O fim é apenas o recomeço

A forma como você lida com o término de um relacionamento pode fazer muita diferença no seu futuro e principalmente na sua felicidade

Escrito por Andreia Mattiuci

Há poucos dias recebi um e-mail de uma “rapariga” lá de Portugal dizendo que seu primeiro namoro havia terminado há um ano e que ainda não conseguia esquecer o ex. São inúmeros os exemplos de pessoas que não aceitam o término do relacionamento por anos e que não conseguem seguir a vida.

Acredito que a maior dificuldade seja em aceitar que a pessoa não nos ama mais. É bastante comum escutarmos frases do tipo “eu fiz tudo por ele”, “ele não vai encontrar uma pessoa melhor do que eu”, “o que ela tem que eu não tenho”, “ele me jurou amor eterno”, etc.

Realmente é bem difícil, mas precisamos entender que um relacionamento (seja amoroso, familiar ou com amigos) é formado por pessoas com seus defeitos e qualidades. De grosso modo, podemos dizer que os defeitos são o resultado de tudo aquilo que vivemos.

Por exemplo: uma pessoa que teve dificuldades na infância, muitas vezes relacionada com a falta de amor dos pais, poderá se tornar um adulto inseguro e por vezes infiel compulsivo, tentando buscar o amor perdido lá na infância, que é impossível ser resgatado. O que quero dizer com esse exemplo?

Não existem pessoas boas ou más, o que acontece as vezes é que cobramos de uma pessoa o que ela não pode nos dar (amor, carinho, fidelidade, etc). A menos que essa pessoa se sinta incomodada e queira procurar ajuda (terapia por exemplo), dificilmente ela irá mudar.

Prestem bem atenção no que estou falando, ninguém consegue mudar ninguém, e já presenciei muitas pessoas acreditando ter esse poder mágico e sofrendo horrores depois. Portanto, se houve traição, mentiras, decepções e outros livre-se dessa culpa, a dificuldade está na pessoa. Você pode passar a vida se questionando e não encontrará as respostas.

Outra questão importante é o medo da solidão. Quando um relacionamento termina a primeira sensação é de que nunca mais iremos amar e ser amado por ninguém. É um túnel simplesmente sem luz. Normalmente isso acontece porque o casal se afasta dos amigos e da própria família e com o término a pessoa se encontra sozinha.

Então, se seu relacionamento terminou liberte-se da culpa e não alimente raiva do ex, a infelicidade está em quem causou o mal e não em quem recebeu. Procure novas atividades, um novo caminho para o trabalho, novos amigos e assim você perceberá que a beleza da vida é que ela é sempre reciclável.

Se você optar por jogar suas tristezas em um saco de lixo poderá levar anos ou até décadas até ela desaparecer, mas se você reciclar conseguirá transformar o que foi ruim em um recomeço com mil possibilidades a sua frente. Ser feliz é uma questão de escolha.

Assuntos: Relacionamentos

Para você