9 óleos essenciais que podem ajudar a melhorar o seu sono

Extraídos das plantas, esses óleos favorecem o relaxamento e nos ajudam a dormir melhor

Escrito por Raquel Praconi Pinzon

Foto: iStock

Depois de um dia estressante e cheio de nervosismo, pode ser difícil se desligar dos problemas do trabalho ou mesmo da vida pessoal na hora de dormir. Como resultado, passamos horas e horas rolando na cama, remoendo aquilo que ainda não sabemos como resolver.

Se você está passando por um período de ansiedade e insônia, um remédio natural para aliviar esses problemas é o uso dos óleos essenciais. Embora já sejam empregados há muito tempo na aromaterapia, a ciência também tem se dedicado a estudar seus benefícios, como você pode ver neste estudo.

Conheça as melhores opções de óleos essenciais para relaxar e dormir melhor:

1. Óleo de lavanda

Foto: iStock

Muito tradicional, o óleo de lavanda é utilizado há séculos para ajudar as pessoas a pegar no sono. Para isso, você pode pingar de 5 a 6 gotas do óleo perto da sua cama (como no criado-mudo), fazer uma massagem com uma solução a 2% ou mesmo ingerir uma cápsula antes de dormir, embora essa apresentação não seja muito comum no Brasil.

2. Óleo de angélica

Foto: iStock

Também conhecida como raiz-do-espírito-santo, antigamente a angélica era utilizada como forma de proteção. Atualmente, o óleo essencial dessa planta é usado para fazer massagens que provocam o relaxamento e o sono.

Leia também: Chá para insônia: aprenda a fazer e tenha uma boa noite de sono

Geralmente, o óleo de angélica é misturado com óleo de manjericão, óleo de cedro e óleo de cardamomo para fazer uma solução de massagem com 2% de concentração.

3. Ylang-ylang

Foto: iStock

O óleo essencial de ylang-ylang é conhecido principalmente por suas propriedades afrodisíacas, mas ele também combate a tensão nervosa, a ansiedade, o estresse e a raiva, ajudando as pessoas a pegar no sono.

Em geral, o óleo de ylang-ylang funciona melhor para combater a insônia quando é utilizado em conjunto com outros óleos, como o de cedro, sândalo e cipreste. Ele não deve ser utilizado sem fazer uma diluição, pois pode ser irritante para a pele.

4. Óleo de camomila

Foto: iStock

A camomila é famosa por seus efeitos calmantes, sejam eles aplicados em irritações na pele ou no combate à insônia. Se você já costuma tomar chá de camomila antes de dormir, uma dica para aumentar seu efeito é adicionar uma gota do óleo essencial dessa planta à bebida.

O óleo de camomila combina com os óleos essenciais de cedro, lavanda, ylang-ylang e capim-vetiver para fazer um óleo de massagem ou um difusor para o ambiente.

Leia também: 10 calmantes naturais que ajudam a tratar a ansiedade, insônia e até depressão

5. Óleo de neróli

Foto: iStock

O óleo de neróli, também conhecido com óleo de flor de laranjeira, é um dos mais nobres óleos essenciais, sendo bastante utilizado na fabricação de perfumes. Por ter propriedades relaxantes e sedativas, ele também é empregado para induzir o sono.

Para aproveitar melhor seus benefícios, a dica é misturar 5 gotas cada um dos óleos de neróli, franquincenso (olíbano), ylang-ylang e lavanda e inalar por alguns minutos antes de se deitar.

6. Óleo de valeriana

Foto: Reprodução / GoBotany

A valeriana é utilizada há muito tempo na medicina popular para combater a ansiedade, a tensão nervosa e a insônia. Ele pode ser utilizado em cremes, óleos para massagem, aromatizador para banhos, escalda-pés ou difusor para ambientes.

7. Óleo de junípero (zimbro)

Foto: iStock

Feito com as bagas do junípero (também chamado de zimbro), este óleo essencial é mais conhecido por suas propriedades desintoxificantes. Porém, ele também oferece alívio para tensões musculares e dores nas articulações, promovendo o relaxamento do corpo e facilitando que a pessoa pegue no sono.

A melhor forma de utilizá-lo é fazer massagens em uma solução diluída diretamente nos músculos e articulações que estejam doloridos.

Leia também: 31 dicas para lidar com a insônia

8. Óleo de bergamota

Foto: iStock

O óleo de bergamota é conhecido por aliviar o estresse e acalmar a mente, funcionando como um excelente ansiolítico natural. Dessa forma, ele ajuda a tranquilizar os pensamentos que podem nos deixar acordadas durante a noite, diminuindo o tempo que levamos para dormir.

Uma das opções de uso desse óleo é pingar uma gotinha no chá antes de dormir. Você também pode misturá-lo a outros óleos essenciais derivados da madeira para fazer um óleo de massagem ou um difusor para ambientes.

9. Óleo de cominho-preto

Foto: iStock

Extraído de sementes de cominho-preto colhidas no Oriente Médio, especialmente no norte do Egito, esse óleo é mais conhecido por suas propriedades benéficas para a digestão. Porém, quando utilizado como óleo de massagem, ele favorece o relaxamento.

Em geral, o óleo de cominho-preto é utilizado em associação com o óleo de menta, ravensara e alecrim.

Uma recomendação importante para o uso dos óleos essenciais

Foto: iStock

Apesar de seus benefícios para o relaxamento e para a saúde em geral, vários óleos essenciais podem ser tóxicos se inalados ou aplicados na pele na forma pura.

Leia também: 8 alternativas naturais que ajudam a dormir mais rápido

Por isso, você sempre deve seguir as recomendações do fabricante e diluí-los quando necessário. Também é importante não exagerar na quantidade utilizada para inalação, evitando cheiros fortes demais e que podem ser irritantes para as vias aéreas.

Assuntos: Sono

Dicas pela Web
Comentários