Como escolher a base certa para sua pele

Conheça todos os tipos de base e veja qual é a ideal para sua pele

Por Andressa Dias
Atualizado em 17/03/2014 15:23

como escolher a base certa para sua pele Como escolher a base certa para sua pele

Hoje existem tantas opções de bases para maquiagem que acaba sendo difícil escolher a base certa para cada tipo de pele. Nesta matéria detalhamos as características de cada tipo de base existente para que você possa escolher qual base serve para sua necessidade e tipo de pele, confira:

Base Líquida

A base líquida é a que oferece mais hidratação, sendo recomendada para peles secas a normais e que não exijam muita cobertura. Porém, as bases líquidas também têm suas versões para peles oleosas. A viscosidade das bases líquidas varia, por isso é importante experimentar para ver qual você prefere. As bases líquidas são absorvidas pela pele e cobrem pouco o rosto, sendo ideais para maquiagens mais leves e para quem não tem manchas, olheiras ou acne.

Para aplicar essa base da maneira correta, você pode usar uma esponja, pincel de base ou ainda os próprios dedos. Espalhe ela pelo rosto enquanto ainda está úmida para garantir uma cobertura mais uniforme da pele do rosto.

Base Cremosa

A base cremosa é um pouco mais espessa que a líquida e proporciona melhor cobertura das manchas e sinais de idade. Também é recomendada para peles secas a normais. Sua aplicação deve ser feita com um pincel ou com a ponta dos dedos. Evite exagerar na quantidade de produto na hora de se maquiar, porque como ela é mais grossa, se você passar demais pode acentuar os sinais da idade.

Base Mousse

A base em mousse tem um efeito parecido com a base líquida, ela é leve e combina com maquiagens mais leves também, como maquiagens para dia ou para o trabalho. Esse tipo de base é indicado para maquiagem em pele oleosa, pois suas fórmulas em geral são oil-free e proporcionam um efeito mate na pele. A base mousse deve ser aplicada na pele com o auxílio de uma esponja ou com a ponta dos dedos. Como ela é bem suave, sua aplicação é fácil, mas sua cobertura não é tão eficaz quanto da base cremosa.

Base Compacta ou Duobase

O que torna esta base mais interessante é que pode ser usada por pessoas de todos os tipos de pele, de oleosa até seca. Sua textura é parecida com a da base cremosa, mas o seu acabamento tem o efeito de pó, deixando a pele opaca. Além disso, a base compacta oferece cobertura maior e, dependendo do caso, o corretivo pode até ser dispensado. Existem até algumas destas bases em versão 3 em 1, que já contém corretivo. Para aplicar a base compacta no seu rosto é necessário usar uma esponja ou pincel.

Base em Bastão

A base em bastão, ou base stick é indicada para peles normais a secas. Esta base possui uma textura semelhante à do corretivo. Sua cobertura é muito boa, pois sua consistência de corretivo cobre todas as imperfeições. Pode ser aplicada com pincel, esponja ou diretamente na pele.

Base em Pó

A base em pó não é recomendada para quem tem a pele seca, mas sim para peles mistas, oleosas e normais. Sua cobertura é mais fraca e a pele fica com aspecto opaco, devido ao efeito do pó. Sua aplicação deve ser feita com pincel de pó ou blush, nunca com os dedos. Algumas bases em pó são bases minerais e também são ótimas para peles oleosas.

Base Pancake

A base pancake também é indicada para peles mistas, oleosas e normais. Sua cobertura é excelente, por isso deve ser usada com cautela para não deixar a aparência pesada demais, pois ela fecha até os poros. O aspecto desta base na pele não fica natural como das bases mais leves. Sua aplicação deve ser feita com uma esponja úmida, com movimentos rápidos para que ela não seque e fique manchada. Sua finalização pode ser feita com um pincel de esfumar para deixar a cobertura mais homogênea e natural.

7 exemplos de base para maquiagem