Existe diversidade na premiação do Grammy Awards de 2022?

A 64.ª cerimônia do Grammy fez história ao premiar mulheres e diversas personalidades negras, promovendo mais diversidade

Publicado por                                
Em 04.04.22 às 17:10

Reprodução / Doja Cat e Sza no Grammy

Por
Em 04.04.22 às 17:10

Nesse domingo (3), ocorreu a cerimônia do Grammy 2022, evento importante para a indústria musical. Os nomes que brilharam na edição foram: Olivia Rodrigo, Jon Batiste e Silk Sonic, ganhadores dos prêmios mais importantes da noite.

Publicidade

Em 64 anos de existência, Jon Batiste, cantor, compositor e pianista de jazz, foi o 11º artista negro a vencer a categoria máxima, após 14 anos. Indicado em 8 categorias, levou pra casa o prêmio de Álbum do Ano por We are, lançado em 2021. Outros ganhadores negros das edições passadas são, por exemplo: Michael Jackson, Lauryn Hill, Whitney Houston e Quincy Jones.

A estrela da noite, entretanto, foi Olivia Rodrigo. A cantora tornou-se a terceira vencedora mais jovem a conquistar um Grammy, trazendo uma questão importante sobre a falta de representatividade feminina em grandes premiações.

A cantora concorreu às quatro categorias principais, tendo no total sete indicações. Os prêmios conquistados por ela nessa edição foram de Artista Revelação, Performance de Pop Solo e Melhor Álbum de Pop Vocal. Antes dela, ganharam LeAnn Rimes com 14 anos, em 1997, e Billie Ellish com 17 anos, em 2019.

O Brasil também fez sua participação, a pianista brasileira Eliane Elias venceu o Grammy pela segunda vez na categoria de Melhor Álbum de Jazz Latino. Eliane toca piano desde os sete anos de idade e fez da música sua vida. Aos 21 anos, foi para Nova York para seguir carreira como pianista da banda Step Ahead.

Já o duo Doja Cat e Sza fizeram história ao serem as primeiras mulheres negras a conquistar o prêmio de Melhor Performance de Pop em Duo/Grupo, desbancando os coreanos da banda BTS. Com o single Kiss me more, as cantoras marcaram a segunda colaboração feminina a conquistar o Grammy.

Marília Mendonça foi uma das musicistas homenageadas da noite devido à sua morte repentina, entretanto os internautas brasileiros ficaram decepcionados pela falta de homenagem para o grande nome da música brasileira, Elza Soares, que morreu aos 91 anos em janeiro deste ano.

Você pode conferir a cerimônia completa no YouTube: