O que os homens pensam dos cortes de cabelo femininos?

Três entrevistados dão sua opinião sincera sobre os diversos estilos adotados pela mulherada

Escrito por Carolina Werneck

Foto: Thinkstock

Quando o assunto é cabelos, a moda é bastante democrática. Embora alguns cortes sejam apontados como tendência em determinadas épocas, ser mulher é ter total liberdade para escolher o tipo de corte que mais te agrada.

Mas o que será que os homens têm a dizer sobre os cortes adotados por nós? Se em algum momento da história os cabelos compridos foram unanimidade com o público masculino, esse quadro mudou e, hoje, os rapazes apreciam muito mais do que apenas longas madeixas.

Curto joãozinho

Que tal adotar um corte usado pelos próprios homens? Muitas mulheres ficam bem com esse tipo de cabelo – e há, sim, homens que curtem esse corte, mas nossos entrevistados são quase unânimes em afirmar que depende muito do rosto da mulher para que eles aprovem a escolha.

Para Lucas, fotógrafo de 22 anos, o estilo Joãozinho “talvez fique bem em pouquíssimas mulheres, pois depende muito do formato do rosto”.

Kenneth, 29 anos e analista de sistemas, concorda com a opinião de Lucas. “Não gosto muito, acho que não combina com mulheres, exceto em alguns raros casos”, diz.

Mas não é preciso abrir mão do estilo, caso você o considere bonito. João, psicólogo de 27 anos, afirma preferir justamente as mulheres com os cabelos mais curtos. “Me passa uma imagem de mulher com opinião definida e com postura”, ele explica.

Curto

Os cabelos curtos são outra opção da população feminina – e também foram avaliados pelos entrevistados. Lucas afirma que “[o corte] não é dos meus preferidos, mas é bonito e feminino”, enquanto Kenneth discorda. “Faz a mulher parecer séria. Ficam com caras de bravas”, explica o analista de sistemas.

João, mais uma vez, defende as madeixas curtinhas. “O estilo das gurias que eu acho mais atraente geralmente se enquadra nesses tipos de corte [mais curto]”, revela.

Chanel

Um clássico das tesouras, o chanel parece nunca sair de moda. Por ser uma opção prática e elegante, caiu no gosto da mulherada. Mas os homens pedem parcimônia na hora de adotar o corte.

“Este é outro que repito: fica bem em pouquíssimas mulheres e, nas que fica bem, eu gosto”, afirma Lucas. Kenneth tem uma opinião parecida, e explica que “na maioria das vezes, [o corte Chanel] faz a mulher parecer fresca, meio patricinha”.

Médio

Nem tão curto a ponto de não ser feminino, nem tão longo a ponto de dar muito trabalho. Para Lucas, o corte perfeito é mesmo o médio. “Acho que é meu preferido. Bem feminino e elegante”, afirma.

João considera os cabelos a partir deste tamanho um pouco mais democráticos com as mulheres. “Os cabelos mais curtos não deixam a mulher menos feminina, porém é indiscutível que com os cabelos mais longos […] a mulher tem mais instrumentos para mostrar o seu eu-feminino, é um padrão mais conhecido e não tem erro”, diz o psicólogo.

Longo

Nossos entrevistados são categóricos ao avaliar os cabelos longos. Para Lucas, o corte “é bonito e combina com a grande maioria das mulheres”. Kenneth brinca ao afirmar que são “na minha opinião, o ‘mais melhor de bão’. Mulher com cara de mulher”.

João também defende as longas madeixas, dizendo que “aqueles cabelos longos e soltos, contra o vento, é uma das cenas mais bonitas que um olhar masculino pode vislumbrar, porque realça a beleza do feminino”.

No entanto, o psicólogo entende que cada mulher deve se sentir bem com o corte que escolher para si. “O melhor corte, eu sei que isso vai ser clichê mas continuarei, é aquele com o qual a mulher consegue se enxergar, pois mostra espontaneidade e sinceridade, um bem-estar pessoal, e isto é muito mais cativante que qualquer corte, roupa, moda aos quais uma mulher queira se sujeitar”, finaliza. E você, concorda com eles?

Para você