Como aproveitar os benefícios e a versatilidade da argila cinza na sua pele

Escrito por
Em 29.09.20

iStock

A argila cinza é uma das opções disponíveis para tratamento de pele e couro cabeludo. De acordo com Leonardo Abrucio (CRM 66591), dermatologista da BP – A Beneficência Portuguesa, esse tipo de argila é um ingrediente natural, coletado diretamente do solo e extraído das rochas vulcânicas. Para saber tudo sobre, continue a matéria!

Continua após o anúncio

Índice do conteúdo:

6 benefícios da argila cinza

A argila cinza é rica em titânio, silício e alumínio, além de ter em sua composição ferro, boro, potássio, cálcio, enxofre e propriedades antioxidantes, como aponta o dermatologista. Ele separou também uma listinha com os principais benefícios. Confira!

  • Esfolia e limpa profundamente a pele: segundo Leonardo, essa argila possui efeito esfoliante, devido à ação do titânio, além de ajudar a remover as impurezas.
  • Auxilia no tratamento da acne: a argila cinza reduz a oleosidade da pele e a quantidade de cravos espinhas, contando com o efeito esfoliante.
  • Combate manchas e discromias, como o melasma: devido à sua composição antioxidante. Além disso, a presença do titânio ajuda a filtrar a ação das radiações ultravioletas do sol.
  • Previne o envelhecimento cutâneo: pelas suas propriedades calmantes, anti- inflamatórias e antioxidantes, bem como ajuda a diminuir a ação da luz solar sobre a pele.
  • Atenua a aparência das olheiras: devido às suas ações antioxidantes, calmantes e fotoprotetora.
  • Ajuda a tratar flacidez, celulite e gordura localizada: ao passar a argila no corpo, você alcançará uma melhora no aspecto da pele, pois ela ajuda a ativar a circulação sanguínea, tem ação tensora e anti-inflamatória.

Para aproveitar esses benefícios, é importante saber como usar a argila e com qual frequência. Veja a seguir esses detalhes!

Como usar a argila cinza

Confira o passo a passo, passado pelo dermatologista, para você usar a argila em casa:

1. Mistura de argila cinza

Acrescente uma colher (sopa) de argila cinza com 2 colheres (sopa) de água termal ou mineral.

2. A aplicação deve ser feita com a pele limpa

Na face, Leonardo orienta lavar o rosto com sabonete suave ou limpar com água micelar e aplicar a mistura de argila.

3. Deixe agir por 10 minutos e retire

Após o período, retire a argila com água ou com chá de camomila gelado, para ter um efeito calmante. Essa mistura pode ser usada uma vez por semana.

Para o tratamento corporal, repita o mesmo processo de aplicação, atentando-se para a quantidade suficiente para as áreas do corpo e deixe agir por 30 minutos. Na hora de retirar, opte por um banho, limpando a pele com sabonete infantil ou neutro. Repita o processo após 10 a 15 dias.

Pode usar no cabelo?

Segundo Leonardo, a argila é indicada para diminuir a oleosidade e a descamação do couro cabeludo, por conta do pH alcalino e da presença da sílica. Ela age como um shampoo anti-resíduo, realizando uma limpeza profunda nessa região. No entanto, atente-se em passar somente no couro cabeludo, pois pode ressecar as pontas dos cabelos. Recomenda-se deixar agir por 10 minutos, a cada 15 dias.

Continua após o anúncio

“É preferível utilizar em pessoas com o couro cabeludo oleoso e para eliminar resíduos de shampoos e outros produtos”, finaliza o dermatologista.

Que tal saber mais ainda sobre o universo das argilas? Confira a matéria completa sobre máscara de argila.

Assuntos: Pele