Dicas de Mulher Dicas de Comportamento

Transforme seu amigo em namorado

Mude o status do relacionamento de vocês e conquiste-o de vez

em 29/09/2014

Você olha para ele com outros olhos, quer cada vez mais tê-lo por perto, sente ciúmes das mulheres que se aproximam dele, sonha em tê-lo ao seu lado em todos os momentos (principalmente nos românticos) e sua frio quando ele lhe dá aquele abraço apertado? Esses são sinais claros de que, sim, você se apaixonou por seu amigo. Mas será que é possível transformar um relacionamento assim em algo sério? Sim! Siga nosso plano de ação e prepare-se. Pois você vai fisgar esse gato.

Comece sabendo que você já tem vários pontos a seu favor. Isso porque quando duas pessoas são amigas, elas já têm muito em comum. É o que afirma a especialista em relacionamentos da agência de casamentos Par Ideal, Sheila Rigler. A partir daí, é com você. Procure perceber se vocês dois sentem admiração e atração um pelo outro.

Encontrou o que procurava? Então é hora de investir. “A partir da amizade, o jogo da conquista até se torna mais fácil”, explica a especialista. Por isso, o melhor é jogar limpo. Uma ótima opção é chamá-lo para uma conversa séria sobre seus sentimentos. “A partir daí, parta para as etapas comuns de uma conquista, que envolvem sedução, charme, amor, desejo e respeito”, completa Sheila. Mas não se esqueça de que os dois devem estar envolvidos, certo? Nada de criar falsas expectativas. Afinal, nessa hora é preciso estar consciente que o outro pode não correspondê-las e acabar se afastando.

O amor falou mais alto

Se após a conversa vocês se entenderam e decidiram dar a grande chance ao amor, não esqueça que o tipo de relacionamento entre vocês mudou. “É importante que não fazer comparações com o tempo de amizade. Muita coisa muda quando se inicia um romance, principalmente as exigências”, comenta.

Outra dica importante é evitar muita intimidade com amigos em comum para não gerar constrangimentos ou ciúmes. Também não permita que o relacionamento mate a amizade. “É preciso continuar com as confidencias e manter o humor na relação” explica Sheila. Lembre-se de que, antes de tudo, vocês são grandes amigos e parceiros.

E não tem coisa melhor que isso não é mesmo? Já que a amizade existe há algum tempo, ambos se conhecem bem e sabem quais são os hábitos e preferências um do outro. Aproveite esse conhecimento para surpreendê-lo. Aposto que preparar seu prato preferido ou escolher o filme que ele mais gosta vai ser mole para você.

Outra vantagem de namorar um “amigo” é estar no mesmo círculo de amizade que ele. Já que não haverá aquela situação chata de um não querer sair com os amigos do outro. Ou seja, aproveite. Continue fazendo o que sempre gostaram na companhia do outro, como ir ao cinema ou um parque, contar confidências, só que agora, é claro, tudo com um gostinho diferente.

Não rolou

É sempre válido lembrar que a tentativa de transformar uma amizade em amor pode não dar certo. “Nesse caso, a probabilidade de que os dois voltem a se relacionar como antes é pequena. É mais fácil uma amizade se transformar em namoro, do que ex-namorados se tornarem amigos”, explica a especialista. Por isso, a decisão de abrir o jogo sobre o que sente deve ser bem pensada.

Comentários
Dicas relacionadas