Dicas de Mulher Dicas de Comportamento

14 segredos que você jamais deve contar a ele

Algumas lembranças e comentários são desnecessários e podem conturbar seu relacionamento, por isso, devem ser evitadas

em 01/12/2014

Foto: Thinkstock

Foto: Thinkstock

Geralmente, quando crianças, as pessoas aprendem a sempre serem sinceras umas com as outras. Expressar a opinião, falar o que pensa e nunca falar algo “pelas costas”.

Porém, há situações na vida em que falar a verdade pode tornar as coisas mais complicadas; que vão desde o constrangimento pessoal até a chateação do ouvinte. E a solução não é mentir, mas sim não dizer, omitir.

Casais de namorados são um bom exemplo disso. Apesar de todo o amor, confiança e cumplicidade, algumas verdades bobas podem trazer brigas desnecessárias ao casal e por isso, às vezes, é melhor deixar a situação como está, omitindo alguns de seus detalhes.

A lista abaixo contempla algumas dessas omissões cotidianas que toda mulher já pensou ou vai pensar. Aprenda a lidar com cada situação:

1. Que seu ex-namorado era melhor na cama

Muito do prazer no momento do sexo está ligado à química entre o casal. Às vezes, acontece de um casal encaixar mais que o outro por questões como química e intimidade, sem que se possa fazer muita coisa a respeito. Coloque-se no lugar dele: não seria nada agradável saber que você faz parte desse outro, com menos química, principalmente se o primeiro for ele com a ex. Então, melhor deixar esse assunto guardado.

Se quiser resolver o problema, por que não inovar? A coach afetiva Patrícia Camargo sugere: “Leve criatividade pra cama: novas posições, sabores, cheiros, sons, lingeries mais sexys, etc. Isto seria uma forma de evitar o assunto de que o outro era melhor na cama, mas ao mesmo tempo uma maneira leve de trazer a informação de que o sexo que é feito hoje pode ser melhorado”.

2. Que você acha que seus ex eram mais bonitos

É normal lembrar de detalhes que tornavam seu ex-namorado irresistível. Se a lembrança persistir, lembre-se: se você não está mais com ele deve ser por um motivo. “Ele podia ser mais bonito, porém mais chato, anti social, que nunca te fazia rir, por exemplo. E o atual pode ser menos atraente fisicamente, porém muito mais sociável, mais leve, que sempre coloca um sorriso em seu rosto”, indica a profissional.

3. Seus momentos felizes com seus ex-namorados

Vocês vão a um restaurante e você lembra que já frequentou o local antes, acompanhada pelo seu ex. Às vezes, contar a ele é automático, mas saiba que pode haver consequências. Não vale a pena estragar o jantar, certo? Porém, Patricia acredita que é possível contar com jeitinho. “Você pode fazer tudo o que você gosta com o novo parceiro sem necessariamente comentar que fazia com o parceiro anterior, porém, sentir-se livre para comentar que a companhia dele nos mesmos lugares é muito melhor”, sugere.

4. Falar sobre intimidades com outros homens

Aqui vale se colocar no lugar dele novamente. Você pode se lembrar de momentos quentes com outros homens que passaram pela sua vida, mas é melhor que os guarde com você. Isso porque não vai ser legal pra ele imaginar que a intimidade que vocês têm hoje já foi igual ou quase igual com outro homem.

Além disso, é uma falta de respeito com a intimidade do outro. “Se você comentar com ele as intimidades que tinha com o parceiro anterior, é muito natural ele pensar que se no futuro, vocês não estiverem mais juntos, você sairá comentado sobre as intimidades com ele para todo mundo”, aposta a coach.

5. Que você odeia sua sogra (ou alguém da família dele)

Isso, de certa forma, é comum nos relacionamentos. Porém, entrar no mérito familiar é sempre complicado. Ele tenderá a defender a família, e, pior, poderá criticar a sua também. O carma com sogras é antigo, mas é melhor ele imaginar que a mãe dele é uma sogra maravilhosa com você, pelo menos até que ele perceba o contrário.

Além disso, é provável que o problema não esteja em você, e sim neles. As sogras podem não gostar das namoradas por terem ciúmes dos filhos, por exemplo. Segundo Patrícia, “quando você muda a percepção de que o problema do outro é interno dele e não com você, fica muito mais leve o convívio”.

6. Que ele tem um amigo muito gato que te dá desejo

Avalie esse desejo. Você não gostaria de imaginar que seu namorado tem desejo por uma amiga sua, então, reflita sobre a situação e tome uma decisão, uma vez que reprimir seu desejo pode piorar as coisas. “Neste caso, sugiro ponderar sobre o desejo. Se é uma coisa muito forte ou apenas passageira e não acontece toda vez que você se encontra com este amigo. Se continuar acontecendo, melhor terminar o namoro antes que seja tarde demais”, sugere.

