Quais frutos do mar são os mais saudáveis?

Saiba quais peixes trazem benefícios ao corpo humano e veja dicas de como escolher os mais fresquinhos

Escrito por Ana Carolina Gabriel

Foto: Thinkstock

Ricos em ômega 3, substância benéfica ao organismo, os frutos do mar são essenciais para uma alimentação saudável e equilibrada. Por isso, inserí-los no cardápio pode ser a melhor solução para garantir mais qualidade de vida. Mas é preciso ter muito cuidado ao comprá-los, já que nem sempre estão frescos e ideais para o consumo.

“Quem pretende acrescentá-los na dieta, é ideal conhecer bem o lugar, analisar as condições de higiene e principalmente de armazenamento do peixe. Incluí-los na dieta traz vitaminas A, B, D e E, além de cálcio, iodo, ferro, cobre, potássio e zinco”, comenta a dona de casa e ex-chef de cozinha, Dirce Ballarine.

Tipos

Quando o assunto é fruto do mar, variedade de sabores é o que não falta. Os crustáceos, como por exemplo, lagostas, camarões e siris, possuem vitaminas e saias minerais que auxiliam na perfeição de todo o funcionamento do corpo. Os moluscos, como ostras e mexilhões também possuem substâncias, que não são produzidas pelo corpo humano, mas que são extremamente benéficas ao organismo.

“Os frutos do mar podem ser preparados com temperos suaves para dar um toque ainda mais especial ao cardápio. Além de trazer mais sabor ao prato, eles oferecem mais qualidade de vida à todos que consumem”, comenta a chef.

Top 5 de Peixes

Salmão: Possui grande quantidade de ômega 3 e deve ser consumido, pelo menos, uma vez por semana. Além de ser benéfico ao corpo humano, auxilia na preparação de deliciosos pratos.

Atum: Também são ricos em ômega 3, mas é preciso ficar atento e selecionar bem antes de comprar. Quem gosta dos enlatados, evite marcas que possuem óleo.

Tilápia: Presente em água doce, o peixe pode ser frito em azeite, deixando o cardápio ainda mais saboroso e saudável. Rodelas de tomate e azeitonas podem ser inseridas no prato.

Bacalhau: O tradicional bacalhau com batatas também é considerado prato saudável e pode ser consumido sem medo!

Anchova: Rico também em ômega 3, pode ser encontrado em águas salgadas e profundas.

Antes de comprar

Cheire o peixe: É indinspensável analisar o cheiro antes de comprar. “O cheiro não deve estar muito forte, pois significa que ele não está fresco o suficiente”, orienta Dirce.

Analise o ambiente: Veja as condições em que ele foi armazenado. “Ele deve estar no gelo e livre de calor ou insetos”, diz a ex-chef.

Passe a mão: Sinta o peixe. “Ele deve estar bem lisinho e sem nenhum caroço”, recomenda Dirce.

Carne: “Segure também o peixe na mão e veja se, ao pressionar, o dedo fica marcado no peixe. Se isso acontecer, significa que ele está fresco”, diz a ex-chef.

Barbatanas: “Elas não devem estar machucadas, mas sim, lisas, molhadas e macias”, orienta Dirce.

Vale lembrar que o ideal é comprar no mercado de sua confiança e analisar todos esses itens para garantir que o alimento esteja saudável e ideal para o consumo. Depois, una os temperos e prepare a receita para a sua família. Com certeza, todos vão adorar!

Assuntos: Alimentação

Dicas pela Web