Dicas de Mulher Dicas de Beleza

12 dicas para aproveitar o make comprado no tom errado

Ao comprar um produto para o rosto pela primeira vez, as chances de errar são grandes. Veja como aproveitar pó, base e corretivo mais claros ou mais escuros que sua pele.

em 23/03/2015

Foto: Thinkstock

Você passou dias lendo sugestões em blogs de beleza, pesquisou preços em diversos sites, leu resenhas, fuçou o site da marca e finalmente decidiu comprar aquele pó incrível. Passou o código certinho para a amiga que estava no exterior, contou os dias no calendário para o fim da viagem e quando ela finalmente chegou e entregou o produto, surpresa! Você comprou o tom errado.

Quando a compra equivocada é feita pela internet, a situação é um pouco mais fácil, já que, por lei, você tem sete dias para trocar (ou desistir da compra de) qualquer produto adquirido fora de uma loja física. Mas e nas situações em que a troca não é possível?

A boa notícia é que você não precisa necessariamente abrir mão do make comprado em tom errado. Maquiadores profissionais dão algumas dicas sobre como reaproveitar produtos mais claros ou mais escuros que sua pele. Confira:

Base

Foto: Thinkstock

Mais clara que sua pele:

1. Use-a como iluminador. “Quando se compra uma base mais clara que o tom da pele, uma dica é essa. Passe o produto na extensão do nariz e têmporas”, sugere Otávio Lameiro, beauty stylist da unidade do salão Celso Kamura em Campinas. Mas Ramiro Cerqueira, consultor de imagem em estrutura óssea e comportamental do salão Office Hair, em São Paulo, alerta para não repetir o mesmo tom da base na hora de passar o pó compacto. “Senão fica com um aspecto muito branco.”

Mais escura que sua pele:

2. Afine o rosto. “Com um tom de base mais escuro, você pode fazer sombra pelo rosto e criar um efeito de profundidade. Passe nas regiões da testa, maxilar e na base e laterais do nariz”, aconselha o maquiador Maicon Freitas.

3. Disfarce imperfeições. O estilista e maquiador Gustavo Carvalho comenta que a base em tom mais escuro é uma grande aliada para a correção de imperfeições do rosto, principalmente manchas claras.

4. Misture-a com creme hidratante. “Dessa forma, ela fica um tom mais claro, aproximando-se da cor da sua pele”, recomenda Otávio.

Corretivo

Foto: Thinkstock

Mais claro que sua pele:

5. Disfarce espinhas e olheiras. Gustavo destaca que o corretivo pode ser um grande aliado para neutralizar manchas mais escuras da pele, como espinhas e olheiras.

6. Clareie os lábios. “O corretivo mais claro pode ser usado nos lábios, junto ao lip-balm, para dar o efeito da boca nude”, acrescenta o especialista.

7. Traga ainda mais luz para o seu rosto. O corretivo mais claro também ajuda a iluminar o semblante. “Aplique-o na região abaixo das sobrancelhas ou acima das maçãs do rosto para iluminar a região. Se aplicar no centro do nariz, o rosto ficará mais alongado e fino”, afirma Otávio.

Mais escuro que sua pele:

8. Crie um olhar profundo. Sabe aquele olhar que penetra no fundo da alma? Um tom mais escuro de corretivo pode ajudar a dar mais profundidade nos olhos, segundo Maicon.

9. Crie um semblante mais fino. “Ao usar o corretivo mais escuro na região abaixo da maçã do rosto, você conseguirá dar a impressão de que ele é menor”, afirma Otávio.

Foto: Thinkstock

Mais claro que sua pele:

10. Brinque com luz e sombra. O tom mais claro do pó também pode ajudar a equilibrar os efeitos claro e escuro pelo rosto. “Passe no centro da testa, sobre o queixo e nariz, sempre espalhando bem o produto para não deixar marcas”, recomenda o beauty stylist.

Mais escuro que sua pele:

11. Chega de “efeito fantasma” nas fotos. Quem está acostumada a usar tonalidades de pó mais claras, sabe bem que isso pode ser uma armadilha na hora de tirar fotos. Dependendo do ângulo, o rosto pode sair super branco e brilhante demais. Assim, o pó em tom mais escuro pode ajudar a quebrar esse efeito. “Só cuidado que, o excesso pode deixar um tom forte de bronzeamento só no rosto. Não exagere”, alerta Ramiro. Uma boa dica é passar o pó escuro não só no rosto, mas também nas orelhas, no pescoço e no colo para deixar os contrastes do rosto mais naturais. Outra alternativa é usar uma base mais clara antes do pó mais escuro para equilibrar o tom da pele.

12. Afine bochechas e nariz. “Use o produto marcando a parte debaixo das maçãs do rosto”, sugere Otávio.

Para não errar mais

Foto: Thinkstock

Os especialistas concordam que a melhor forma de não comprar produtos de maquiagem em tom errado é experimentar. Muitas lojas físicas oferecem itens de mostruário para que você possa comparar os itens com o tom da sua pele. Especialmente na hora de adquirir produtos novos, não arrisque nas compras pela internet para não ter chance de erro.

Gustavo recomenda experimentar base, pó e corretivo diretamente na pele do rosto para não ficarem dúvidas. “A base deve ser espalhada pelo maxilar e harmonizar com o tom da pele e o pó nunca deve ser aplicado no braço ou na mão para experimentar, já que há grande variação em relação à cor do rosto”, explica. Para o corretivo, Maicon recomenda testar na região mais escura dos olhos, onde fica a marca da olheira.

Se ainda assim restarem dúvidas para a base, o maquiador Orlando Rosseto recomenda um tira-teima: “Coloque uma gota de cada cor em um dos dedos da mão e, em seguida, passe os dedos no rosto, formando duas faixas verticais. A cor que você menos enxergar é o tom certo.”

Otávio acrescenta que outra preocupação importante é comprar produtos sempre de acordo com seu topo de pele. “Uma base mais mate no caso de pele oleosa e uma mais hidratante para a pele seca”, finaliza.

Comentários
Dicas relacionadas