Bico de silicone é recomendável? Pediatra esclarece

Escrito por
Em 31.08.19

iStock

No empenho de ter sucesso na amamentação, muitas mães acabam investindo em produtos como o bico de silicone com a intenção de facilitar o processo. Indicado para pessoas que apresentam o bico do peito plano ou invertido, ou até para minimizar as dores do início da amamentação, esse acessório tem sido cada vez mais usado, chegando a constar em listas de chá de bebê.

Continua após o anúncio

Mas será que o bico de silicone pode mesmo ajudar na amamentação? De acordo com a Dra. Pamella Demeciano Mamede (CRM: 52992127), pediatra, membra da Sociedade Brasileira de Pediatria e consultora de amamentação, além de ser indicado apenas em último caso, o uso do bico de silicone pode trazer prejuízos para o aleitamento e para o bebê.

Dúvidas frequentes sobre bico de silicone

iStock

Para solucionar o mistério dos prós e contras do bico de silicone, conversamos com a Dra. Pamella Demeciano para tirar algumas das dúvidas mais comuns. De um modo geral, ela não indica o uso, mas admite que pode ser sugerido em casos específicos. Vamos entender melhor?

O que é o bico de silicone e para que ele serve? O bico de silicone, também chamado de protetor de mamilo, é um acessório feito de silicone bem fino e flexível, com formato parecido ao de um mamilo, com base aberta e larga e bico semelhante ao da mamadeira.

“As mamães que apresentam dificuldade na amamentação por terem bicos planos ou invertidos, ou aquelas que estão sofrendo de rachaduras, podem lançar mão da ajuda do bico de silicone”, informa a Dra. Pamella.

Leia também: Gravidez semana a semana: saiba o que acontece em cada fase da gestação

O uso é recomendado? “O uso do bico de silicone deve ser sempre a última tentativa e indicado por um profissional especializado em amamentação, pois apenas será recomendado em casos específicos e por um período de tempo bem restrito. Particularmente, não indico no meu dia a dia pois os malefícios podem ser muito maiores do que os benefícios no processo da amamentação”, constata.

Quais são as vantagens do bico de silicone? O bico de silicone ajuda a proteger mamas rachadas, reduzindo a dor no momento da sucção, ou ainda pode auxiliar na formação do bico do peito materno para aquelas mães que tem bico plano ou invertido. “No entanto, ele deve sempre ser indicado por um profissional da saúde especializado em amamentação, pois este deve ser usado apenas em último caso”, volta a destacar.

E as desvantagens? “São muitos os perigos que o bico pode trazer para amamentação. Isso porque, como já sabemos, na pega correta, o bebê vai abocanhar grande parte da auréola e não apenas o mamilo. Dessa forma, o fato de ter o bico plano ou invertido não contraindica a amamentação. Há também o risco de contaminação do bico por fungos e bactérias, levando a quadros de sapinho para o bebê, candidíase ou mastite”.

Continua após o anúncio

O bico de silicone pode prejudicar o bebê? Além do risco de contaminação, o uso do bico de silicone faz com que o bebê precise sugar com mais força para dar a pressão necessária para o leite sair. “Isso pode ocasionar pouco ganho de peso, influenciando para o uso de mamadeiras de complemento e, consequentemente, fazendo com que o bebê se acostume e acabe preferindo o bico artificial”, explica a Dra. Pamella Demeciano.

Bico de silicone diminui o leite? “A produção de leite materno está diretamente ligada à força de sucção realizado pelo bebê. Por isso, quando colocamos um acessório de silicone intermediando o processo não há aquela pressão exercida diretamente no seio, levando consequentemente à redução da produção de leite”.

Leia também: Concha de amamentação: tire suas dúvidas e saiba quando ela é indicada

Como podemos ver, o bico de silicone pode causar muitos problemas e por isso está longe de ser um acessório indicado para a rotina de amamentação. Em todo o caso, o melhor a se fazer é conversar com um médico especialista sobre o assunto, podendo assim tirar as dúvidas mais específicas e também buscando outras formas de facilitar a amamentação.

Experiências e resenhas

A seguir, elencamos algumas experiências pessoais sobre o uso do bico de silicone. As opiniões podem ser diversas e ajudam a esclarecer mais algumas dúvidas. Vamos ver?

Como usar corretamente o bico de silicone

A odontopediatra Andressa Bortolasso não é a favor do uso do bico de silicone. Mas fez esse vídeo para que as mães que já estão usando saibam como utilizar corretamente, minimizando os prejuízos para a amamentação.

Vantagens e desvantagens do bico de silicone

Leia também: 40 nomes curtinhos, lindos e cheios de significado para meninos e meninas

Esse vídeo, apresentado pelo canal 2bemãe, traz um bom resumo das vantagens e desvantagens do uso do bico de silicone. Ela mostra dois modelos diferentes e conta sua experiência pessoal com o uso.

Continua após o anúncio

Não deu certo…

A Fernanda Prado comprou o bico de silicone, mas não sabia que o uso era indicado apenas para casos específicos. No vídeo ela conta como a experiência infelizmente não deu certo e sobre o desmame precoce.

Bico de silicone como intermediário no início da amamentação

O vídeo do canal Vida de Mãe mostra a experiência da Jaqueline, que apostou no bico de silicone para tentar resolver o bico invertido. Ela teve uma boa experiência e conta os detalhes para a gente.

Como tudo na gravidez e na maternidade, cada experiência com o bico de silicone é única e pode resultar em benefícios ou malefícios. Esteja atenta aos utensílios que prometem ajudar na amamentação, mas que no fim podem acabar te prejudicando.

Amamentar é bom para a mãe e para o bebê. Uma atividade natural e, na maioria das vezes, tranquila. Invista sempre em informação e acredite na sua capacidade de alimentar o seu bebê sem utensílios intermediários.

Assuntos: Bebês

Para você