Conheça os benefícios do low poo para seus cabelos e aprenda a técnica

Escrito por                    
Atualizado em 17.06.22

MAJU SILVA

Por
Atualizado em 17.06.22

Você já ouviu falar em low poo? A técnica inventada na Inglaterra consiste em parar ou diminuir o uso de determinados tipos de shampoos, ajudando a devolver o brilho e os nutrientes naturais aos fios. Nessa matéria, a especialista em low poo, Talita Freitas, dá as principais dicas para aderir à técnica. Confira!

Publicidade

O que é o low poo e como a técnica surgiu?

Segundo Talita Freitas, a “técnica consiste em lavar os cabelos com shampoos que promovem uma ação de limpeza mais leve do que aqueles que costumamos usar. Diferente dos produtos tradicionais, que contém substâncias como o sulfato e parabenos, ressecando e tirando a oleosidade dos fios, o shampoo low poo limpa sem ressecar e tirar a proteção natural do cabelo”.

A técnica surgiu na Inglaterra quando a cabeleireira Lorraine Massey, especialista em cabelos cacheados e crespos, percebeu que os seus fios e os de suas clientes estavam sempre ressecados e com frizz, apesar de todo o tratamento que faziam.

Curiosa, Lorrayne resolveu investigar mais sobre o assunto e fez uma descoberta surpreendente. Ela percebeu que os shampoos continham uma substância responsável por deixar os cabelos ressecados. Essa substância é o sulfato, encontrado inclusive em detergentes para lavar a louça. Além de tirar a oleosidade, ele retira a água, os lipídios e os nutrientes dos cabelos.

Como resultado, o organismo de quem tem cabelos oleosos entende que o couro cabeludo não está produzindo óleo suficiente. Isso provoca um aumento na produção de sebo, deixando as madeixas ainda mais oleosas.

Já quem tem cabelo crespo ou cacheado sofre o efeito contrário. A curvatura do fio dificulta que o óleo produzido no couro cabeludo chegue até o comprimento e as pontas, resultando em um cabelo ressecado e com frizz. Assim, os shampoos com sulfato só pioram o problema, justamente por tirarem toda a oleosidade natural.

Assim, Lorrayne concluiu que o sulfato é o responsável por deixar os cabelos secos e sem vida. Em seguida, ela compartilhou em seu livro (Curly Girl Method) novas técnicas low poo. Elas podem ser aplicadas em todos os tipos de cabelos, entretanto foi um presentão da profissional para as madeixas cacheadas.

Os 5 maiores benefícios do low poo

low poo

Envato

Além de combater o ressecamento dos fios, devolvendo o brilho e a maciez, o uso do low poo traz diversos benefícios para o cabelo. Talita Freitas explicou os principais:

Publicidade

  • Pode ser feito em qualquer tipo de cabelo: apesar de ter sido criada inicialmente para atender aos cabelos cacheados e crespos, a técnica é benéfica para todos os fios, inclusive para cabelos com química, que também necessitam de cuidados especiais.
  • Diminui o frizz: uma limpeza mais suave impacta positivamente na hora de desembaraçar as madeixas, evitando a quebra do fio e o frizz, pois o cabelo continua hidratado e com a cutícula alinhada.
  • Desbotamento gradativo: o desbotamento da cor já é algo aguardado pela adeptas da coloração. Porém, ao contrário do shampoo com sulfato, é notório como o low poo preserva os pigmentos do fio, possibilitando um desbotamento mais suave.
  • Hidratação prolongada: com a lavagem na medida certa, a oleosidade e a hidratação dos fios dura mais tempo, deixando os cabelos mais macios, sedosos e brilhosos.
  • Combate à hidrofobia capilar: a hidrofobia capilar ocorre quando você aplica um creme e sente que ele não penetra nos fios, sendo expelido pelo cabelo. Essa é uma patologia que ocorre devido ao acúmulo de resíduos no couro cabeludo, onde a água é rejeitada. Esses resíduos podem ser causados pelos derivados de petróleo, formando uma película que impede a absorção dos tratamentos. O low poo ajuda a evitar essa condição.
  • Apesar de todos os benefícios apresentados, vale salientar que a técnica exige um tempo de adaptação no qual o cabelo pode ficar ressecado e sem definição. Por isso, é fundamental ter paciência, “o período de adaptação é relativo, mas, no geral, demora algumas semanas para o cabelo entender que não receberá mais as substâncias que maquiavam os fios”, explica a especialista.

    Principais diferenças entre Low poo X No poo X Co-wash

    Além do low poo, as técnicas de lavagem no poo eco-wash estão fazendo sucesso, principalmente entre as cacheadas e crespas. Mas será que existe diferença entre elas?

