Vidro ou plástico? Qual tipo de pote é melhor para armazenar os alimentos

Alguns materiais podem liberar toxinas ao entrarem em contato com os alimentos. Atente-se!

Escrito por Mariana Bueno

Foto: iStock

Uma dúvida comum da maioria das pessoas na hora de armazenar os alimentos na cozinha é saber que tipo de pote usar. Existe algum mais seguro ou com o material mais indicado? A nutricionista Simone Bacht, esclarece alguns pontos importantes.

Segundo ela, a dúvida acontece porque há diferentes tipos de potes e materiais, como vidro, plástico, inox e outros. E cada um deles tem algumas particularidades que podem interferir tanto na conservação dos alimentos como na nossa saúde.

O principal risco tem a ver com uma substância que está presente nos potes feitos de plástico, o Bisfenol-A.

O que é Bisfenol-A?

Foto: iStock

Também conhecido pela sigla BPA, o Bisfenol-A é uma substância utilizada na fabricação do policarbonato, resina usada para produzir plásticos. Essa substância tem sido uma das mais estudadas na atualidade, pois seu consumo, que acontece quando algum alimento é aquecido em potes de plástico, está associado a problemas de saúde.

O Bisfenol-A está presente no plástico de itens como recipientes de armazenamento, garrafas de água, mamadeiras, entre outros. Alguns já tiveram sua comercialização proibida pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), mas muitos continuam à venda e seguem sendo muito usados no dia a dia.

Leia também: 18 erros que você pode estar cometendo ao preparar seus alimentos

4 motivos para evitar o uso de plástico

Foto: iStock

  1. Os plásticos são fabricados a partir do petróleo e o seu contato com os alimentos liberam algumas toxinas. Isso é potencializado com a ação do calor, quando, por exemplo, o pote feito deste material é levado ao micro-ondas.
  2. Uma dessas toxinas é o Bisfenol, cuja ingestão vem sendo frequentemente relacionada a alterações no sistema endócrino, que regula (ou desregula) a produção de hormônios.
  3. Além disso, pode causar efeitos adversos sobre a fertilidade, e, ainda, câncer, doenças do sistema nervoso central e outras.
  4. Outro ponto importante é o fato de os potes de plástico afetarem o meio ambiente, porque acabam adquirindo manchas e rachaduras com mais facilidade, o que leva ao descarte e gera mais lixo.

Por isso os copos descartáveis, as tampas de plástico de micro-ondas e o plástico filme em contato direto com os alimentos são hábitos que também devem ser evitados. Mas, se for escolher um pote de plástico, opte pelos que são livres de Bisfenol – essa informação costuma vir escrita na embalagem – que são mais seguros.

Melhores potes para armazenar alimentos

Foto: iStock

De acordo com a nutricionista, as melhores opções são os potes de vidro ou de inox, especialmente quando for aquecer os alimentos.

O vidro é um material inerte, que não reage em contato com o alimento. E dura mais. Uma dica é reaproveitar potes de produtos. Os de inox também são boas alternativas, mas é preciso ter cuidado para não arranhar e não ter liberação de metais usados na fabricação.

Ambos custam mais caro, mas, se bem conservados, têm vida útil maior, o que compensa o investimento. Além disso, é um detalhe que faz diferença na saúde em longo prazo.

Leia também: Como congelar e descongelar alimentos corretamente

Assuntos: Cozinha

Dicas pela Web