

A Salvatore é a marca especializada no procedimento de taninoplastia, sendo a preferida de diversos profissionais. Por isso, promove alisamento ao mesmo tempo que trata, nutre e reconstrói os fios. Além disso, o produto foi desenvolvido com componentes extraídos da natureza, tendo o ácido tanino como principal ativo.

“Sempre elogiei, é um investimento que compensa, não tem formol e é à base de tanino. Ela alisa bastante o meu cabelo, que é cacheado. A respeito do meu cabelo, eu utilizei essa progressiva por muito tempo e nunca tive problemas, sempre me atendeu bem” – Nay Sacramento

Apesar de a taninoplastia ter algumas desvantagens, ainda assim, é um procedimento vantajoso para quem deseja alisar as madeixas. Então, se você deseja alisá-las, aposte na técnica. Aproveite e saiba mais sobre a exoplastia capilar, outra opção de alisamento que utiliza ativos que não danificam a fibra capilar.

Publicidade

Assuntos: Alisamento, Cabelos