    De acordo com Talita, as técnicas são bem diferentes, “no low poo utilizamos agentes de limpezas suaves para fazer a higienização dos fios. Já no no poo a lavagem é feita com agentes limpantes que não contém sulfato. Por fim, no co–wash, a higienização é feita apenas com condicionador.

    Em tradução literal, low poo significa pouco shampoo, ou seja, a técnica prega a diminuição do uso de agentes de limpeza que contenham sulfato. Já o no poo significa sem shampoo, e nessa técnica o ideal seria lavar os cabelos apenas com água ou com produtos sem sulfato. Por fim, no co-wash, você lava os cabelos apenas com condicionadores sem silicone e petrolato na composição.

    3 passos simples para fazer a técnica do low poo

    Começar uma rotina de cuidados e de lavagem usando o low poo é mais simples do que parece. Afinal, a técnica consiste, basicamente, em substituir os produtos com sulfato, petrolatos e outros, por itens liberados. Talita explica um passo a passo simples. Dá uma olhadinha:

    1. Invista em produtos Low Poo

    Envato

    Para apostar na técnica, o primeiro passo é comprar produtos low poo, os famosos liberados. Você pode encontrá-los em farmácias, em lojas de beleza e cabelo e online.

    2. Faça uma limpeza profunda

    Segundo Talita, o segundo passo é “limpar uma última vez com um shampoo de limpeza profunda. Esse pode conter sulfatos pesados em sua composição, pois é o momento de remover todo e qualquer resíduo de silicones e petrolatos que tiverem na sua fibra capilar.

    3. Condicionador liberado para low poo

    low poo

    Envato

    Em seguida, Talita recomenda “prosseguir a lavagem com um condicionador liberado para a técnica low poo. Se você tem cabelo cacheado ou crespo, faça uma fitagem para definir os cachos. É importante lembrar que os demais produtos, como creme de pentear, máscara de tratamento e reparador de pontas também precisam ser liberados para a técnica”.

    Publicidade

    Além disso, a especialista recomenda não utilizar produtos com silicones, petrolato, parafinas e outras substâncias nocivas ao fio. Isso porque o único shampoo que consegue eliminar esses componentes são aqueles que contém sulfato, e o objetivo do low poo é justamente interromper o uso desse agente.

    5 produtos low poo recomendados pela especialista

    Para ter cabelos mais saudáveis e brilhosos, é válido abandonar os antigos produtos e investir na técnica low poo. Veja quais são os melhores shampoos, condicionadores e máscaras:

    low poo

    • Shampoo Cachos Naturais Arvensis: o Shampoo Cachos Naturais não contém sulfato e nem sal em sua composição, oferecendo uma limpeza suave para todos os tipos de cabelos cacheados. Com ingredientes naturais, como óleo de coco, colágeno vegetal e Vitamina E, ele ajuda a reparar cabelos danificados, reduz o frizz, aumenta a elasticidade e proporciona maciez e brilho extra.
    • Co-Wash Crespo Power Apse: enriquecido com óleo de semente de uva, manteiga de murumuru e manteiga de cacau, esse produto, especialmente desenvolvido para cabelos crespos, não é testado em animais e não apresenta em sua fórmula sulfatos, parabenos, silicone, sal ou óleo mineral.
    • Máscara Acquaplex Acquaflora: sem parabenos e óleos minerais, a Acquaplex da Acquaflora hidrata, recupera e protege os cabelos quimicamente tratados, diminuindo o frizz e o volume dos fios.
    • Ativador de Cachos SOS Cachos Apse: Livre de sulfatos, parabenos, óleo mineral, sal e silicones, esse produto, 100% vegano, é composto por óleo de coco, manteiga de karité e tecnologia SuperWave que promete nutrir, definir e dar brilho a cabelos ondulados, cacheados e crespos.
    • Linha Redensifica e Encorpa – Amend: essa linha da Amend é perfeita para quem tem cabelos ralos e finos e deseja adicionar mais volume e balanço às madeixas. O Redensifica e Encorpa vem com shampoo, condicionador, máscara de hidratação, mousse e sérum, todos liberados para low poo.

    Enfim, o low poo é uma técnica de lavagem capilar cada vez mais popular. Entre seus maiores benefícios, estão cabelos mais saudáveis e hidratados, cachos definidos e brilhosos e a diminuição do frizz. Aproveite e confira a matéria sobre shampoo para cabelo cacheado. Com certeza, você encontrará o queridinho dos seus cachos.