Preenchimento labial

Saiba tudo sobre preenchimento labial temporário e definitivo

Escrito por Alessandra Busko

Com o tempo, os lábios vão envelhecendo, perdem o contorno natural, ficam murchos, surgem rugas em torno boca. Além dos sinais de envelhecimento, que deixam a aparência triste e cansada, também existem mulheres que possuem lábios muito finos e desejam ter uma boca mais volumosa e sensual. E hoje, graças à estética, já existem tratamentos para rejuvenescer ou apenas aumentar os lábios.

O preenchimento labial é um procedimento feito com substâncias injetáveis que ajudam a engrossar os lábios e minimizar as marcas do tempo, devolvendo uma aparência mais jovem. Existe uma grande variedade de formas de preenchimento, o preenchimento labial temporário que desaparece em um espaço de tempo e o preenchimento labial definitivo, que dura por muito mais tempo.

Primeiramente, o especialista deve analisar seu caso e sugerir qual dos tipos é o mais indicado. Estes procedimentos estéticos são bem simples e podem ser realizados na própria clinica.

Preenchimento labial temporário

As substâncias utilizadas para este procedimento são o colágeno e o ácido hialurônico. Suas ações são temporárias e por isso, necessitam de aplicações periódicas para a manutenção dos resultados. O tempo de duração do preenchimento labial com colágeno é de até quatro meses e do preenchimento labial com ácido hialurônico de até seis meses.

Outra substância usada para o preenchimento labial é o enxerto de gordura, ou seja, o enxerto é feito com a própria gordura da paciente. É feita uma lipoaspiração para retirar gordura do abdômen ou culotes e em seguida, injetada deixando os lábios mais bonitos e volumosos.

Preenchimento labial definitivo

As substâncias utilizadas para este procedimento são sintéticas. O procedimento do preenchimento labial definitivo é muito simples. Após a anestesia local, é introduzida certa quantidade do produto através de uma agulha tanto no lábio superior e inferior.

A recuperação demora aproximadamente uma semana e podem ocorrer certos inchaços ou manchas roxas na região aplicada, vermelhidão e sensação de dormência por algumas semanas por motivo da anestesia. Para estes sinais diminuírem rapidamente, a paciente deve manter a cabeça elevada e fazer compressas de gelo várias vezes ao dia. Se as instruções forem seguidas corretamente, não há riscos de complicações. Após o procedimento não é aconselhável a exposição ao sol e atenção deve ser redobrada quanto ao uso do protetor solar.

Assuntos: Pele

Dicas pela Web