Homens com barba ou lisinhos: o que as mulheres preferem?

A predominância (ou não) de pelos no rosto masculino divide a opinião das mulheres e está ligada à várias percepções de personalidade

Escrito por
Foto: Thinkstock

Foto: Thinkstock

Continua após o anúncio

A barba, esse amontoado de pelos, assim como vários outros do corpo humano, dá o que falar. É assunto de debates calorosos, de preferências bem definidas e mesmo de campanhas a favor ou contra certo estilo.

Afinal existe uma preferência entre as mulheres? Com ou sem? Modelada ou fechada? Rosto lisinho? Já se foi o tempo em que um estilo de barba era obrigatório. Hoje é raro algum grupo ou ambiente de trabalho que exija um tipo específico. Filósofos de terno e gravata e executivos de tênis e barba. Felizmente as possibilidades estão cada vez mais abertas.

Algumas pesquisas já estudaram o assunto, mas elas não chegam a um consenso porque o favoritismo varia de acordo com a cultura e o momento social. Na Inglaterra os peludos fazem mais sucesso, na Nova Zelândia são os barbeados, e tem pesquisa brasileira dizendo que por aqui o que elas gostam mais é da barba por fazer.

Mas são mesmo as mulheres que parecem ter as opiniões mais bem definidas e quase todas sabem responder rapidamente do que gostam mais. Também é possível perceber certas inclinações se dividirmos as mulheres em grupos. Por exemplo, a maioria das mulheres entrevistadas que preferem os homens sem barba tem mais de 30 anos. Interesses pessoais e áreas de atuação profissional também influenciam uma inclinação.

Mas a conclusão é mesmo que tem gosto para tudo e não é possível definir se as mulheres amam ou odeiam a barba: hoje em dia, as opiniões são divididas, as preferências mutáveis e parece que o que importa mesmo são os outros atributos do moço: a barba acaba sendo importante apenas em uma primeira impressão visual.

Os barbudos

Foto: Thinkstock

Foto: Thinkstock

É possível dizer que os barbudos estão em alta no mercado. Essa é uma mudança perceptível mesmo em galãs de novelas, modelos fotográficos e artistas em geral, ou seja, personalidades masculinas que influenciam ao mesmo tempo em que são inspiradas pela moda.

As qualidades mais citadas e amadas pelas mulheres no barbudo são principalmente três: a imagem mais masculina, o ar intelectual e o roçar da barba.

“Depende da pessoa, mas acho que prefiro com barba. Fica mais bonito e com uma imagem mais adulta” – Isabela Machado, 30 anos, psicóloga.

Continua após o anúncio

Não à toa percebemos que boa parte dos grandes pensadores, cientistas, líderes e pesquisadores ostentam ou ostentaram barba ao longo de sua vida. Resta descobrir se por falta de tempo ou exigência de um emprego formal, ou por preferência estética. Talvez por isso o cultivo da barba esteja ligado à intelectualidade e à maturidade.

“Com barba é muito mais bonito, charmoso e dá um ar de ser mais interessante. Sem dúvida, é uma coisa que pesa muito na minha primeira impressão”. – Bianca Teixeira, 27 anos, vendedora.

Os barbados têm muitas opções a escolher: cavanhaque, bigode, costeleta e uma ampla possibilidade de possibilidades de modelos e desenhos, ou até mesmo de criar um estilo exclusivo. Cada uma dessas escolhas tem o poder de imprimir uma imagem ao usuário.

O contato com a pele também deve ser levado em consideração. O roçar da barba aparece tanto como qualidade quanto defeito da barba. Muitas mulheres simplesmente adoram acariciar e serem acariciadas pela barba do seu amado.

“O principal motivo é que gosto da barba me roçando, inclusive no sexo oral – é um bônus no meu prazer”. – Amanda Carvalho, 35 anos, produtora de arte.

Mas também não serve qualquer barba mal cuidada e descontrolada. A preferência pelos barbados comumente vem acompanhada da ressalva de que a barba tem que ser bem cuidada e aparada.

Os lisinhos

Foto: Thinkstock

Foto: Thinkstock

Já os que preferem andar barbeados e com o rosto liso geralmente ganham a fama de mais asseados e bem cuidados. Essa afirmação é muito possível de ser válida, se levarmos em consideração que, para manter um rosto liso e sem pelos, é necessário um investimento praticamente diário para se obter um bom resultado. A barba cresce rapidamente e a depilação com lâminas não raramente causa cortes e estragos na pele.

“Prefiro homens com a barba feita porque é bem melhor para apalpar, alisar e esfregar. Pelos enroscam, caem e podem ficar com cheiro”. Mônica Campos, 49 anos, cantora.

Outro fator muito influente na preferência pelo rosto liso é que imprime aos homens uma aparência mais jovem. O rosto barbeado passa uma ideia de praticidade, limpeza, de homens ativos e preocupados com a imagem.

Continua após o anúncio

“Barba me machuca quando roça, fico vermelha e já fiquei até empolada. Além disso, de barba ficam todos meio iguais. E esconde o rosto deles. Gosto de ver as feições, a boca, tudo”. – Cristina Martins, 37 anos, historiadora.

Os atributos que são pontos a favor da barba, acabam sendo muito parecidos com os pontos contras. A barba pinica, pode atrapalhar o beijo se avançar por cima dos lábios e pode passar uma imagem de desleixo, idade avançada e até mesmo agressividade.

“Sempre me relacionei com homens mais novos e acho que o rosto liso dá essa impressão de ser mais jovem. Ultimamente até tenho enxergado certo charme nas barbas, mas ainda prefiro os rostos lisos”. – Aline Felix, 27 anos, jornalista.

O que eles acham?

Foto: Thinkstock

Foto: Thinkstock

Alguns homens tem suas preferências, apesar de muitos, mesmo mais velhos, não terem barba ou terem sido agraciados apenas com tufos espalhados pelo rosto, o que os obrigam a sempre se barbearem. As escolhas se baseiam normalmente na praticidade, na estética e no conforto.

“Prefiro com barba. Fico com cara de criança sem barba, as pessoas não respeitam muito”. – Ricardo Mayrinck, 26 anos, perito criminal.

“Eu particularmente não gosto de barba, me incomoda que a pessoa não possa ver-me a face. E mais, existem muitas mulheres que preferem os homens sem barba, pois os pelinhos provocam cócegas e irritações em suas peles”. – Mauricio Borges, 50 anos, professor.

“Acho que fico melhor com barba, disfarça alguns traços que eu não gosto. Além disso, fazer barba todo dia é muito chato, e a barba após um ou dois dias incomoda e arranha as mulheres”. – Luis Carrera, 33 anos, ator.

“Minha barba cresce devagar. Fazer a barba duas ou três vezes por semana é o suficiente. Sendo assim, dá mais trabalho manter a barba devidamente aparada do que fazer a barba. Depois de certo tamanho me incomoda em vários aspectos. No uso de capacete fechado, para passar filtro solar e aumenta a oleosidade da pele na região o que colabora para cravos e espinhas”. – Jessé Silva, 32 anos, designer.

Famosos com ou sem barba? Compare os visuais

Atores, cantores e outros famosos vivem mudando a aparência em suas diversas fases profissionais. Veja algumas celebridades brasileiras e confira o que você acha sobre eles barbudos ou lisinhos.

Continua após o anúncio

Malvino Salvador

Felipe Titto

Alexandre Nero

Caio Castro

Reynaldo Gianecchini

Klebber Toledo

Assuntos: Relacionamentos