7. Que sua mãe te avisou que ele seria assim (sobre os defeitos dele)

As mães têm um dom de adivinhar qual namorado gosta de você de verdade e qual não. Elas se sentem responsáveis pelas filhas e estarão sempre de olho para saber se o namorado é bom o suficiente para elas. Porém, esse assunto merece ficar entre mãe e filha para não causar transtornos na relação. Pense que a mãe dele pode falar o mesmo sobre você! E Patrícia completa: “Tenha em mente que mesmo as mães podem errar e fazer um mau julgamento. O tempo irá dizer”.

8. Que sua família o julga ou não o acha bom o suficiente para você

É possível que sua família ache que ninguém vai ser bom o suficiente para você, por mais que você declare cada qualidade dele. Esse tema deve ser conversado em casa, entre você e sua família, e não entre você e ele. Se você está com ele, é porque você avaliou que ele merece estar ao seu lado, e então pode ser seu papel mostrar isso para sua família. Segundo a profissional, “o melhor é tentar ser neutro, se colocar no lugar dos familiares para enxergar da maneira que eles estão enxergando, e depois tirar suas próprias conclusões a respeito”.

9. Que você odeia que ele jogue futebol ou video games com os amigos

Os homens têm hobbies e programas pessoais. E como nós também temos, não podemos reclamar, mesmo que você prefira ele no cinema com você em vez do campo de futebol com os amigos. Saiba equilibrar e só reclame se você estiver sendo injustiçada. “Pense um pouco: por que você odeia que ele jogue futebol ou vídeo game com os amigos? O que está por trás disto? Se for somente porque ele não vai estar com você, é um egoísmo muito grande de sua parte. Supere isto e siga em frente”, recomenda a coach.

10. Que você já teve vontade de ficar com outros homens

“Ter vontade de ficar com outros homens é normal, desde que não seja algo exagerado e desesperador”, revela Patrícia. Você sabe o amor que você sente pelo seu namorado, mas já aconteceu de você ir para a balada e sentir vontade de ficar com outro homem. Seria só um beijo, mais nada, mas mesmo assim não seria justo com ele. É melhor ele não saber disso, para não ficar inseguro todas as vezes que você sair sozinha.

“O exercício de se colocar no lugar do outro e imaginar que ele também pode ter vontade de ficar com outras mulheres é muito bom para sabermos que um relacionamento deve ser regado e cultivado como um jardim, pois assim, a vontade logo passa e você reconhece que o relacionamento que tem com seu parceiro é muito maior e mais importante do que um desejo passageiro”, indica.

11. Que você quer viajar, mas sem ele

Siga o questionamento de Patrícia: “Tudo tem a ver com o propósito da viagem: você vai viajar sem ele pra matar as saudades das amigas ou você vai viajar com suas amigas solteiras que estão a fim de se divertir e você é a única em um relacionamento sério?”

Viajar com o namorado é bom, mas sozinha também. Quem viaja tem a oportunidade de se conhecer melhor, meditar e curtir, e essa independência é boa até mesmo para a autoestima. Porém, seria chato saber que seu namorado quer viajar e não te convidou para acompanhá-lo. Sendo assim, a menos que se faça um combinado de independência mútuo, é melhor deixar as viagens para as solteiras.

Além disso, “vale lembrar que mesmo viajando com ele, você sempre consegue um momento só seu. É muito mais elegante dizer que quer caminhar na praia sozinha enquanto ele fica no bar do hotel lendo um jornal do que dizer que quer fazer uma viagem inteira sem ele”, sugere.

12. Que sua amiga traiu o namorado

Para mãe e para o namorado, nunca é bom contar as peripécias das amigas. Isso porque eles têm memória boa e vão julgá-la pelo resto da vida. E se ela traiu o namorado, seu namorado concluirá que você fará o mesmo se saírem juntas, por mais absurdo que isso pareça.

Além disso, pense na confiança depositada em você e não espalhe uma intimidade que não é sua. “Assim como você também não gostaria que sua amiga comentasse com o namorado dela sobre as coisas que acontecem com você”, pontua a profissional.

13. Que você ‘xereta’ a vida da ex dele pelas redes sociais

Hoje em dia todo mundo está nas redes sociais postando fotos, vídeos e notícias sobre a vida. Inclusive a ex do seu namorado. As mulheres sabem que é natural querer saber como ela é, como está e o que faz, mas ele não precisa saber, porque pode não entender sua necessidade. E não é um crime, até porque, é bem provável que ela xerete a sua vida também! “Xerete o que você quiser, mas guarde o que descobrir pra você”, recomenda Camargo.

14. Que um funcionário novo do seu trabalho é um gato

Patrícia revela: “No trabalho, no prédio onde moramos, na faculdade… Sempre encontraremos gatos pelo caminho. E eles são um colírio para os olhos, por que não apreciá-los? Mas guarde os comentários para você”.

Se seu namorado for ciumento, pior ainda. Você passa muito tempo no trabalho e isso pode trazer muita insegurança para ele. E um relacionamento inseguro causa uma série de problemas. Comente com a amiga da baia ao lado e deixe o assunto pra lá.

Comentários
Dicas relacionadas