Como se manter fiel em um relacionamento

Dicas para você não sabotar o seu relacionamento

Escrito por Andressa Dias
Foto: Thinkstock

Foto: Thinkstock

Sabe-se que todo relacionamento tem altos e baixos e que esses momentos podem ser oportunidades potenciais de traição e precisam ser vividas com cautela. É claro que comparar o seu namorado, com um cara que você vê ou conversa com uma vez ou outra é algo totalmente injusto.

Levar você no papo uma ou duas vezes e te manter interessada é fácil, agora ser o seu namorado e te manter interessada mesmo passando por momentos difíceis, isso sim é se relacionar. Portanto, não compare tanto sua grama com a do vizinho.

Por outro lado, tem relacionamentos que só tem coisas ruins. Aqueles relacionamentos em que você não se sente feliz, vocês não combinam em nada e você já está mais do que desanimada.

Nesses casos, é preciso ver se é benéfico para os dois se manterem nessa situação em vez de ficarem infelizes em uma relação e acabar tendo relações extraconjugais para satisfazer as necessidades de um ou do outro.

Confira nossas dicas para que você não sabote um relacionamento saudável, ou ainda, para que você saiba quando é hora de fugiur de um relacionamento que não está te fazendo feliz.

Seja verdadeira consigo e com ele

Pode ser que você esteja nesse relacionamento por conveniência, porque acostumou com o jeito do outro, mas na verdade não o ame mais. Se você desconfia que esse seja o caso, reveja bem esse relacionamento. Não é interessante enganar o outro e a si mesmo, dizendo que o ama, sendo que na verdade não está sendo feliz neste relacionamento.

Teste suas atitudes: se você tem que se esforçar muito para demonstrar carinho e amor, pode ser que você esteja se forçando a acreditar que o ama, quando na verdade o sentimento não existe mais, ou ainda, nunca existiu. Manter um relacionamento assim, dá muita abertura para pensamentos traiçoeiros, portanto, cuidado.

Veja o que há de melhor no relacionamento

Procure perceber e apreciar o que vocês dois tem de melhor juntos e também as qualidades de cada um individualmente. Em vez de reforçar as críticas ao outro em sua mente, faça o contrário e reforce os pensamentos positivos sobre o que ele tem de melhor. Assim, você evita dar mais atenção ao que há de ruim e aprende a valorizar o que há de bom em vocês.

Teste suas atitudes: se a cada vez que você fala do seu parceiro, você só reclama a respeito dele, é importante reavaliar essa relação e balancear os pontos positivos e os negativos para ver se vale a pena continuar nela.

Fuja da tentação

Sabemos que a carne é fraca e por isso mesmo não devemos criar oportunidades que possam favorecer aquela pulada de cerca. Sendo assim, não hesite em recusar aquele convite do seu colega de faculdade gato para um bate papo privado na internet. Isso pode acabar virando um flerte, evoluir para uma conversa picante e acabar no motel.

Teste suas atitudes: se você não consegue viver sem falar com um gato que conhece, cuidado, ele pode ser uma porta para a sua primeira traição. Fique alerta e se distancie caso ache necessário.

Não se prenda ao “para sempre”

Se não está bom, não tem porque ficarem juntos somente para cumprir uma promessa, ou um protocolo. Nesses casos, o término é mais respeitoso com você e com ele do que manter um relacionamento de aparências e sem felicidade, amor e dedicação. Manter um relacionamento assim, só deixa os dois cada vez mais carentes e frustrados, podendo levar um de vocês a trair.

Teste suas atitudes: se você pensa constantemente que seria muito mais feliz com outra pessoa, provavelmente este é um sinal de que este relacionamento não está indo bem. Pergunte-se: será que é apenas uma fase ou eu realmente perdi o interesse?

Por fim, dedique-se ao seu relacionamento. Muitas das causas da traição estão ligadas à carência de um ou do outro – os famosos casos em que uma pessoa do casal vai buscar em outra pessoa o que não tem “em casa”.

Então não deixe de “dar assistência”, porque assim você evita deixar o seu parceiro sentindo falta desse carinho e encoraja ele a se dedicar também. Formando um circulo virtuoso de afeto, dedicação, respeito e fidelidade.

Dicas pela Web