6 benefícios do skinbooster para rejuvenescer e hidratar a pele

Escrito por
Em 14.11.20

iStock

O skinbooster é um procedimento que promete melhorar o aspecto e a firmeza da pele, entre outros efeitos positivos. Para saber tudo sobre a técnica, consultamos o dermatologista Leonardo Abrucio (CRM 66591), da BP – A Beneficência Portuguesa. Confira agora as informações e dicas!

Continua após o anúncio

Índice do conteúdo:

O que é skinbooster?

iStock

De acordo com Leonardo, o skinbooster é um procedimento no qual se injeta ácido hialurônico, que age nas camadas mais profundas da pele trazendo diversos benefícios. Além disso, o sentido da palavra “booster” está ligado a “intensificador”. Sendo assim, podemos compreender que intensifica o efeito da produção de colágeno e elastina da pele.

O procedimento normalmente é realizado por médicos dermatologistas e é indicado para várias situações. Veja a seguir!

Para que serve o skinbooster

iStock

Pensando nos efeitos do skinbooster e como ele atua na pele, o dermatologista separou os 6 principais benefícios desse procedimento. Confira!

  • Proporciona hidratação profunda: o skinbooster contém ácido hialurônico, um composto de glicosaminoglicanos e polissacarídeos. Esses componentes fazem que a água seja atraída para a pele, resultando em uma hidratação de efeito superior aos tratamentos usados na superfície da pele.
  • Estimula a produção de colágeno: Leonardo explica que, com a idade, a elasticidade da pele diminui, e o ácido hialurônico estimula o colágeno, melhorando a firmeza da pele.
  • Auxilia no tratamento de cicatrizes de acne: o ácido hialurônico preenche os espaços entre as células, então pode ser usado como tratamento para as cicatrizes de acne.
  • Melhora a aparência das olheiras: ao ser usado no tratamento de olheiras, o efeito alcançado é o preenchimento da depressão que existe embaixo da pele pelo ácido hialurônico, agindo no aspecto das olheiras.
  • Rejuvenesce a área do colo e das mãos: além do rosto, o ácido hialurônico pode ser aplicado nessas áreas para melhorar os sinais da idade.
  • Traz mais viço e brilho à pele: devido à capacidade higroscópica (de retenção de líquido), o ácido hialurônico atua na hidratação, deixando a pele com brilho natural, firme e com elasticidade.

Seria um sonho ter a pele mais hidratada e com brilho natural, não é mesmo? Mas será que esse procedimento pode ser realizado por todas? Veja, a seguir, as contraindicações e cuidados.

Riscos, cuidados e contraindicações do skinbooster

“O procedimento é contraindicado para gestantes, lactantes, pessoas que amamentam e pacientes com hipersensibilidade comprovada, ou seja, que apresentam alergia ao ácido hialurônico”, aponta o dermatologista. Além disso, é contraindicado para indivíduos com doença autoimune em atividade, como o Lúpus eritematoso sistêmico. O skinbooster não deve ser realizado em pessoas com ferimentos, lesões ou infecções na região a ser tratada.

Quanto aos cuidados após o procedimento, recomenda-se não massagear o local dentro de 24h e evitar entrar na piscina, no mar ou em sauna durante esse período, para não ter efeitos adversos. Em relação à exposição ao sol, o dermatologista esclarece que não há contraindicação, mas lembre-se de usar sempre o protetor solar, hein!

Continua após o anúncio

Em relação aos riscos, Leonardo ressalta que, após a aplicação do ácido hialurônico, pode surgir eritema – uma leve vermelhidão e inchaço que, normalmente, é reduzida após 2 ou 3 dias do procedimento. Se persistente, recomenda-se a aplicação de compressa gelada para diminuir esses efeitos indesejáveis.

Mais dúvidas respondidas

iStock

Perguntamos ao dermatologista outras dúvidas sobre o procedimento, para entender a fundo se você deve investir nele ou não. Fique por dentro das respostas!

  1. Quem pode fazer skinbooster? “O skinbooster pode ser feito por pessoas de qualquer idade, mas geralmente é indicado para pessoas acima de 18 anos. Nessa idade, mais para correção de cicatrizes de acne”, aponta Leonardo.
  2. Quanto tempo dura o efeito do skinbooster? O tempo de duração média do efeito varia entre 6 e 12 meses, e o procedimento pode ser reaplicado após o término do efeito (em média, 8 ou 10 meses) ou ainda anualmente.
  3. Quanto custa uma sessão de skinbooster? O dermatologista esclarece que varia conforme o número de ampolas injetadas na pele, custando a partir de R$ 800 e podendo chegar a R$ 7000 ou R$ 8000, dependendo da quantidade de ampolas com ácido hialurônico a serem injetadas.
  4. Qual o resultado do skinbooster? Os resultados do skinbooster proporcionam uma pele mais bonita, saudável, com firmeza, hidratação, com melhora das marcas e linhas superficiais.
  5. Após o procedimento, é possível notar os resultados instantaneamente? Na verdade, Leonardo explica que, depois de cerca de uma semana da aplicação, pode-se notar os primeiros resultados.

Apesar de ser um procedimento indicado, na maioria das vezes, para melhorar os sinais da idade na pele, o skinbooster se mostra conveniente para a hidratação profunda e outros efeitos relacionados. Tudo isso graças ao ácido hialurônico, um componente com resultados incríveis!